Um pouco de Fidel.

Alguns homens, muito poucos, ou pelas circunstâncias do seu tempo ou por uma espécie qualquer de carta marcada do destino, deixam a sua passagem pelo mundo inscrita na história. E esta passagem, esta marca, é impossível de apagar, independentemente do lado de que mais gostemos da história.

Na verdade, talvez não haja lado errado e lado bom da história, porque sem um o outro não existe, não há história. Fidel Castro é daqueles homens que conseguiram marcar a vida de milhões em várias partes do mundo. Abaixo dos cinquenta anos, difi cilmente haverá um angolano cuja vida não se tenha cruzado algures no tempo com aquilo que Fidel representa na história.

Milhões de angolanos escaparam ao analfabetismo graças aos milhares de professores cubanos enviados por Fidel. Milhões devem a vida a médicos cubanos. E, consoante o posicionamento político, milhões lhe agradecem o apoio para a Independência nacional.

É coisa para dizer que milhões de angolanos têm um pouco de Fidel em si, incluindo os que contra ele combateram também. Fidel está na história das suas vidas .

Seja qual for a apreciação que se faça da sua obra, alguns feitos são únicos: Fidel eliminou o racismo em Cuba e conseguiu 100 por cento de escolaridade. Imagine só essa vontade a contagiar todos os líderes do mundo…

Categories: ANGOLA, CUBA-ANGOLA, Uncategorized | Tags: , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: