Angolanos retidos na Áfricado Sul regressam sábado ao país

Os cidadãos angolanos retidos na África do Sul regressam ao país no próximo sábado, garantiu, ontem, em Luanda, o ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, Pedro Sebastião.

Ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do PR informou, que em Luanda tem 866 passageiros em trânsito para África do Sul © Fotografia por: José Cola | Edições Novembro

Ao falar no Centro de Imprensa Aníbal de Melo (CIAM) sobre as novas medidas do Decreto Presidencial, no âmbito da Situação de Calamidade Pública, que vigoram desde à meia noite de ontem, Pedro Sebastião esclareceu que dos 1.359 cidadãos retidos naquele país, 910 estão em Joanesburgo e 449 na Cidade do Cabo.

O ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República informou, também, que em Luanda estão 866 passageiros em trânsito que pretendem viajar para a África do Sul.
Pedro Sebastião esclareceu que a retenção dos passageiros nos dois países se deveu às medidas impostas face à nova variante do Sars-Cov2.

Em relação às novas medidas do Decreto Presidencial sobre a Situação de Calamidade Pública, referiu que a cerca sanitária na província de Luanda vai continuar e fica proibida a transladação internacional ou interprovincial de cadáveres cuja causa da morte seja a Covid-19.

Os serviços públicos vão funcionar das 8 às 15 horas com a presença de 75 por cento da força de trabalho. Relativamente às aulas nas classes de transição do ensino primário, nomeadamente 1ª, 2ª, 3ª, 4ª e 5ª classes, que se mantêm suspensas, Pedro Sebastião disse que, feita a avaliação epidemiológica pelas autoridades sanitárias, deverão reiniciar em Fevereiro.

O ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República informou que a partir de 18 de Janeiro vai ser permitida a presença de público nas competições desportivas federadas, desde que não ultrapasse 10 por cento da capacidade do recinto.

 Vacinas

O chefe da Casa de Segurança do Presidente da República afirmou que os meios governamentais deverão ser suficientes para transportar as vacinas contra a Covid-19, sem excluir a possibilidade de abrir “concursos pontuais” para apoiar esta operação.
O general Pedro Sebastião admitiu que o transporte das vacinas é “um desafio”, sublinhando que as Forças Armadas poderão também apoiar o esforço logístico, que envolve vários ministérios, incluindo os dos Transportes e da Saúde. 

Novo recorde de pacientes recuperados

Angola registou, nas últimas 24 horas, quatro óbitos por Covid-19, 61 novas infecções  e a recuperação de 953 pacientes, de acordo com a informação prestada ontem, em Luanda, pela ministra da Saúde.  
Sílvia Lutucuta referiu que os óbitos ocorreram nas províncias de Luanda, Huambo e Lunda-Norte. Trata-se de dois homens e duas mulheres com idades entre 53 e 71 anos. 

Em relação às novas infecções, a ministra da Saúde esclareceu que dos 61 casos registados,  27 foram notificados em Luanda, 13 no Huambo, seis no Zaire, igual número no Cuanza-Sul, quatro no Bié, dois no Moxico, também dois na Lunda-Sul e um na Lunda-Norte.   Os infectados têm idades compreendidas entre 1 e 81 anos, sendo 32 do sexo masculino e 29 do sexo feminino. Na capital do país, as localidades afectadas  foram  os municípios de Belas, Cacuaco, Viana, Talatona, Kilamba Kiaxi e o distrito urbano da Samba. 

No que diz respeito aos pacientes recuperados, Sílvia Lutucuta disse que 775 foram em Luanda, 60 em Cabinda, 50 no Cuanza-Norte, 36 no Zaire, 17 no Cuanza-Sul, 10 no Huambo,  três no Bié e dois no Moxico. 

Com estes dados, o país soma 18.254 casos confirmados, dos quais 420 óbitos, 14.825 recuperados e 3.009 activos. Deste número, nove estão em estado crítico a receber tratamento por ventilação mecânica invasiva, oito em situação grave, 84 são considerados moderados, 97 têm sintomas leves e os restantes são assintomáticos.

O Laboratório de Biologia Molecular processou 825 amostras, das quais 81 foram positivas. Desde o início da pandemia, em 21 de Março, foram processadas 324.292 amostras processadas, destas 18.254 positivas.
Sílvia Lutucuta informou que, nas últimas 24 horas, o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) registou 41 chamadas, todas relacionadas a pedidos de informação sobre a Covid-19. A ministra da Saúde reiterou o apelo para o cumprimento rigoroso das medidas de prevenção, nomeadamente o uso correcto da máscara facial, lavagem frequente das mãos com água e sabão ou higienizálas com desinfectante recomendado.

A ministra desencorajou a realização de viagens ao exterior, nomeadamente para países onde já circulam novas estirpes do novo coronavírus, alertando que os viajantes correm o risco de ficar retidos. “Não viaje se não tiver necessidade expressa”, já que só razões de força maior de-vem levar a fazer viagens, apelou Sílvia Lutucuta, em Luanda, durante a apresentação dos últimos números da Covid-19.

Escolas têm condições criadas

A ministra da Educação, Luísa Grilo, disse estarem criadas, nas escolas públicas, as condições de biossegurança para o reinício das aulas presenciais nas classes de transição do ensino primário 1ª, 2ª, 3ª, 4ª e 5ª classes.  
Luísa Grilo agradeceu a dedicação dos professores e a colaboração dos pais e encarregados de educação, que permitiram o bom desempenho do primeiro trimestre.  

Oferta de transportes 

O ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu  garantiu  que as  enchentes, nas paragens de autocarros, vão diminuir com a melhoria na oferta de meios. O governante assegurou que há um grupo técnico multissectorial que está a trabalhar para encontrar formas de acabar com as enchentes nos transportes públicos. “Temos um programa de reforço dos transportes públicos que prevê a introdução de meios em todas as províncias”, referiu o ministro em conferência de imprensa. 

Jornal de Angola

Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

<span>%d</span> bloggers like this: