“Velocidade Furiosa 8”.

 

A estreia nas bilheteiras do mais recente filme da saga bateu o recorde de “Star Wars: O Despertar da Força”.

“Velocidade Furiosa 8” bate recorde e tem a melhor estreia mundial de sempre.

E dezembro  de 2015, a oportunidade de assistir ao regresso de Mark Hamill, Harrison Ford e Carrie Fisher, 32 anos após “O Regresso de Jedi”, para um novo episódio da saga mais importante da história do cinema, fez com que a estreia de “O Despertar da Força” chegasse aos 529 milhões de dólares em todo o mundo.

Agora, “Velocidade Furiosa 8” bateu esse feito notável nas bilheteiras com a sua estreia a nível mundial: chegou aos 532,5 milhões.

O jackpot é principalmente internacional, pois na estreia em mais de 60 mercados, o valor chegou aos 432,3 milhões, ultrapassando os 316,7 de “Mundo Jurássico”.

Com 246.149 espectadores, Portugal foi um dos 17 mercados onde se tornou a maior estreia de sempre, batendo os 238.044 de “Velocidade Furiosa 7” em 2015, mas determinante para o sucesso foi o recorde da China, onde “Star Wars” não tem o mesmo impacto que no resto do mundo: aí o oitavo filme chegou aos 190 milhões.

Já nos EUA, a estreia passou por uma unha negra os 100 milhões, correspondendo às expectativas em Hollywood e ficando abaixo dos 147 do sétimo filme, confirmando o impacto comercial provocado pela morte de Paul Walker.

Advertisements
Categories: ANGOLA, ÁFRICA, CULTURAIS, ESTADOS UNIDOS, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: