Venezuela denuncia os EUA antes de Haia por “crimes contra a humanidade contra o povo”

O ministro das Relações Exteriores da Venezuela está na sede do Tribunal Penal Internacional dias depois que a companhia aérea venezuelana Conviasa foi sancionada por Washington.

Venezuela denuncia a EE.UU. ante la Haya por "crímenes de lesa humanidad contra el pueblo"

O governo da Venezuela apresentou uma queixa contra as autoridades americanas no Tribunal Penal Internacional em Haia. por “crimes contra a humanidade contra o povo venezuelano”, após a imposição de medidas coercitivas unilaterais por Washington ao país sul-americano.

O ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Jorge Arreaza, está na Holanda, sede da Corte, juntamente com o vice-ministro de Assuntos Multilaterais, Alexander Yánez; o secretário executivo do Conselho Nacional de Direitos Humanos e agente do Estado perante o Sistema Internacional de Direitos Humanos, Larry Devoe, e o embaixador venezuelano no órgão internacional de justiça, Haifa Aissami Madah.

Anteriormente, o presidente venezuelano Nicolás Maduro havia informado que denunciaria a administração de Donald Trump perante instâncias jurídicas internacionais depois que a companhia aérea venezuelana Conviasa foi sancionada pelo governo dos EUA. “Vamos buscar justiça, chega de uma agressão tão infame”, disse o presidente.

Perdas de 40.000 milhões de dólares
Segundo Maduro, as sanções dos EUA no país sul-americano, causaram prejuízos da ordem de US $ 40.000 milhões, que resultam em bloqueios de contas e ativos do Estado venezuelano no exterior, o que impede a compra de alimentos e medicamentos para as populações mais vulneráveis.

Nos últimos anos, EUA Ele adotou inúmeras sanções contra a Venezuela, que vão desde proibições de viagens a membros do governo até embargos em contas bancárias que afetam diretamente a população.

As medidas coercitivas unilaterais se intensificaram desde que, há um ano, o país americano reconheceu o líder da oposição Juan Guaidó como “presidente encarregado” da Venezuela com o objetivo de derrubar Maduro.

Autor: tudoparaminhacuba

Adiamos nossas vozes hoje e sempre por Cuba. Faz da tua vida sino que toque o sulco, que floresça e frutifique a árvore luminoso da ideia. Levanta a tua voz sobre a voz sem nome dos outros, e faz com que se veja junto ao poeta o homem. Encha todo o teu espírito de lume, procura o empenamento da cume, e se o apoio rugoso do teu bastão, embate algum obstáculo ao teu desejo, ¡ ABANA A ASA DO ATREVIMENTO, PERANTE O ATREVIMENTO DO OBSTÁCULO ! (Palavras Fundamentais, Nicolás Guillen)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: