Estados Unidos: sabotar mesmo em sua transição presidencial?

Por Nicanor León Cotayo

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, reclamou nesta segunda-feira dos “obstáculos” ao processo de transferência de poder por parte do governo do presidente cessante, Donald Trump, e especificamente de seus nomeados para cargos do Pentágono e do Gabinete de Gestão e orçamento foto Reuters

A Associated Press (AP) acaba de contar outra história quase inacreditável de admitir.

Donald Trump e seus homens estão tentando impor, neste momento, uma reviravolta no que aconteceu nas eleições de 3 de novembro.

De acordo com essa agência de notícias, nesta segunda-feira, Joe Biden denunciou que colocaram barreiras que podem prejudicar a segurança do país.

Durante seu discurso em Wilmington, Delaware, ele afirmou que sua equipe enfrentou “obstrução” da administração Trump no Departamento de Defesa e no Escritório de Gestão e Orçamento para continuar com a transição de poder.

Biden apontou que isso é irresponsabilidade.

Ele obteve essas informações por meio de sua equipe de Segurança e Defesa Nacional.

A AP comentou que o presidente eleito afirmou que esta situação prejudica a proteção do povo americano e a defesa dos seus interesses, num mundo com ameaças variáveis.

Esta agência lembra que Trump continua sem reconhecer o que aconteceu no processo eleitoral de 3 de novembro.

Outro aspecto importante abordado por Biden é o atual atraso no desenvolvimento de seu próprio plano de vacinação contra Covid-19.

No entanto, na semana passada ele indicou que o Departamento de Defesa “nem mesmo nos informa de muitas coisas” e deu a entender que, por isso, não tinha um entendimento completo do real alcance do recente ciberataque a vários sistemas governamentais.

Eles tentaram justificar o acima exposto, argumentando que Christopher Miller, secretário de defesa interino, afirmou que havia conduzido 164 entrevistas com mais de 400 funcionários.

Nesse cenário turbulento, os observadores notaram sua preocupação com as anomalias que se vêm acumulando no atual processo de transição presidencial nos Estados Unidos.

Em primeiro lugar, porque fere, ainda mais, a imagem supostamente democrática de seus processos eleitorais.

Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

<span>%d</span> bloggers like this: