Os “Desaparecidos” na Cuba de hoje.

estupidez

Fonte: Auca en Cayo Hueso / El Duende de Miami

Lemos em um Blog de Internet daqueles que estão envolvidos na propaganda preta contra Cuba: “desapareceu o dissidente ……”.  Em apenas meia hora  no mesmo Blogue  diz: “apareceu o dissidente ……..”. Ele tinha sido levado para uma unidade da policia  para intimação de rotina. Ele manteve-se detido por apenas meia hora, e já estavam a disser que ele estava “Desaparecido”. Não há um  dia em que  a história falsa de um dissidente “Cubano” que “desapareceu” seja publicada.

O uso e abuso do termo “Desaparecido” por “os Blogueiros” da oposição cubana os faz   cair na desgraça  mais baixa.  Devemos perguntar a argentinos e chilenos que significa para eles a palavra “Desaparecidos” .

Continuar a ler “Os “Desaparecidos” na Cuba de hoje.”

Confirmado: A CIA puxa as cordas de Yoani Sánchez ou “A Nossa Mulher em Cuba”

YOANI "A MULHER MARRETA" DA CIA EM CUBA
YOANI “A MULHER MARRETA” DA CIA EM CUBA

Por: Luis Miguel Rosales / La Santa Mambisa

A história não é errada e a evolução de provas dos factos históricos mostram a relação  entre eles, embora às vezes o espectador não perceba isso.

Refiro-me a informação que apareceu recentemente de que um antigo funcionário da CIA, fundador de Empresa  de inteligência Applied Memetics  especialista com fins subversivos no uso de redes sociais e outros serviços que oferece Internet,  tinha sido contratados em 26 de Setembro de 2012 pela Junta de  radiodifusão de governadores (BBG por sua sigla em inglês) para organizar e liderar um grupo de dez “jornalistas independentes” em Cuba para transmitir informações não certas da realidade cubana.

Ou seja, a CIA irá revisar o trabalho de campo destes supostos jornalistas, que vão receber  as orientações de interesse para a Agência.

Continuar a ler “Confirmado: A CIA puxa as cordas de Yoani Sánchez ou “A Nossa Mulher em Cuba””

Como mudou a justificação do bloqueio a Cuba: desde “ameaça soviética” para “direitos humanos” / VIDEO 5 *****

Carga Policial 25S Madrid

FONTE: CUBAINFORMACION TV

Com base em um texto de Iroel Sánchez, no blog “La Pupila Insomne” 

 

 

Viagem ao Continente Branco: Aos 30 anos da chegada dos primeiros cubanos a Antártida

cubanos em antartida

Artigo especial e multimedia em: Juventud Rebelde Cuba

Diálogo de paz entre Farc e governo colombiano entra em recesso

Segundo acordaram as delegações da guerrilha e do gabinete de Juan Manuel Santos, a mesa de diálogo será retomada no dia 5 de dezembro. Em um comunicado conjunto divulgado na última quinta-feira (29) durante a nona jornada das conversas, o governo e as Farc-EP adiantaram que continuarão concentrados no tema da terra, primeiro ponto da agenda do Acordo Geral para a terminação do conflito e a construção de uma paz estável e duradoura.

Dito documento foi o resultado de um encontro exploratório realizado também em Havana, texto que além da questão do desenvolvimento agrário integral inclui a participação política, o fim do conflito armado, a solução ao problema do narcotráfico, a atenção às vítimas e os mecanismos de implementação e verificação do acordado na mesa.

O recesso de cinco dias permitirá às partes realizar consultas e análises internas sobre o que foi abordado até agora no processo, que tem Cuba e Noruega como garantes, e a Venezuela e o Chile como acompanhadores.

CONTINUE LER AQUI: VERMELHO

EM REL: Con avance concluyó primer ciclo del diálogo

Chávez confirma presença na Cúpula do Mercosul

mercosul1

A assessoria da Embaixada da Venezuela no Brasil confirmou a presença de Chávez. Parte da delegação venezuelana já está em Brasília. O presidente venezuelano deve vir direto de Havana para Brasília, segundo informações preliminares. A Venezuela foi integrada ao Mercosul em 31 de julho durante cerimônia em Brasília.

No próximo dia 7, são esperados em Brasília, além de Chávez, os presidentes José Pepe Mujica (Uruguai) e Cristina Kirchner (Argentina). Antes, haverá reunião dos ministros das Relações Exteriores dos países que compõem o Mercosul.

CONTINUA A LER: VERMELHO

Sistema das Nações Unidas em Cuba apresenta em Nova York plano de ajuda ao país

unidas-naciones

O Plano de Ação que tratará a cooperação do Sistema das Nações Unidas (SNU) com Cuba para ajudar o país a enfrentar os danos ocasionados pelo furacão Sandy, foi apresentado na sede das Nações Unidas, em Nova York, pela Coordenadora Residente do SNU em Cuba, Bárbara Pesce-Monteiro, ante representantes dos países membros da organização e da comunidade internacional.

O documento foi preparado conjuntamente com os representantes dos fundos, organizações e programas do SNU em Cuba, em coordenação com as autoridades nacionais, com o objetivo de otimizar o impacto da ajuda prevista, e será implementado através de 15 projetos que deverão executar-se nos próximos seis a 18 meses.

CONTINUA LER AQUI: GRANMA CUBA

Debatem em Cuba estratégias de trabalho para libertação dos Cinco

CINCO CINCO CINCO

Os delegados ao VIII Colóquio Internacional pela Libertação dos cinco cubanos antiterroristas condenados nos Estados Unidos debaterão hoje aqui sobre as estratégias de trabalho implementadas durante 2012 em diferentes regiões.

As delegações assistentes apresentarão relatórios sobre as atividades realizadas neste ano para aumentar a solidariedade com aos Cinco -como se conhecem no mundo-, com o objetivo de aprender das múltiplas experiências nos diferentes lugares.

Para a segunda jornada do Colóquio também se programou um Encontro de Mães e Mulheres pela Libertação de Ramón Labanhino, Gerardo Hernández, Fernando González, Antônio Guerreiro e René González, bem como a apresentação da obra Adeus Ernesto, por parte do ator canadense Bryan Gordon, sobre a vida do escritor estadunidense Ernest Hemingway.

CONTINUE A LER AQUI: SOLIDARIOS