Vaticano condena destruição e lançamento de estátuas indígenas no rio Tibre

O Vaticano condenou na terça-feira o “triste episódio de roubo e destruição de imagens da Amazônia”, depois que na segunda-feira foram roubados da Igreja de Santa Maria em Traspontina, em Roma, estátuas de madeira de povos indígenas que simbolizam a fertilidade para mais tarde ser jogado no rio Tibre.

“Em nome da tradição e da doutrina”, escreveu Andrea Tornielli, diretora editorial do Vatican News, “ele estragou, com desprezo, uma efígie da maternidade e a sacralidade da vida”.

“Um símbolo tradicional para os povos indígenas, que representa o vínculo com nossa ‘mãe terra’, assim definida por São Francisco de Assis em seu cântico de criaturas”, acrescentou Tornielli, que definiu os autores do gesto como “novos iconoclastas, Odiado passado através das redes sociais para a ação. ”

As três estátuas de madeira da tradição amazônica foram jogadas no rio Tibre por um estranho. O fato, que coincidiu com a realização de uma conferência convocada pelo Papa Francisco para discutir a questão da Amazônia, foi enviado à Internet e recebeu elogios de setores conservadores.

O secretário de comunicações do Vaticano, Paolo Ruffini, chamou de um jogo que pouco leva ao diálogo.

“Algumas das reações são surpreendentes”, continuou Tornielli, “em um gesto violento e intolerante”. Em um site italiano, foi intitulado “justiças judiciais” “.

“Para os novos iconoclastas, passados ​​do ódio através das redes sociais para a ação, pode ser útil reler o que foi afirmado por um dos novos santos canonizados há alguns dias, o cardeal John Henry Newman”, disse o diretor editorial do Vaticano Notícias

Em seu Ensaio sobre o desenvolvimento da doutrina cristã, publicado em 1878 sobre a adoção pela Igreja de elementos pagãos, Newman escreveu: “O uso de templos e aqueles dedicados a santos particulares, e às vezes decorados com galhos de árvores, incenso, lâmpadas e velas; água benta, festividades e épocas litúrgicas, uso de calendários, procissões, bênçãos, vestes sacerdotais, o anel usado no casamento, talvez também cânticos eclesiásticos e (oração) Kyrie Eleison: todos são de origem pagã e eles foram santificados por sua adoção na Igreja. ”

As estatuetas foram colocadas em uma capela ao lado da Igreja de Santa Maria em Traspontina, localizada a uma curta distância da Plaza de San Pedro e que tem sido o ponto de encontro das tribos indígenas participantes do Sínodo.

(Com informações da ANSA e AP)

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: