Vitória de Cuba no Conselho de Direitos Humanos da ONU.

Retirado do Prensa Latina .

Nações Unidas, 13 de outubro (Prensa Latina) Cuba obteve hoje uma nova e retumbante vitória no Conselho de Direitos Humanos da ONU, ao ser eleita para o órgão no período 2021-2023.

Apesar da campanha agressiva dos Estados Unidos contra a candidatura cubana a esse Conselho, a Assembleia Geral elegeu Cuba como membro desse órgão, com 170 votos em 193 possíveis.

Com esta vitória, a nação caribenha reafirma seu compromisso com uma ordem internacional baseada na inclusão, justiça social, dignidade humana, compreensão mútua e promoção e respeito da diversidade cultural, indica um comunicado da missão cubana às Nações Unidas.

Ao mesmo tempo, acrescenta o comunicado, demole as atuais manobras do governo dos Estados Unidos, que não perde espaço para caluniar o exemplar histórico de direitos humanos de Cuba.

“A ilha caribenha continuará defendendo o diálogo e a cooperação com sua própria voz, em favor de todos os direitos de todas as pessoas”.

Segundo nota do Itamaraty, a nação apresentou sua candidatura ao Conselho de Direitos Humanos, orgulhosa de estar entre os países cujos governos muito fizeram para conseguir o gozo mais amplo possível de todos os direitos humanos de todos os seus cidadãos.

Cuba é membro fundador do Conselho de Direitos Humanos, criado em 2006: teve assento por dois períodos consecutivos até dezembro de 2012, e anos depois ocupou assento por mais dois períodos consecutivos (2014-2016 e 2017-2019).

Nesse contexto, apresentou resoluções sobre o direito à alimentação, os direitos culturais e a diversidade cultural, e os efeitos da dívida externa no gozo dos direitos humanos, em particular os econômicos, sociais e culturais, entre outros.

A participação ativa da maior das Antilhas naquele órgão também resultou na renovação do mandato do perito independente sobre a promoção de uma ordem internacional democrática e equitativa.

O Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas foi criado em 15 de março de 2006 e atualmente é composto por 47 Estados membros da ONU, eleitos direta e secretamente na Assembleia Geral.

Conforme estabelecido, este órgão que se reúne no escritório da ONU em Genebra, na Suíça, é responsável pela promoção e proteção dos direitos humanos em todo o mundo e tem a capacidade de debater vários assuntos relacionados a essas questões.

Categories: # Cuba, #Cuba, #Fidel Castro Ruz, #RevoluciónCubana, #ONU, Assembléia Geral da ONU, Colômbia, Organização das Nações Unidas (ON, Derechos Humanos, El 10 de diciembre, Día de los Derechos Humanos, MINREX, ONU, ONU-CUBA | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: