On Audio: Quando os Cinco voltaram para casa

https://i1.wp.com/www.radiorebelde.cu/images/images/cuba/raul-tony-gerardo-ramon-foto-estudios-revolucion.jpg

Retirado de Radio Rebelde

Quando, em junho de 2001, o Comandante-em-chefe Fidel Castro garantiu ao mundo que os Cinco retornariam à sua pátria, o país e amigos em solidariedade iniciaram uma das batalhas mais difíceis do povo cubano e sua Revolução.

Após longos anos de luta incansável, e depois que Fernando González e René González cumpriram integralmente suas sentenças injustas, em 17 de dezembro de 2014, Gerardo Hernández, Ramón Labañino e Antonio Guerrero chegaram a Cuba, após os acordos históricos alcançados entre La Havana e Washington.

Mas como os Cinco Cubanos encontraram Cuba depois de mais de 16 anos de ausência?

Cuando los Cinco regresaron a casa

As respostas daqueles que nos ensinaram durante esse tempo de sua infinita lealdade, dignidade e coragem, também são lições valiosas. Eles foram informados à Radio Rebelde em 21 de dezembro de 2014, quatro dias após seu retorno à pátria.

https://www.ivoox.com/player_ej_30840483_4_1.html?c1=0078ff

Ouça e baixe a proposta de rádio diretamente do nosso canal iVoox.

ANTONIO GUERRERO RODRÍGUEZ: É O CUBA QUE REALIZOU NO MEU CORAÇÃO E NA MINHA MENTE

Antonio Guerrero Rodríguez

“Todo o tempo que eu estava ausente de Cuba foi apagado, é algo que a pessoa que não experimenta não pode entender. E encontrei Cuba com a mesma beleza, é a Cuba que carreguei em meu coração e em minha mente, que nunca a separei, isto é, que vejo uma continuidade.

Tem coisas … Eu estava no bairro onde ele morava, e notei algumas coisas, aqui você encontra algo que se deteriorou com o tempo, não foi resolvido, mas aqui você encontra muitas coisas novas, e minha irmã Ele está dizendo para mim: “Isto é isto e isto é aquilo e isto é a outra coisa”. E nós vamos construir muitas coisas mais bonitas e vamos consertá-las.

Hoje nós estávamos em Santos Suárez, e minha irmã me disse: “Deixe-os ir ver o trabalho de Eusébio … se houvesse muitos Eusebios em cada município”. E eu respondi: O problema também é que pode haver muitos Eusebios, não tenho dúvidas, porque Eusebio é homem, e é claro, nós, cubanos, queremos fazer mais, no entanto, os recursos não estão disponíveis, … Mas confiamos que pouco a pouco, como disse o general (refere-se a Raúl), devemos produzir mais, devemos aproveitar mais as forças que temos para substituir uma série de coisas que podemos fazer com nosso esforço.

Cuba é a coisa mais bela que existe na Terra, é a terra mais bonita que os olhos humanos puderam ver, é a verdade, é assim que a vejo “.

RENÉ GONZÁLEZ SEHWERERT: A ESSÊNCIA DAS PESSOAS NÃO MUDOU

René González Sehwerert

“Eu me lembro de quando fui ao Cotorro uma vez e eles me perguntaram, bem, muitas vezes eles me perguntam e, certamente, eles vêem um pouco mais de solavancos nas ruas … mas a essência das pessoas não mudou. E às vezes eu ver Cuba e tentar imaginar um país como Cuba, de repente, perder 75% do seu comércio, e tem a capacidade de atravessar o período especial e vir como temos visto, não fomos inteiramente, mas saímos bem … Há algo no espírito do nosso povo que é o que permitiu isso.

Cuba fez o que não pode ser explicado nem matemática, nem a física quântica, sociologia, nem por qualquer ciência, e acho vitorioso Cuba, e também uma Cuba que acaba de ganhar mais uma vitória retumbante há quatro dias.

É uma Cuba que devemos continuar a melhorar, estas potencialidades que Antonio estava em causa, é nossa responsabilidade para liberá-los de modo a que todos os cubanos a encontrar o seu lugar e pode contribuir como o socialismo de que precisamos, e eu acho que depende de todos nós fazer, e que Cuba acaba de demonstrar é que pode continuar a ter fé de que será vitorioso “.

RAMÓN LABAÑINO SALAZAR: AS PESSOAS AINDA TENDO O MESMO ESPÍRITO CONSTRUTIVO, AMOR E SONHO

Ramón Labañino

“Vejo algo especial em Cuba agora, talvez pelo espírito sonhador que temos como poetas … Vejo que Cuba está se transformando em um processo de mudança, de ebulição, uma Cuba que está em um período de importante construção para o desenvolvimento e fortalecimento de nossa socialismo, e percebo que há momentum nas pessoas. Penso que este momento em que vivemos, especialmente com as novas potencialidades de relações pelo menos normais com o nosso vizinho do norte, pode ajudar muito a promover certos trabalhos.

E o mais importante é que a cidade ainda tem o mesmo espírito construtivo, amoroso e sonhador … É claro que me dói sentir que há partes de nossa sociedade que estão se deteriorando, que há buracos em alguns lugares, que as fachadas das casas são danificado …, mas mais do que tudo é o espírito do cubano que sabemos que seremos capazes de lidar com todas essas coisas.

Sou economista e tenho várias idéias que não me atrevo a dizer agora, mas acho que você pode fazer projetos comunitários, por exemplo, cooperativas, uma cooperativa de Santos Suárez pode contribuir em sua localidade para a reconstrução das próprias ruas (… ) E assim socializamos o desenvolvimento das cooperativas, convertemo-las em interesse social e evitamos a retirada para uma propriedade privada, porque a nossa essência é defender e fortalecer o nosso socialismo, não voltar atrás. Acredito que na iniciativa e em nosso evento, que somos criativos para todas as coisas, devemos buscar soluções. E nessa estrada nós vamos.

Eu tenho fé que a Revolução, como todas as coisas que tem feito, vai superar esse estágio e muito mais neste ano de 2015, que eu acho que será muito bonito para todos, de uma luta muito difícil porque estamos enfrentando tempos difíceis, mas com o inteligência, a sagacidade de como fazer as coisas, na oportunidade, teremos sucesso “.

FERNANDO GONZÁLEZ LLORT: VEJA TODA ESSA EFERVESCÊNCIA PARA MUDAR AS COISAS, MELHORAR-LOS

Fernando González Llort

“Em Cuba há uma magia especial, é um lugar bonito, e aprecia-se essa beleza, apesar das dificuldades, e sabemos que há coisas que sofreram fisicamente, mas outras coisas foram criadas e outras melhoradas, e elas sustentam isso. beleza, e a coisa mais linda que Cuba tem é o seu povo, e as características de lutar, além de nós mesmos, para fazer o humor das nossas dificuldades e a capacidade de sair delas, para superar.

E que exemplo mais convincente do fato de que os Cinco estão aqui hoje é mais uma das vitórias que foram conquistadas. Temos a certeza de que também triunfaremos nesse processo que encontramos em nosso retorno, de uma sociedade completa, focada em sua transformação, sua renovação, sua melhoria, em busca de formas mais eficientes de funcionamento da economia. É um processo que não é perfeito, que se ajusta à medida que você experimenta novas formas e essas formas devem ser aperfeiçoadas, mas é um processo, e estamos envolvidos nele.

É bom ver, além da beleza física do lugar, as características do cubano, seu espírito de luta, sua abnegação, vendo toda aquela efervescência para mudar as coisas, para melhorá-las, e não tenho dúvidas de que, como vencemos isso, nós também venceremos e alcançaremos essa sociedade socialista próspera e sustentável e avançaremos no sentido de torná-la cada vez mais justa ”.

GERARDO HERNÁNDEZ NORDELO: TEMOS TOTAL CONFIANÇA QUE NOSSAS PESSOAS VÃO À FRENTE

Gerardo Hernández

“No meu caso, é prematuro dizer como encontrei Cuba porque ainda não conseguimos mudar. É verdade que 16 anos o desconectaram de muitas coisas e muitas realidades, por exemplo, tenho meu sobrinho me dando aulas e mesmo assim não consegui usar o celular com todas as coisas que ele permite.

Mas, por outro lado, é bom ressaltar que nunca estivemos em uma redoma de vidro, sempre os camaradas da nossa Seção de Interesses em Washington semanalmente nos enviavam um boletim volumoso com absolutamente tudo que era publicado sobre Cuba … e nós éramos muito bons informado do que estava acontecendo.

Cuba hoje, obviamente, não é o mesmo que nós deixamos, o que não deveria ser, como hoje não deve ser amanhã também, o cerne da questão é que amanhã será melhor do que hoje.

Antes de chegar sabíamos que havia coisas que não gostaríamos, não sei, por um exemplo simples, quando li que certos problemas de graffiti estavam ocorrendo em monumentos históricos, doía muito, no meu tempo isso não é verdade parecia, e não é que eu tenha algo contra o graffiti como expressão artística em lugares adequados, mas me dói pensar que alguém é capaz de pintar um monumento histórico, uma placa que é dedicada a alguém ou algo, é doloroso.

Conhecemos bem os efeitos negativos que o período especial teve, não apenas materialmente, mas também em muitas pessoas, na consciência das pessoas, são questões para as quais estávamos preparados, sabíamos que iríamos colidir com certas realidades. Mas, por outro lado, também nos confrontamos com pessoas que estão lutando para progredir, temos testemunhado o quanto está sendo feito para quebrar esquemas, para injetar sangue novo em nossa realidade, quanto esforço está sendo feito para modificar nosso sistema econômico, coisas que se sabe que não funcionam ou que funcionaram em seu tempo e pararam de funcionar, e hoje estamos mudando e estamos explorando e estamos sempre tentando gerar novas idéias, novos projetos. Fidel disse isso em seu próprio conceito de Revolução, se no que temos, começamos a bater na parede com algo que sabemos que não funciona, porque não há progresso.

E temos plena confiança de que nosso povo terá sucesso e, como disse Silvio, com nosso socialismo perfeito, alcançaremos uma Cuba muito melhor amanhã do que a que temos hoje, não temos a menor dúvida sobre isso.

Categories: #Gerardo Hernández #Los CincoAntonio GuerreroComandante en Jefe Fidel CastroFernando, Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: