O que são direitos humanos?

Foto de las Naciones Unidas/John Isaac

Os direitos humanos são os direitos que basicamente temos porque existimos como seres humanos; Eles não são garantidos por nenhum estado. Esses direitos universais são inerentes a todos nós, independentemente da nacionalidade, sexo, origem étnica ou nacional, cor, religião, idioma ou qualquer outra condição. Vão desde os mais fundamentais – o direito à vida – até aqueles que valorizam nossas vidas, como o direito à alimentação, educação, trabalho, saúde e liberdade.

A Declaração Universal dos Direitos Humanos, adotada pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 1948, foi o primeiro documento legal a estabelecer a proteção universal dos direitos humanos fundamentais. completou 70 anos em 2018, continua a ser a base de todas as leis internacionais de direitos humanos. Seus 30 artigos oferecem os princípios e blocos das convenções, tratados e outros instrumentos jurídicos atuais e futuros sobre direitos humanos.

A Declaração Universal dos Direitos Humanos, juntamente com os dois pactos – o Pacto Internacional sobre Direitos Civis e Políticos e o Pacto Internacional sobre Direitos Econômicos, Sociais e Culturais – compõem a Carta Internacional de Direitos Humanos *.

Universal e inalienável

O princípio da universalidade dos direitos humanos é a pedra angular do direito internacional dos direitos humanos. Isso significa que todos temos o mesmo direito de gozar dos direitos humanos. Esse princípio, conforme enfatizado pela primeira vez na Declaração Universal dos Direitos Humanos, é repetido em várias convenções, declarações e resoluções internacionais sobre direitos humanos.

Os direitos humanos são inalienáveis. Não devem ser eliminados, exceto em situações específicas e de acordo com um procedimento adequado. Por exemplo, o direito à liberdade pode ser restringido se uma pessoa for considerada culpada de um crime por um tribunal.
Indivisível e interdependente

UNICEF/ HQ04-0734/Jim Holmes

Todos os direitos humanos são indivisíveis e interdependentes. Isso significa que um conjunto de direitos não pode ser desfrutado plenamente sem os outros. Por exemplo, o avanço dos direitos civis e políticos facilita o exercício dos direitos econômicos, sociais e culturais. Da mesma forma, a violação dos direitos econômicos, sociais e culturais pode impactar negativamente muitos outros direitos.

Equitativo e não discriminatório

Foto de UNICEF

O Artigo 1 da Declaração Universal dos Direitos Humanos estabelece que: “todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos”. A ausência de discriminação, prevista no artigo 2º, é o que garante essa igualdade.

A não discriminação transcende todas as leis internacionais de direitos humanos. Esse princípio está presente nos principais tratados de direitos humanos. É também o tema central de dois instrumentos fundamentais: a Convenção Internacional sobre a Eliminação de todas as Formas de Discriminação Racial e a Convenção sobre a Eliminação de todas as Formas de Discriminação contra as Mulheres.

Direitos e deveres

Todos os estados ratificaram pelo menos 1 dos 9 tratados básicos de direitos humanos, bem como 1 dos 9 protocolos opcionais. 80% dos Estados ratificaram 4 ou mais. Isso significa que os Estados têm obrigações e deveres de acordo com o direito internacional de respeitar, proteger e cumprir os direitos humanos.

A obrigação de respeitá-los significa que os Estados devem abster-se de interferir no gozo dos direitos humanos ou de limitá-los.
A obrigação de protegê-los exige que os Estados protejam indivíduos e grupos contra violações dos direitos humanos.
A obrigação de cumpri-los implica que os Estados devem adotar medidas positivas para facilitar o gozo dos direitos humanos básicos.

Entretanto, como pessoas individuais, embora tenhamos o direito de usufruir dos nossos direitos humanos, devemos também respeitar e defender os direitos humanos das outras pessoas.

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: