Sala do Cine Tropical é reaberta.

O Cine Tropical vai ganhar salas de exposições de artes plásticas e de lançamentos de livros e discos, após a conclusão das obras de restauro prevista para Março do próximo ano, estando neste momento concluída a sala principal para espectáculos.

Classificado como Património Histórico Nacional, a gestão do Cine Tropical recai  na Empresa Distribuidora e Exibidora de Cinema (Edecine), e segundo o responsável, Lourenço Roque, o espaço vai voltar a exibir filmes, “porque é a actividade principal desde a sua edificação ainda na época colonial”.
Lourenço Roque acrescentou que as obras vão permitir recuperar e atribuir outras valências ao espaço, com a recuperação e reabilitação completa da sua estrutura e a montagem de equipamentos de som, luz e vídeo.
O palco é amovível e o cenário vai se diferenciar de acordo com a natureza da actividade, a semelhança do que acontece nas salas mais prestigiadas no mundo.
O responsável anunciou  a criação de outras condições para garantir melhor acomodamento quer dos artistas quer dos espectadores. “A ideia é criar novos espaços e permitir que haja uma grande mobilidade em toda a sua dimensão, respeitando a originalidade pois trata-se de um património”.
A sala principal reabriu quinta-feira para albergar a gala de outorga do Prémio Nacional de Cultura e Artes, edição 2016, organizada pelo Ministério da Cultura.

 Ler mais »

Categories: ANGOLA, CULTURAIS, Uncategorized | Tags: | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: