Cuba defende em Genebra uma ordem internacional justa e equitativa.

Cuba defendeu nesta terça-feira no Conselho de Direitos Humanos da ONU a materialização de uma ordem internacional justa, democrática e eqüitativa e destacou a importância de renovar o mandato do perito independente a cargo do tema. Falando na continuação da 45ª sessão do órgão de 47 Estados membros, a diplomata cubana Lisandra Astiasarán insistiu que uma ordem global mais justa é um requisito essencial para alcançar o desenvolvimento e garantir a promoção e proteção de todos os direitos humanos .

Em diálogo interativo com o especialista responsável pelo assunto, Livingstone Sewanyana, o representante da Ilha pediu que evite que nas discussões sobre a ordem internacional se misturem questões que são prerrogativas exclusivas de Estados soberanos. Anunciou também que Cuba apresentará no fórum um projeto de resolução processual para renovar o mandato do perito independente.

A maior das Antilhas também participou de um debate sobre as considerações do Grupo de Trabalho sobre Detenção Arbitrária, no qual o diplomata Jairo Rodríguez reiterou a rejeição de seu país ao uso de procedimentos especiais para fins políticos.

Segundo o responsável, a troca de informações e a cooperação devem prevalecer neste mecanismo, ao invés da abordagem que muitas vezes prevalece por falta de objetividade e de critérios pré-concebidos em relação a algumas nações. Na reunião do Conselho enquadrada em suas sessões programadas de 14 de setembro a 6 de outubro, Rodríguez criticou os pareceres do grupo distantes da realidade, baseados em alegações falsas e pré-fabricadas, alheias à defesa dos direitos humanos. Essas posições laceram a credibilidade de um mecanismo tão importante, enfatizou.

Cuba e outros países exigiram no Conselho de Direitos Humanos que a manipulação e as abordagens seletivas, através das quais as potências ocidentais tentam colocar governos dispostos a defender sua soberania e seu próprio caminho, sem opiniões externas, no banco dos réus.

(Cubaminrex- Missão Cuba em Genebra)

Categories: # yo voto vs bloqueo, #solidaridadvs bloqueo, Acciones contra Cuba, Bloqueo de Estados Unidos contra Cuba, Cuba, bloqueo contra cuba, CubavsBloqueo, Derechos Humanos, ONU, ONU-CUBA | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: