21 salvos pela Revolução

Este amanhecer ocorreu na Plaza de Armas da fortaleza de San Carlos de la Cabaña, a cerimônia de saudação de artilharia militar, por ocasião do 60º aniversário do triunfo da Revolução Cubana.

Autor: Abel Reyes | internet@granma.cu

21 salvas en honor al 61 Aniversario del Triufo de la Revolución Unidad mixta compuesta por combatientes de la gran unidad de tanques Rescate de Sanguilí, Orden Antonio Maceo y la Escuela Inter Armas de la FAR: General Antonio Maceo, Orden Antonio Maceo

21 salvos em homenagem ao 61º aniversário do triunfo da revolução Foto: Dunia Álvarez Palacios
A celebração, presidida pelos chefes das Forças Armadas Revolucionárias (FAR), contou com uma bateria mista, composta por combatentes da Grande Unidade de Tanques de Resgate de Sanguily, da Ordem Antonio Maceo e da escola Interarmas da FAR. , General Antonio Maceo, Ordem Antonio Maceo.

Presente na manobra, Kimay Bárbara Graverán Álvarez, professor da cadeira de artilharia da escola Interarmas da FAR, disse que, mesmo quando está envolvida nesse tipo de manobra pela quarta vez, a saudação de 21 anos sempre será uma Experiência muito especial em sua carreira.

«É um grande orgulho e privilégio participar deste exercício, porque represento o povo cubano, nosso Presidente da República, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, o general do exército Raúl Castro Ruz e o líder incontestável da Revolução Cubana. Além disso, com essa manobra, reafirmamos que os jovens são continuidade ”, afirmou.

Por sua parte, Lázaro Enrique Perera Molina, um soldado da Divisão de Tanques envolvido na cerimônia, disse sentir-se orgulhoso, como militar, por fazer parte de um exercício de tanta relevância política, que coloca o nome de Revolução e da artilharia cubana.

Nesta ocasião, os 21 salvos foram percussados ​​em homenagem aos mártires da pátria, nosso povo árduo e vitória, de acordo com as vozes de comando encarregadas da bateria de artilharia.

Publicado por tudoparaminhacuba

Adiamos nossas vozes hoje e sempre por Cuba. Faz da tua vida sino que toque o sulco, que floresça e frutifique a árvore luminoso da ideia. Levanta a tua voz sobre a voz sem nome dos outros, e faz com que se veja junto ao poeta o homem. Encha todo o teu espírito de lume, procura o empenamento da cume, e se o apoio rugoso do teu bastão, embate algum obstáculo ao teu desejo, ¡ ABANA A ASA DO ATREVIMENTO, PERANTE O ATREVIMENTO DO OBSTÁCULO ! (Palavras Fundamentais, Nicolás Guillen)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: