Cuba ganha o Grammy Latino com a música de Septeto Santiaguero.

Cuba gana Grammy Latino con la música del Septeto Santiaguero

O Septeto Santiaguero, de Cuba, e o dominicano José Alberto “El Canario” realizam hoje o Grammy Latino de Melhor Álbum Tropical Tradicional, categoria na qual também foi nomeada Omara Portuondo.

O conjunto das Grandes Antilhas e cantor hander o prêmio teve seu recorde de me-tributo aos clássicos cubanos em uma seção, além de Portuondo, com volume de Omara sempre apareceu panamenho Ruben Blades ao lado do grupo Roberto Delgado & Orquesta com o álbum Medoro Madera.

Os indicados nessa categoria foram concluídos por La Sonora Santanera, do México, com a peça La fiesta continua; e a cantora venezuelana María Rivas, da Motivos.

Estamos muito feliz e animado, o prêmio desta vez coincide com o Septeto Santiaguero também poderia tocar na cerimônia, disse o diretor do grupo, Fernando Dewar, ao receber o fonógrafo no hotel MGM na cidade americana de Las Vegas.

Graças a José Alberto ‘el Canario’, penso que esta união entre dominicanos e cubanos tem sido muito boa, e é a união que tem que existir entre todos os latinos, acrescentou o artista, que também agradeceu ao rótulo Egrem, Santiago de Cuba e a maior das Antilhas em geral.

Continuaremos fazendo essa música, muito antiga, mas não deve morrer, porque é nossa raiz e devemos defendê-la, acrescentou Dewar.

Quero agradecer a Cuba por permitir que um dominicano continue fazendo boa música como o filho, graças ao Septeto Santiaguero, música cubana ao vivo !, Disse, por outro lado, o Canário.

O artista também lembrou que este é o segundo Grammy Latino que eles realizam juntos, porque em 2015 eles foram impostos nessa mesma categoria com o álbum No quiero llanto (Homenagem aos Los Compadres).

Parabéns a Septeto Santiaguero e José Alberto para obter o Grammy Latino de Melhor Álbum Tropical Tradicional, temos a honra de ter sido ele nomeado ao lado desses grandes artistas, ao vivo Santiago de Cuba … o berço do filho, postou em seu rede Facebook social Roberto Delgado & Orquestra.

Além de Septeto Santiaguero e Omara Portuondo, para Cuba, foram indicados nesta edição dos prêmios musicais Diego Gutiérrez, com Palante el mambo !, na categoria de Melhor Álbum de Fusão Tropical; Telmary, com Fuerza Arará (Melhor Álbum de Música Alternativa); e Alexandre Abreu e Havana D’Primera, com Cantor del Pueblo (Melhor Álbum Salsa).

Também competindo para o louro renomado maestro Leo Brouwer na categoria de Melhor Álbum de Música Clássica, o registro de sua obra O livro de sinais, concerto duplo para violão e orquestra pelo Brasil Guitar Duo (João Luiz e Douglas Lora) e da Delaware Symphony.

Além disso, a cantora cubana Aymee Nuviola, com sede nos Estados Unidos, foi a vencedora do Gramofone do Melhor Álbum de Fusão Tropical com o álbum Como anillo al dedo.

Anúncios
Categories: AMERICA LATINA, CUBA, CUBA - ESTADOS UNIDOS, CULTURAIS, MUSICA CUBANA, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: