A Revolução deu a nós atletas paraolímpicos a oportunidade de realizar nossos sonhos.

Autor: Alfonso Nacianceno | nacianceno@granma.cu

Omara não se esquece de nenhuma das pessoas que ajudaram no seu sucesso. Foto: Calixto N. Llanes

Omara Durand, de Cuba, compite en la final de 100 metros T12 femenino en el estadio atlético de la Villa Deportiva Nacional (VIDENA) durante los VI Juegos Parapanamericanos Lima 2019, el 26 de Agosto de 2019 en Lima, Perú. FOTO: Calixto N. Llanes/Periódico JIT (Cuba)

“Para mim é um orgulho vencer a final com 499 votos, depois de vencer outros grandes atletas na votação do Comitê Paraolímpico Internacional para selecionar o momento mais marcante da década”.

O corredor multimedalista Omara Durand considerou que “este é um sinal de reconhecimento mundial do movimento paralímpico cubano. São muitas as pessoas que, durante os 21 anos que pratico este esporte, têm contribuído com seus melhores esforços com base nos meus resultados”.

“Não bastaria citar todos eles, desde aqueles que me descobriram como atleta, passando pelos professores que os seguiram, até a atual treinadora Miriam Ferrer, que tem feito um ótimo trabalho para que eu não perdesse uma corrida desde 2011 .

Durand chegou à final da votação também endossado por suas três medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016 e duas outras medalhas de ouro em Londres 2012.

Em conversa com a Granma, a velocista agradeceu a sua mãe Adis, “pelo apoio incondicional, minha linda família, que inclui meu guia Yuniol Kindelán, e minha princesa Ericka (filha), que desde que nasceu tem sido uma bênção. e fonte de inspiração “.

O campeão cubano também expressou palavras de agradecimento aos médicos e técnicos que “me tiraram das lesões e dos momentos difíceis de minha carreira esportiva. Reconheço a bondade de nossa Revolução, por oferecer a nós atletas paraolímpicos a oportunidade de realizar nosso sonhos

“Este reconhecimento, por ter sido duas vezes indicado ao Prêmio Laureus, e o fato de ter capturado minhas impressões manuais nos Jogos Pan-Paralímpicos Lima 2019, apreciei-os com intensidade e guardo-os com muito carinho, junto com as homenagens recebidas em Cuba ”.

Categories: #Cuba, #Fidel Castro Ruz, #RevoluciónCubana, 60º aniversário do triunfo revolucionário, deporte, Deportes Mundiales, ESCUELAS DEPORTIVAS, Revolução Cubana | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: