#Venezuela: foro de São Paulo homenageia presidente Hugo Chávez em Caracas (#HugoChavéz #SãoPaulo #ONU #OEA #PCdoB)

O Grupo de Trabalho do Foro de São Paulo (uma articulação entre partidos de esquerda da América Latina e do Caribe) presta nesta segunda-feira (1º) uma homenagem ao presidente e líder da Revolução Bolivariana Hugo Chávez, em Caracas, capital da Venezuela.

O comandante Chávez faleceu no passado 5 de março, e desde então líderes de todo o mundo prestaram homenagens, assim como organizações internacionais de relevo. Entre elas, a própria ONU e a Organização de Estados Americanos.

O Foro de São Paulo entrega na homenagem uma placa ao presidente encarregado Nicolás Maduro, nesta segunda, através do dirigente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) e secretário executivo do Foro, Valter Pomar.

O secretário de Relações Internacionais do PCdoB (que também integra o Foro) Ricardo Alemão Abreu está em Caracas para o ato. Logo após o falecimento de Chávez, escreveu para o Portal Vermelho, dizendo que o comandante “lidera um processo que chega ao governo da Venezuela em 1998, inaugurando o atual ciclo político patriótico, democrático, popular e anti-imperialista de nosso continente”, e que “ao lado de Fidel e Raul, Lula e Dilma, Nestor e Cristina, Correa, Evo, Tabaré e Mujica, Lugo, Ortega e outros, faz parte da liderança coletiva de um novo ciclo virtuoso da América Latina e Caribe.”

A informação sobre o evento foi comentada neste domingo (31) pelo dirigente do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV) Rodrigo Cabezas. Segundo ele, 35 delegados de 18 países e 26 partidos de esquerda, comparacerão ao ato.

De acordo com a Agência Venezuelana de Notícias (AVN), Pomar considerou que os sucessos em matéria política, econômica, social e de integração latino-americana alcançados pelo comandante Hugo Chávez na Venezuela representam um grande ensino para outros países da região.

Com base no mérito dessas conquistas é que se realiza a hgomenagem ao líder da Revolução Bolivariana, por seu peso na história da América Latina e do Caribe, que marcou o rumo dos processos políticos de esquerda na região.

O grupo é integrado por partidos e movimentos políticos de 21 países, e realiza nesta segunda uma reunião extraordinária em Caracas. Também ratificam assim o seu respaldo à revolução e ao candidato socialista para as próximas eleições presidende 14 de abril, Nicolás Maduro.

Categories: POLÍTICA, Relações Países América Latina, SOCIEDADE | Etiquetas: , , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: