Washington mantém restrições económicas.

Muitas vozes no mundo reclamam o fim do Bloqueio a Cuba e Africa não é alheia. Os paises africanos devemos exigir em qualquer lugar que se ponha fim a esse genocídio da era actual. Esa ilha solidária não esta sozinha. Não mas Bloqueio.


BLOQUEIO A CUBA.

28 de Outubro, 2017

Cuba diz que los Estados Unidos congelaram os seus activos e proibiram as importações económicas.

Bloqueio

O Governo cubano denunciou ontem que, apesar do reatamento das relações diplomáticas entre as duas nações, o bloqueio nunca cessou e mantém-se com as suas leis e restrições, tornando difícil a vida dos dois povos.

Numa nota distribuída à imprensa pelas suas representações diplomáticas em vários países, o Governo cubano diz que nem a visita a Havana do antigo Presidente norte-americano, Barack Obama, permitiu que as coisas entre os dois Estados fossem adiante.
Obama, que promoveu a aproximação entre os dois países, nunca imaginou que depois da sua saída do cargo de Presidente, as coisas fossem recuar ou registar um quadro de grande embaraço político e económico.  O bloqueio significa, segundo a nota, proibição aos norte-americanos nacionalizados de realizar transacções financeiras com Cuba, congelamento de activos cubanos nos EUA, proibição a importação de bens, proibição aos cidadãos norte-americanos a viajar a Cuba, entre outras limitações.
Os danos acumulados durante quase seis décadas de bloqueio atingem a cifra de 822 mil milhões de dólares, tomando em conta a depreciação da mesma moeda em frente ao valor do ouro no mercado internacional. A preços correntes o bloqueio tem provocado a Cuba prejuízos quantificáveis por mais de 130 mil 178,6 milhões de dólares, segundo a nota.
O Governo cubano afirma que o bloqueio é uma violação flagrante, maciça e sistemática dos direitos humanos do povo cubano e constitui o maior obstáculo para o desenvolvimento de todas as potencialidades da sua economia e o seu bem-estar, bem como para as relações económicas, comerciais e financeiras com os Estados Unidos e o resto do mundo. “O governo vai manter a luta para pôr fim ao bloqueio”, lê-se na nota à imprensa. As autoridades cubanas vão apresentar, como acontece desde Outubro de 1992, o relatório sobre a necessidade de pôr fim ao bloqueio, aprovado já em 25 ocasiões pela comunidade internacional.

Fuente: Jornal de Angola 

 

Categories: AMERICA LATINA, ANGOLA, ÁFRICA, BLOQUEIO VS CUBA, CUBA, CUBA - ESTADOS UNIDOS, ECONOMIA, ESTADOS UNIDOS, POLÍTICA, Politica agressiva contra Cuba, Relações Estados Unidos Cuba, Terrorismo, TERRORISMO VS CUBA, Uncategorized | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: