Transmissão local em “marcha rápida”

Enquanto a sociedade aguada ansiosamente pelo anúncio oficial de um primeiro caso comunitário da covid-19 em Angola, a transmissão local pela pandemia soma a cada dia que passa, cifrando-se actualmente em 206 registos, segundo as estatísticas sanitárias.

dd

Ao actualizar os dados das últimas 24 sobre a Covid-19 em Angola, de segunda-feira a terça-feira, o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, anunciou mais dois casos de infecção local, passando de 199 para 206.

Voltou a alertar  a população que a doença continua a ser grave e letal, razão pela qual as medidas de prevenção devem ser cada vez mais aprimoradas e postas em prática.

Com mais seis novos casos de terça-feira (dia 30 de Junho), o número de infectados sem vínculo epidemiológico subiu para 43, envolvendo pessoas de várias nacionalidades africanas, e dos seis aos 60 anos de idade.

“A covid-19 é uma doença democrática que pode atacar qualquer pessoa. Continuamos a dizer que ela mata, por isso, usem as máscaras, lavem as mãos com água e sabão e mantenham o distanciamento social”, reforçou o apelo.

O mês de Junho termina com 284 casos confirmados, dos quais 178 activos, 93 recuperados e 13 óbitos, em Angola. Cinco desses pacientes requerem cuidados especiais.

TPA com Angop/LD

Categories: #salud, ANGOLA, epidemia, Profesionales e la Salud, Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: