MPLA felicita Partido Socialista pela vitória

A vice-presidente do MPLA felicitou, nesta segunda-feira, o Partido Socialista (PS) de Portugal, ocasião da “retumbante vitória nas eleições legislativas” realizadas no domingo.

Numa mensagem, a que o Jornal de Angola teve acesso, Luísa Damião expressou calorosas felicitações ao partido vencedor das eleições legislativas em Portugal.

Para a vice-presidente do MPLA, a vitória do PS resulta do trabalho árduo de mobilização e representa o renovar da confiança do povo português na liderança do partido, com vista a encontrar as soluções adequadas, rumo ao desenvolvimento e progresso social.

“Neste momento eufórico de celebração, tanto para os socialistas de Portugal, como os do mundo inteiro, aproveitamos o ensejo para vos assegurar da disponibilidade do MPLA de continuar a trabalhar para o reforço das relações de amizade, de solidariedade e de cooperação com o Partido Socialista”, afirmou.

Jornal de Angola

Mali: Junta militar expulsa embaixador de França

A junta militar no poder no Mali decidiu expulsar o embaixador de França, reforçando a tensão nas relações bilaterais, anunciou hoje a televisão estatal do país africano (ORTM).

“O governo da República do Mali informa a opinião nacional e internacional que hoje (…) o embaixador francês em Bamako, sua excelência Joël Meyer, foi convocado pelo ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional (e) que foi notificado da decisão do governo que o convida a deixar o território nacional no prazo de 72 horas”, segundo um comunicado de imprensa apresentado pela televisão estatal.

O diplomata foi convocado hoje de manhã pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros, tendo o ministro Abdulaye Diop comunicado a decisão, lê-se ainda no comunicado lido pela ORTM.

Segundo fontes diplomáticas, a convocatória do embaixador está relacionada com declarações de França sobre as novas autoridades malianas, saídas dos golpes militares de 2020 e 2021.

Na semana passada, a ministra da Defesa francesa, Florence Parly, deixou claro que o seu país não continuaria a envolver-se militarmente “a qualquer preço” no Mali, onde desde 2013 mantém tropas para lutar contra grupos ‘jihadistas’, após múltiplos desaires da junta militar que está agora no poder em Bamako.

Em entrevista à rádio France Inter, Parly disse que a França quer continuar a sua missão no Sahel e justificou essa vontade para que não seja permitido que “santuários ‘jihadistas’ ou terroristas sejam estabelecidos naquela parte do mundo”.

Mas reconheceu que as condições para esta intervenção “são cada vez mais difíceis”.

Jornal de Angola

Fidel: Por que os Estados Unidos temem o exemplo de Cuba?

Convidamos você a assistir a este pequeno vídeo onde Fidel explica por que os EUA temem o exemplo da revolução cubana.

Ouviste falar do que aconteceu em BARCELONA???? 😱

#BrcelonaContraElBloqueo #PorLaFamiliaCubana #ManipulacionMediatica #CubaViveYVence #CubaViveYRenace

A electrificação em Angola vai aumentar para 44 por cento este ano.

#Angola #Electrificación #Energía #Inversiones

Luanda, 29 de Janeiro (Prensa Latina) Angola planeia atingir uma taxa de electrificação de 44 por cento até 2022, confirmou o governo na semana que termina hoje, relatando o desempenho do investimento.

electrificacion-en-angola-subira-a-44-por-ciento-este-ano

De 2017 a 2021, o indicador mostrou um crescimento de 7,5 pontos percentuais, para 42,7% no final do ano passado, disse à imprensa o secretário de Estado da Energia, António Belsa da Costa.

Segundo o funcionário, o aumento deveu-se à instalação de cerca de 472.000 ligações domésticas pela Companhia Nacional de Distribuição de Electricidade em várias províncias.

No final de 2021, o número de clientes com serviços de electricidade ascendia a mais de 1,7 milhões, o que representava um aumento de 38,58 por cento em comparação com o saldo de 2017, detalhou.

Em termos de eficiência, o executivo salientou que, de Maio de 2019 a Dezembro do ano passado, o país alcançou uma poupança relativa de mais de K67,971 mil milhões de K67,971 (cerca de 127 milhões de dólares), dada a redução do consumo de gasóleo na produção de electricidade.

O menor peso dos combustíveis fósseis na matriz energética nacional estava principalmente associado à conclusão do projecto hidroeléctrico de Laúca, o maior do seu género em Angola, e à utilização de gás na central de ciclo combinado do Soyo, explicou ele.

No período 2017-2021, observou, 10 províncias foram interligadas ao sistema nacional de electro-energia, nomeadamente Luanda, Cuanza Norte, Malanje, Uíge, Bengo, Zaire, Cuanza Sul, Benguela, Huambo e Bié.

Segundo o Secretário de Estado, os planos do executivo visam também reduzir as assimetrias territoriais: a projecção para o período 2018-2022 é de aumentar a taxa de electrificação provincial do actual mínimo de 8,0 por cento para 20 pontos percentuais.

Neste momento, disse ele, as províncias do Bié (centro) e Cunene (sul) têm as taxas de cobertura mais baixas, com uma média de 9,5 por cento.

msm/mjm

Mirex lança magazine diplomático.

#DIPLONEWS #Angola #Mirex #MagazineDiplomáticoDigital

O Ministério das Relações Exteriores publica a partir desta sexta-feira, 28, o Magazine Diplomático Digital denominado DIPLONEWS, em português, inglês e francês, com o objectivo de promover uma comunicação institucional integrada, harmonizada e sistemática que sirva a diplomacia angolana e seus actores.

O DIPLONEWS terá periodicidade mensal e pretende providenciar maior visibilidade, imagem e aproveitamento das acções desenvolvidas pelas direcções geopolíticas deste departamento ministerial, ao qual compete, entre outras tarefas, auxiliar o Presidente da República na avaliação da política externa e da cooperação internacional de Angola em todas as suas vertentes.
De acordo com um comunicado a que o Jornal de Angola teve acesso, a publicação será coordenado pela directora da Direcção de Tecnologias de Informação, Comunicação Institucional e Imprensa do Ministério das Relações Exteriores, Elsa Caposso.
O comunicado informa que o DIPLONEWS irá, também, passará a destacar as actividades político-diplomáticas do Ministério das Relações Exteriores desenvolvidas, particularmente, pelos órgãos centrais desta instituição do Estado.
O ministro das Relações Exteriores, Téte António, citado no comunicado, considera que a boa reputação dos Estados está intrinsecamente ligada à capacidade de bem comunicar as suas realizações e de se relacionar com os diversos actores nos domínios da política, economia, cultura e, de uma maneira geral, da própria sociedade.

Fonte: JA

Ponte colapsa em Pittsburgh horas antes da visita de Biden ao local.

#EstadosUnidos #JoeBiden #Pittsburgh

Uma ponte colapsou esta sexta-feira em Pittsburgh, no estado norte-americano da Pensilvânia. O incidente ocorreu pelas 6h locais [11h, em Lisboa], no dia em que o Presidente dos Estados Unidos da América, Joe Biden, tinha uma visita agendada à cidade para discutir a infraestrutura.

Segundo o mayor de Pittsburgh, Ed Gainey, em conferência de imprensa no local, há registo de dez feridos ligeiros, três dos quais foram transportados para unidades hospitalares. No momento, estavam “três ou quatro carros” na ponte.
“Neste momento, ainda estamos a avaliar a situação e a recolher informação, mas o bom por agora é que não há mortos”, afirmou.
Segundo a  Pittsburgh Public Safety, há relatos de um cheiro forte de gás natural no local e está a ser pedido aos moradores para evitarem a área. As vítimas irão receber apoio da Cruz Vermelha.

Registados mais de cinco milhões de cidadãos no país.

#Angola #Elecciones #Política

O país já registou mais de cinco milhões de cidadãos e atribuiu, pela primeira vez, 2,6 milhões bilhetes de identidade a cidadãos angolanos, nos últimos dois anos, informou esta sexta-feira, em Luanda, o ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz.

O ministro avançou estes dados na reunião de balanço do Programa de Massificação do Registo de Nascimento e Atribuição do Bilhete de Identidade e do Programa de Massificação do Registo Predial, no período entre Agosto e Dezembro de 2021.

Fonte: JA

África do Sul detecta mais de três mil novas infecções em 24 horas.

#Africa #Covid-19

A África do Sul detectou três mil 789 novas infecções e um saldo de 133 mortes em 24 horas, segundo indica o mapa estatístico covid-19 do Departamento Nacional de Saúde.

O país totaliza já três milhões 598 mil 288 casos positivos e 94 mil 784 óbitos desde que se notificou o primeiro caso.

Foram até aqui recuperadas 3.436.326 pessoas, o que equivale a uma taxa de 95,5 % de melhorias. Contam-se ainda 67.178 casos activos, ressalta o mapa.

A vacinação prossegue a bom ritmo e de acordo com os dados expostos, 29 milhões 784 mil 202 doses anti-covid foram já aplicadas.

Há 48 horas, o país contava com 16.403.387 adultos completamente vacinados, enquanto 1.195.984 de doses foram administrafas a crianças com idades compreendidas entre os 12 e 17 anos.

Fonte: ANGOP

Discotecas e piscinas podem ser reabertas a 1 de Fevereiro.

#Angola #MedidasDePrevencion #Covid-19 #FAF #UNAC

As discotecas e piscinas poderão ser reabertas a 1 de Fevereiro, no mesmo dia em que deverão ser alargados os horários das actividades comerciais e desportivas, adiantou, ontem, em Luanda, o ministro de Estado e chefe da Casa Militar do Presidente da República.

Francisco Furtado, que falava à imprensa, no final de uma reunião entre a Comissão Multissectorial para a Prevenção e Combate à Pandemia da Covid-19 e responsáveis de organizações desportivas, culturais, de restauração e similares, adiantou que o Decreto Presidencial sobre as novas medidas deverá ser actualizado na segunda-feira, devendo entrar em vigor a 1 de Fevereiro.

O ministro de Estado adiantou que o Executivo vai aligeirar as medidas de prevenção e combate à Covid-19 nos sectores da Cultura, Turismo, Restauração e Desportos Federados e de Recreação.

A meta, disse, é abrir os estádios de futebol para 50 por cento da lotação total, alargar os horários para o desporto individual e colectivo, aumentar a força de trabalho para 75 por cento, actividade comercial das 7 às zero horas, além do acesso às piscinas. Prevê-se, igualmente, o alargamento da actividade de reuniões até 75 por cento, no período das oito às 18 horas, e o teatro, cinema e casinos, das 20 horas até às 5 da manhã.

Para o ministro da Cultura, Turismo e Ambiente, a medida vai devolver postos de trabalho, renda e bem-estar aos operadores do sector impedidos de exercer as actividades nos últimos dois anos, em alguns casos, devido à pandemia.

Filipe Zau apelou à responsabilidade dos principais operadores do sector para que não possamos ser surpreendidos pelos números de contágio da doença. Disse ser necessário criar um equilíbrio entre as medidas e o desenvolvimento da economia.

Augusto Pedro, secretário-geral da Associação dos Operadores Turísticos de Angola (A VOTTA), lamentou que o turismo tenha sido o sector mais afectado com a pandemia. Considerou que o regresso à actividade vai ajudar as empresas a sair da estagnação em que se encontravam.

Yuri Simão, da Nova Energia, considerou o passo importante. No entanto, pede moderação na cobrança de taxa e outros emolumentos do sector, dada a baixa que as empresas do sector sofreram nos últimos dois anos.

Nino Republicano, da LS Republicano, assegurou que a indústria do entretenimento pode desempenhar um papel preponderante na mobilização para a vacinação, dado o interesse das pessoas em entrar nos eventos nos quais passam a ser exigidas todas as doses de vacina completa.

Eliseu Major, da União dos Artistas e Compositores (UNAC), disse que os mais de seis mil membros poderão voltar à vida activa, pois as médias de restrição têm vindo a impedir os seus associados de desenvolver a actividade.

 O presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), Artur de Almeida e Silva, disse que o acesso aos estádios das diferentes modalidades pode ajudar o Estado a aumentar os indicadores da vacinação.

Fonte: JA

%d bloggers like this: