#Rússia: Explosão em mina mata 18 trabalhadores (#ártico #Vorkutínskaya #Vorkutá )

Pelo menos 18 trabalhadores morreram nesta segunda-feira (11) em consequência de uma explosão em uma mina de carvão em Vorkutá, cidade no norte do círculo polar ártico, informou o Ministério do Interior da Rússia.

“Segundo os relatórios que tínhamos para as 14h20 de Moscou (8h20 de Brasília), morreram 18 pessoas, dez das quais já foram retiradas para a superfície”, disse um porta-voz do Ministério.

O acidente, uma explosão de metano, aconteceu na mina Vorkutínskaya à 4h28 de Brasília, segundo os dados divulgados pelo Ministério para Situações de Emergência da Rússia.

Fontes policiais locais informaram que 242 trabalhadores conseguiram sair à superfície imediatamente após a explosão, que aconteceu a uma profundidade de 800 metros.

As equipes de socorro resgataram três mineiros feridos, cujo estado foi avaliado pelos médicos como menos grave.

O ministro de Emergência, Vladimir Puchkov, anunciou que as famílias das vítimas mortas receberão uma indenização de 2 milhões de rublos, cerca de R$ 130 mil.

“Para nós agora o importante é a operação de resgate. O assunto das indenizações será resolvido depois”, disse um porta-voz da Vorkutaugliá, a companhia proprietária da mina.

Vorkutínskaya já foi palco de vários acidentes. O mais grave deixou 59 mortos e aconteceu em 20 de fevereiro de 1964, quando a mina ainda se chamava Kapitálnaya.

Categories: CIÊNCIA, ECONOMIA, EUROPA, RUSSIA | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: