#America Latina

Milhares de crianças latinas passam o Natal em gaiolas por ordem de Trump

A prisão do ICE para crianças migrantes em McAllen, Texas. Foto: A Opinião

Mesmo quando as crianças terão que sofrer tanta injustiça, porque essa política repressiva com esses anjos, até quando vamos permitir que este ASECINO separe famílias, promova guerras no mundo, tome posse da riqueza natural, independentemente de sua localização, promova golpes e bloqueiam os países por pensarem de maneira diferente e lutarem por seus princípios … Até quando Trump …

Categories: #Almagro, #América Latina, #América Latina, #Nicarágua, #Bolívia, #Venezuela, #Cuba, #America Latina, Donald Trump, Donald Trump,, Donald Trump, Estados Unidos, FORA TRUMP, relações bilaterais, o governo Donald Trump, Trump, Trump Google, Um bom filho ... de Trump, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

América Latina: as máquinas de subversão do império funcionam a todo vapor

Os Estados Unidos perdem terreno em seu sonho de dominação no século XXI e acreditam que é mais necessário do que nunca controlar os povos latino-americanos, impedir que as velas de Bolivar reapareçam no horizonte da grande pátria.

Autor:  | internacionales@granma.cu

Ilustração: tirada da esquerda diariamente
Os Estados Unidos perdem terreno. Seu sonho projetado de um século 21 americano desaparece e as águas dos navios de guerra dos ianques. Para seus especialistas, não é segredo que a República Popular da China, com sua economia próspera, está a caminho de ser a potência mundial número um em 2030, e a Rússia não está muito atrás. A confluência dos interesses internacionais dessas duas nações poderosas e de seus aliados, fazem deles uma alternativa influente frente ao poder americano.

Nessas circunstâncias, os Estados Unidos acreditam que é mais necessário do que nunca controlar seu “quintal”, para subjugar completamente as nações inquietas do continente. Mesmo seus satélites mais próximos não podem prescindir de comércio e negócios com a China e a Rússia. Por outro lado, a semente integracionista reavivada por Fidel, Chávez, Kirchner, Evo e Correa, por mais que tentem profaná-la, ela fica verde repetidamente.

O plano de resgate – cuidadosamente elaborado nos anos 80, depois que as sangrentas ditaduras militares começaram a mostrar sinais de exaustão, e o perigo de processos revolucionários radicais que acabavam com o poder da oligarquia servil aos ianques renasceu, apesar da O extermínio sistemático dos líderes esquerdistas – também fracassou profundamente, e seus projetos de “transição democrática”, ou o que era o mesmo, manter ditaduras com manto democrático, não deram os resultados esperados.

O continente ao sul do Rio Grande iniciou processos progressivos, algumas revoluções autênticas, como na Venezuela, e os povos começaram a construir uma integração historicamente temida para o império: América Latina e Caribe unidos em um projeto bolivariano. As velas de Bolivar reapareceram no horizonte.

O ianque tremia, seus servos e cipayos tremiam. A tarefa dos serviços especiais imperiais e, em particular, de sua guarda pretoriana, de seus tanques de pensamento e escolhidos “cavaleiros da Strauss”, era então parar e depois destruir os movimentos integracionistas revolucionários que estavam se formando, derrubar governos desconfortáveis ​​era a tarefa da empresa , organização com grande experiência no assunto. Ele iniciou o maquinário diabólico oleoso na luta contra o socialismo da Europa Oriental, especialmente a URSS.

A ofensiva de direita foi rápida na América Latina, um após o outro os governos da “década progressista” começaram a cair, produto de uma estratégia multifatorial, bem pensada, inescrupulosa, que possuía todos os recursos logísticos e financeiros, poucos recursos e a pouca importância que governos progressistas deram à preparação política das massas, entre outros fatores, influenciaram o sucesso inicial do plano de restauração do neoliberalismo.

Todas as variantes de guerra não convencional, criadas nos laboratórios americanos, algumas delas testadas com sucesso variado no Oriente Médio e na Europa, foram aplicadas no continente, golpes leves, golpes judiciais, golpes parlamentares, com maior ou menor presença de as forças militares e policiais, sempre fiéis aos estados neocoloniais, plantando cavalos de Tróia, cujo maior exemplo é Lenín Moreno, no Equador, etc.

Sempre existe um “mas”, alguém poderia dizer com certeza. O direito não tem muito a oferecer, seu plano é simples: restaurar o neoliberalismo neocolonial – que é a pior variante do neoliberalismo – e esse plano está fadado ao fracasso. A América vira, sobe, derruba os governos neoliberais nas pesquisas, a percepção de perigo para o poder americano se torna maior.

Agora, o império é um animal agachado que lança golpes esquerdo e direito, sua maquinaria de destruição e subversão funciona a todo vapor, o pior é que essa maquinaria é dirigida por um lado de trogloditas, dinossauros ancorados no tempo das canhoneiras, dos quais eles só aprenderam nos quadrinhos, nas séries de televisão e não nos livros de história. Esse grupo dominante de homens das cavernas é profundamente ignorante, sua visão de mundo foi construída em espaços muito fechados da opinião fundamentalista, eles não conhecem bem seu próprio país.

Qualquer coisa pode ser esperada deles, os menos ruins da nação do norte tentam impedir esse grupo, não por causa de profundas contradições com seus objetivos gerais, mas porque os vêem como um perigo real para os interesses americanos, para o futuro do império.

Agrupados em uma frente que não alcançou a unidade necessária, eles tentam obter a camarilha do trunfo e apostam no julgamento político contra o presidente dos magnatas como uma maneira de se salvar. É uma medida desesperada, porque eles sabem que o país tem fraturas internas, na economia e em sua estrutura como nação, e uma crise pode levar ao desastre.

São como no desenho animado clássico do barco que faz a água por toda parte, tampe um buraco e abra outro, cubra um buraco com mentiras, com calúnias, com sangue e um novo se abre.

Eles estão enfrentando a vergonha do povo, a história que eles tentaram apagar com dinheiro e armas. Eles são os espíritos imortais de nossos soldados libertadores que retornam, dos guerreiros dos povos originais, dos “índios” das terras altas, das tropas de Sandino, dos homens de Che, que selam suas andanças e lubrificam os rifles. Velas Bolivar prontas para resistir à tempestade e vencer, agora sim.

Categories: # Cuba, #America Latina, #AmericaLatina, AMERICA LATINA, Nicolás Maduro Moros, Revolución Bolivariana, Venezuela, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Reclamação OnLine e Tuitazo Forum da Lei Helms Burton.

Este 12 de março, das 10h às 12m, com os rótulos Cuba NoMásBloqueo e SomosContinuidad; Faremos um Fórum On-line na página do Facebook @UJCuba e um twitazo com o objetivo de denunciar a extraterritorialidade da Lei Helms Burton e a aplicação absurda de seu Título III que o governo Trump pretende implementar; que intensifica o bloqueio e amplia a extraterritorialidade da referida Lei.

Um painel de 3 economistas, membros da ANEC, explicará sobre a aplicação perigosa do Título III da Lei Helms Burton e seu conteúdo extraterritorial extremo, o que implica em afetações a terceiros países.

Categories: # Cuba, #America Latina, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Uma constituição, um PAÍS.

A essência de Cuba foi enobrecida pelo seu povo, o criador da política e das mudanças sociais. As leis que orientam o nosso sistema representam as conquistas alcançadas nestes 60 anos da Revolução, representante da justiça, democracia e soberania que nos identifica.

A essência de Cuba foi enobrecida pelo seu povo, o criador da política e das mudanças sociais. As leis que orientam o nosso sistema representam as conquistas alcançadas nestes 60 anos da Revolução, representante da justiça, democracia e soberania que nos identifica.

A votação que realizaremos no dia 24 de fevereiro fortalecerá a decisão de milhões de cubanos de continuar nosso projeto de transformações socialistas. Não será uma formalidade, mas sim uma maneira de dizer sim aos programas em benefício do povo, à continuidade de uma economia firme e baseada na equidade, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dos que vivem em Cuba.

Nosso referendo constitucional define o que éramos, somos e seremos. Aprofunda-se no sentimento de nossos cidadãos, na prosperidade e bem-estar de todas as pessoas que confiam neste Estado que promoveu o respeito pela proteção dos direitos de seus filhos.

Escrito por Camila Moreno

 

Categories: #America Latina, CUBA, Uncategorized | Etiquetas: , | Deixe um comentário

ONU, CARITAS E A CRUZ ROJA INTERNACIONAL, RECUSA SER PAGA PELO GRINGOS SHOW NA VENEZUELA

INTERNACIONAL, VENEZUELA
ONU, Cáritas e Cruz Roja se recusam a colaborar com “ajuda humanitária” dos EUA para a Venezuela.

Em uma declaração conjunta do Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho da Colômbia, ambas as organizações declararam: “O Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho na Colômbia reafirma que, para garantir o cumprimento de sua missão exclusivamente humanitária e de acordo com os Princípios Fundamentais de Imparcialidade, Neutralidade e Independência, não pode participar das iniciativas de prestação de assistência propostas para a Venezuela da Colômbia, sem prévio acordo com o Movimento.

Além disso, em conformidade com a nossa missão, continuaremos com o apoio humanitário à população vulnerável no território colombiano, incluindo a população migrante, em coordenação com os Parceiros do Movimento. “

Por sua vez, a entidade beneficente Cáritas publicou um comunicado explicando por que não participarão da entrega da suposta “ajuda humanitária” dos EUA à Venezuela. “A ação social da Igreja sempre foi regida pelos princípios da ajuda humanitária internacionalmente reconhecida: humanidade, independência e honestidade no trabalho de acompanhamento e assistência aos mais afetados”, afirmam. Por este motivo, “a Caritas só se unirá à ajuda humanitária nesta crise se trabalhar com os mecanismos apropriados e sob os princípios do respeito pelos direitos humanos e humanitários”. Continuar a ler

Categories: # Venezuela, #America Latina, Uncategorized | Etiquetas: , , | Deixe um comentário

Cuba pronta para receber médicos que não voltaram do Brasil.

O Ministério da Saúde Pública de Cuba (Minsap) reiterou hoje a disposição desse povo caribenho de receber seus médicos que não voltaram do Brasil após o término do programa de Médicos.
A decisão de não dar continuidade ao programa mencionado foi anunciada em novembro passado, após ameaças e condições de Jair Bolsonaro, então presidente eleito do Brasil.
Na terça-feira, Minsap divulgou um comunicado em que afirma que as ofertas de emprego feitas a médicos cubanos que optaram por não retornar ao país no final de sua missão, bem como a outros que formaram famílias com cidadãos brasileiros, não foram cumpridas. . Continuar a ler

Categories: # Cuba, #America Latina, #Brasil, #colaboracion medica cubana, Medicos en Brasil, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

..As razões prq querem invadir a Venezuela…

O Cisma ou Problema Venezuela – para alguns países ocidentais vassalos e submissos, como Portugal
É um problema de alinhamento político indecoroso, feito pela propaganda, chantagem e ingerência imperialista sobre a Venezuela e o seu povo!

António Jorge.

Categories: #America Latina, #AmericaLatina, #Nicolás Maduro, #Nicolás Maduro Moros, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Povo de Cuba demonstrou em 2018 sua dignidade.

Pueblo de Cuba demostró en 2018 su dignidad, afirma Cancillería

Os cubanos demonstraram mais uma vez em 2018 a dignidade que os identifica como povo, afirmou hoje o Ministério das Relações Exteriores da ilha.

Em seu relato da rede social Twitter, o Itamaraty observou que “o ano que acabou de terminar foi marcado por constantes aprendizados, vitórias e desafios, mas também pela possibilidade de continuar demonstrando a dignidade que nos identifica como povo”.

Um dos eventos que teve o maior impacto na maior das Antilhas e no mundo foi a decisão, anunciada em meados de novembro, de não continuar participando do programa Más Médicos de Brasil, após as desqualificações, ameaças e agressividade do presidente Jair Bolsonaro contra o governo e os médicos cubanos.

Do Brasil e de outras partes do planeta, a posição digna da ilha foi reconhecida, em resposta aos ataques de Bolsonaro contra um país que espalhou sua solidariedade em todo o mundo, cujos médicos trouxeram cuidados de saúde gratuitos e de qualidade para as comunidades nos últimos cinco anos. pobre e intrincado do chamado gigante sul-americano.

Neste contexto, o Ministério das Relações Exteriores destacou as mensagens de parabéns e apoio que continuam a chegar ao país caribenho por ocasião do 60º aniversário do triunfo da Revolução em 1º de janeiro de 1959.

Presidentes, parlamentares e ativistas da África, América Latina, Ásia e Europa enviaram saudações para a data, de Angola, Bolívia, China, Irã, Mongólia, Nicarágua, Porto Rico, República Dominicana, Rússia, África do Sul, Venezuela e Viet Nam.

Categories: #America Latina, #AmericaLatina, #Cuba, América Latina, AMERICA LATINA, CUBA, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Criadores de vários países honrarão o design bienal em Cuba.

O Escritório Nacional de Design de Cuba lançou o chamado oficial para esta segunda edição sob o lema Design além da forma.

Creadores de varios países prestigiarán bienal de diseño en Cuba
Criadores de vários países se reunirão na II Bienal de Design de Havana, que será realizada de 20 a 26 de maio de 2019, segundo um comunicado de seus organizadores.

Segundo o relatório, desde a sua criação em 2016, a bienal tornou-se um espaço múltiplo, intercâmbio e promoção sobre a importância deste evento para o crescimento pessoal e social.

Nesta edição, o evento será realizado em diversas áreas da capital cubana, com exposições, exposições, passeios e passeios de design cubano e estrangeiro, enquanto o Centro de Convenções da cidade sediará o evento teórico do evento.

Dedicado ao 500º aniversário de Havana, a bienal terá como sub-escritórios as províncias cubanas de Camagüey e Santiago de Cuba. Continuar a ler

Categories: #America Latina, #Cuba, arquitetura, Bienal de Havana, Comunicação, Convocação, CULTURAIS, ECONOMIA, Extranjeros, industria, Países, SOCIEDADE, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

ALBA-TCP rejeita sanções impostas pelos EUA contra a Nicarágua.

ALBA-TCP
A Aliança Bolivariana para os Povos de Nosso Tratado de Comércio dos Povos da América (ALBA-TCP) rejeitou a aprovação, pelo Congresso dos Estados Unidos, da Lei de Investimento e Condicionalidade da Nicarágua (Lei Nica).

Jorge Arreaza, chanceler venezuelano, explicou que o mecanismo limita a capacidade do país centro-americano de obter financiamento de organizações internacionais.

Segundo a Prensa Latina, o ministro das Relações Exteriores, em nome do bloco de integração latino-americano, especificou que o instrumento busca sufocar a economia, além de gerar um cenário de desestabilização na Nicarágua, com o objetivo de derrubar o governo do presidente Daniel Ortega. Continuar a ler

Categories: #America Latina, ALBA-TCP, ESTADOS UNIDOS, JEFES E ESTADOS, Nicaragua, POLÍTICA, Trump, Uncategorized, WASHIGTON | Etiquetas: | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: