Mensagens do Chefe de Estado italiano e do Primeiro-Ministro.

Resultado de imagen de foto del presidente actual de italia

O Presidente da República Italiana, Sergio Mattarella, e o Primeiro-Ministro Paolo Gentiloni também felicitaram o Presidente eleito. O Chefe de Estado italiano, na sua mensagem, deseja ao novo Presidente \”os mais fervorosos votos de sucesso no desempenho do seu alto mandato\”,  acrescentando que no quadro da antiga e profunda amizade que une os dois povos e países, Angola e Itália podem ulteriormente aprofundar os já excelentes laços, alcançando novas metas de cooperação, prosperidade e progresso, quer no plano bilateral, quer no mais amplo quadro das relações de Luanda com a União Europeia. Já Paolo Gentiloni diz estar certo de que a eleição de João Lourenço a Presidente da República será \”o prenúncio de novos sucessos\”  para Angola. \”A profunda amizade entre Luanda e Roma mantém-se  sólida há mais de 40 anos, baseada na partilha dos valores de progresso económico e social dos nossos povos e sobre a próspera colaboração industrial\”, acrescenta o Primeiro-Ministro italiano, depois de recordar o encontro que manteve em Roma, em Julho deste ano, com o Presidente eleito,  que \”constituiu uma importante ocasião para reforçar\” as relações entres os dois países.
A cooperação bilateral entre os dois países foi reforçada com a visita, em Julho de 2015, do Presidente José Eduardo dos Santos, que serviu para aprofundar as relações de amizade, cooperação económica e cultural entre os dois países.
O Chefe de Estado angolano esteve em Roma depois da visita efectuada em Julho de 2014, do então Primeiro-Ministro Italiano, Matteo Renzi, que foi o primeiro Chefe de Governo italiano a visitar Angola. José Eduardo dos Santos encontrou-se igualmente com o seu homólogo italiano, Sergio Mattarella, no Palácio do Quirinale, residência oficial do Presidente da Itália.
Foi a terceira vez que o Presidente José Eduardo dos Santos visitou a Itália. A primeira foi em 1997, quando se encontrou com o então Presidente Oscar Luigi Scalfaro e 2008, durante a Cimeira do “G8”, a convite do ex-Primeiro-Ministro Silvio Berlusconi.  Angola é hoje o terceiro parceiro comercial da Itália na África sub-sahariana, depois da África do Sul e da Nigéria. A Itália foi o primeiro país da Europa Ocidental a reconhecer a independência de Angola, no dia 18 de Fevereiro de 1976, e a 4 de Junho, do mesmo ano, estabeleceram-se as relações diplomáticas entre os dois Estados.
As relações de cooperação existentes entre Angola e a Itália, tiveram o seu início em 1977, com a assinatura de um Memorando que institui a Comissão Bilateral, então Comissão Mista de Cooperação, ao que se seguiram  vários outros instrumentos jurídicos.

 

Categories: ANGOLA, ÁFRICA, Itália, POLÍTICA, Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: