Trump sugeriu enviar para Guantánamo aqueles que chegaram aos EUA com covid-19

Internet

Em fevereiro de 2020, quando estourou a cobiçada pandemia de 19 em todo o mundo, o então presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, lançou a seus assessores a ideia de enviar à Base Naval americanos infectados que chegassem ao país. Da Baía de Guantánamo, em Cuba, ficar em quarentena ali, conforme consta de livro inédito, cujos trechos são coletados por diversos veículos.

Sob o título ‘Cenário de pesadelo: dentro da resposta do governo Trump à pandemia que mudou a história’, o livro é uma investigação jornalística de dois jornalistas do The Washington Post, que reproduz nesta segunda-feira um fragmento sobre um encontro em que o presidente surpreendeu seus assessores com a sugestão citada, que repetiu duas vezes.

Em fevereiro passado, funcionários da Casa Branca debatiam na Sala de Crise as possíveis formas de lidar com o retorno do exterior de americanos infectados pelo coronavírus, quando o presidente, ansioso por reduzir as infecções, perguntou-lhes: “Não temos uma ilha que pertença para nós? “. E ele especificou a seguir: “E quanto a Guantánamo?”

O trecho citado reflete como os participantes ficaram chocados com a primeira sugestão. Quando Trump voltou à briga e lançou a ideia uma segunda vez, alguns membros da equipe a rejeitaram porque, eles argumentaram, envolveria alojar americanos perto da prisão especial onde os suspeitos de terrorismo são mantidos.

Além dessa pergunta, o trecho reproduz algumas queixas de Trump sobre o quadro de disseminação da infecção deixado pelos testes de PCR. “Os testes estão me matando!”, Exclamou, segundo um vazamento, durante uma ligação que deu em março para o então secretário de Saúde e Serviços Humanos Alex Azar. Sua previsão das consequências daquela situação de saúde foi bastante correta: “Vou perder as eleições por causa dos exames”, disse.

O livro, que é baseado em entrevistas com cerca de 180 pessoas, incluindo alguns altos funcionários do último governo republicano e funcionários do governo para a Saúde, será publicado em 29 de junho.

Retirado de CubaSì

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: