Nancy Pelosi pede o impeachment de Trump.

Autor: Elson Concepción Pérez | internet@granma.cu

Não pensemos que, porque já se passaram quarta-feira 6 e quinta-feira 7 de janeiro, a “novela” do governo norte-americano de Donald Trump já terminou. Agora a questão é “expulsá-lo da Casa Branca”. E esse capítulo começou, justamente, quando eles se convenceram dos danos que o presidente republicano fez à ética e à segurança do cidadão.

A presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, pediu, em coletiva de imprensa nesta quinta-feira, o afastamento do presidente Donald Trump, invocando a 25ª Emenda da Constituição por incitação à violência no protesto no Capitólio, reflete o Agência Sputnik.

Nancy Pelosi

“Eu me juntei ao líder democrata do Senado e pedi ao vice-presidente Mike Pence que removesse esse presidente invocando imediatamente a 25ª Emenda”, disse Pelosi, que advertiu que “se o vice-presidente e o gabinete não o fizerem, o Congresso pode estar preparado para vá em frente com o impeachment. ‘

“Nos próximos 13 dias, este homem perigoso pode causar mais danos ao nosso país e atacar nossa democracia”, disse ele.

Além disso, Pelosi pediu a renúncia do Chefe de Polícia do Capitólio, Steven Sund.

Nesse contexto, soube-se que uma verdadeira crise está passando pelo próprio governo Trump, após a renúncia, nesta quinta-feira, de vários dos funcionários que o acompanharam.

A chefe de gabinete da primeira-dama, Stephanie Grisham, havia escrito uma carta de demissão, relata a CNN, citando um porta-voz da Casa Branca.

Documentos semelhantes também foram apresentados pela Subsecretária de Imprensa, Sarah Matthews, e pelo Secretário de Protocolo, Ricky Nyceta.

De acordo com uma fonte informada desse canal, Matthew Pottinger, vice-conselheiro de segurança nacional de Trump, também renunciou.

O Conselheiro de Segurança Nacional Robert O’Brien e o Subchefe de Gabinete Chris Liddell também planejam deixar a equipe do presidente.

O Diretor de Assuntos Russos e

Europeus do Conselho de Segurança Nacional dos EUA Os EUA, Ryan Tully, também renunciou ao cargo, segundo a emissora de TV citada.

Além disso, o próprio Donald Trump proibiu Mark Short, chefe do gabinete do vice-presidente Mike Pence, de entrar na Casa Branca, relata o canal de televisão nbc, acrescentando que o magnata tomou essa decisão devido ao descontentamento com Pence, que era Ele se recusou a alterar os resultados das eleições conforme exigido.

Além disso, o ex-chefe de gabinete de Trump e enviado especial para a Irlanda do Norte, Mick Mulvaney, disse que renunciou após os eventos violentos.

Os próximos capítulos deste romance de Trump serão lançados nos próximos dias, até 20 de janeiro, quando o novo governo democrata de Joe Biden toma posse.

Categories: #Donald Trump, #Estados Unidos, #Estados Unidos, #Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos EUA?, #Trump, @Trump, A guerra dos Estados Unidos, confrontar Donald Trump da câmara baixa, congresso, Elecciones EEUU, FORA TRUMP, Trump, Um bom filho ... de Trump | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: