Obama ” FAZ HONRA” á Promessa que está contida ao receber o Prémio Nobel da Paz.


No Cemitério Nacional de Arlington, na Virgínia, após depositar flores no túmulo do soldado desconhecido, o Presidente Obama, Premio Nobel da Paz em 2011 disse:

“Como comandante-geral, posso lhes dizer que colocar nossos soldados em perigo é a decisão mais sofrida que eu tenho de tomar”

“Eu prometo que nunca farei isso, a menos que seja absolutamente necessário e quando o fizermos, precisamos dar às nossas tropas uma missão clara e o apoio pleno de uma nação agradecida.” Fim da cita.

De acordo com a vontade de Alfred Nobel, o prémio Nobel da Paz deveria distinguir:

“A pessoa que tivesse feito a maior ou melhor acção pela fraternidade entre as nações, pela abolição e redução dos esforços de guerra e pela manutenção e promoção de tratados de paz”.

No caso de Barack Obama foi-lhe entregado, e cito:

Pelas ideias de “boas intenções” para reforçar o papel da diplomacia internacional e a cooperação entre os povos.

  • Esta será uma piada ruim?  
  • Alguém advertiu a Obama que, se ele não fizesse exactamente o oposto do que lhe disseram para fazer ao entregar-lhe o prêmio, tiravam-lhe o Nobel ?  
  • Será que promover, participar e incitar as guerras “absolutamente necessárias ” durante todo o seu mandato presidencial, foi uma das derrogações previstas para “manter e promover acordos de paz” ?

O mundo está a mudar dramaticamente, e infelizmente nem sempre para melhor, possívelmente as regras gramaticais de interpretação também estão a entrar  nesta vortex de variações negativas e entregar o Prémio Nobel da Paz para o líder da potência mais bélica na história da nossa maltratada terra responde a um objectivo completamente contrário a aquele para o qual foi criado.

Artigo de Tudoparaminhacuba

Autor: tudoparaminhacuba

Adiamos nossas vozes hoje e sempre por Cuba. Faz da tua vida sino que toque o sulco, que floresça e frutifique a árvore luminoso da ideia. Levanta a tua voz sobre a voz sem nome dos outros, e faz com que se veja junto ao poeta o homem. Encha todo o teu espírito de lume, procura o empenamento da cume, e se o apoio rugoso do teu bastão, embate algum obstáculo ao teu desejo, ¡ ABANA A ASA DO ATREVIMENTO, PERANTE O ATREVIMENTO DO OBSTÁCULO ! (Palavras Fundamentais, Nicolás Guillen)

Um pensamento em “Obama ” FAZ HONRA” á Promessa que está contida ao receber o Prémio Nobel da Paz.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: