O falso pacifismo de Yunior García está enterrado em Miami .

#ElBloqueoEsReal #VacunasCubanas #CubaPorLaSalud # CienciaEnCuba #MafiaCubanoAmericana #MercenariosYDelincuentes

#Cuba reúne-se com a #OMS para iniciar a certificação das suas vacinas.

#CubaEsSalud #Soberana #Abdala #Covid-19 #VacunasCubanas #OMS

Cientistas cubanos esmagam campanha dos EUA .

#CubaSoberana #CubaEsSalud #VacunasCubanas #CubaSeRespeta #EEUUBloquea #CubaSalva #ElBloqueoEsReal #FakeNewsVSCuba

A vacina cubana contra o coronavírus… é chinesa?

#CubaSalva #EEUUBloquea #ElBloqueoEsReal #CienciaEnCuba #VacunasCubanas #Covid-19 #China #CubaPorLaSalud #SubversionContraCuba #MafiaCubanoAmericana #FakeNewsVsCuba #RevolucionCubana

#VacunasCubanas.

#CubaSalva #CubaPorLaSalud #CienciaEnCuba #VacunasCubanas #Soberana02 #Covid-19

Cuba seria um dos primeiros países do mundo a conseguir a imunização de toda a sua população. Quem disse isso; nada mais e nada menos do que The New York Times, BBC e El País. Afirmam que tiraram o chapéu para o avanço das vacinas candidatas cubanas.

Imagem

A memória genética pode explicar os casos assintomáticos .

#SaludMundial #Covid-19 #Ciencia

Autor: Granma | internet@granma.cu

O sistema imunológico de pessoas infectadas com COVID-19 pode usar os anticorpos criados durante infecções causadas por outros coronavírus para ajudar a combater a doença, sugere um novo estudo realizado por uma equipe de cientistas americanos.

O SARS-COV-2 não é o primeiro coronavírus que a humanidade encontrou. Antes da pandemia, os humanos enfrentaram pelo menos seis outros tipos.

Cientistas da Northern Arizona University e do Translational Genomics Research Institute (TGen) tentaram entender como todos esses coronavírus ativam o sistema imunológico dos humanos. Durante a pesquisa, eles estudaram em detalhes como funciona a resposta do anticorpo.

Coronavirus

“Nossos resultados sugerem que COVID-19 pode eliciar uma resposta de anticorpos que já existia em humanos antes da pandemia atual, o que significa que já podemos ter algum grau de imunidade pré-existente ao vírus” que causa essa doença, disse o Dr. John Altin da TGen, e principal autor do estudo, publicado na revista Cell Reports Medicine.

Saber sobre as reações cruzadas pode ajudar a entender por que os pacientes com COVID-19 apresentam respostas imunológicas tão diferentes à doença, incluindo a ausência de sintomas.

Cientistas americanos acreditam que seu estudo ajudará a criar novos diagnósticos, avaliar os poderes de cura do plasma recuperado e desenvolver novos tratamentos terapêuticos.

Mais importante ainda, as novas descobertas também contribuirão para o desenvolvimento de futuras vacinas ou terapias capazes de proteger contra as mutações do vírus. Saber sobre as reações cruzadas também pode ajudar a entender por que os pacientes com COVID-19 apresentam respostas imunológicas tão diferentes à doença, incluindo a ausência de sintomas.

É possível que os anticorpos pré-existentes identificados por este estudo expliquem o contraste entre a gravidade da condição dos idosos e dos jovens. Há uma chance de que todas essas pessoas apresentem histórias médicas diferentes de infecção anterior por coronavírus.

Alerta para distribuição equitativa de vacinas contra Covid-19.

#SaludMundial #Capitalismo #OMS #Covid-19 #JoeBiden #Vacunas #Mexico #China #Russia #EstadosUnidos #CubaSalva #EEUUBloquea #Economia #Pfizer

Anti-vacinas: quais são os seus argumentos, de onde vêm e em que se baseiam?

#Vacunas #ProfecionalesDeLaSalud #Cientificos

Cientistas relatam o progresso de vacinas candidatas..

#CubaPorLaSalud #CubaSalva #EEUUBloquea #ElBloqueoEsReal #SoberanaDeCuba #VamosPorMas #SomosContinuidad #YoSigoAMiPresidente #Coronavirus

O que Einstein quis dizer com “Deus não joga dados”?

Albert Einstein é, sem dúvida, o cientista mais popular da história. Prova disso é que tudo que ele disse – em qualquer meio, dentro ou fora do mundo da física – repercute até hoje. Por exemplo: em dezembro de 1926, Einstein escreveu uma carta em resposta ao físico alemão Max Born, um dos pioneiros da mecânica quântica. Falando sobre as peculiaridades desta nova física, Einstein diz em um trecho da carta: “A teoria produz muito, mas dificilmente nos aproxima do segredo do Antigo. Estou convencido de que Ele não joga dados”.

Esta expressão, Deus não joga dados, ficou quase tão famosa pelos anos seguintes quanto sua fórmula mais popular, o universal E = mc2. Mas o que ele quis dizer com isso? O que Einstein entendia por Deus?O físico escreveu algumas cartas em que demonstra seu pensamento em relação a Deus e às religiões. Tentando ir mais a fundo nessa questão, o premiado escritor britânico Jim Baggott, autor de livros de ciência popular, escreveu um texto no portal Aeon a respeito do tema. Baggott faz uma viagem pela história, o trabalho e as influências do físico para tentar entender como era a relação dele com a religião – ou com a espiritualidade – e como ele fazia a conexão entre Deus e a física quântica. Para Baggott. o Deus de Einstein era “impessoal e sutil”, mas o físico só chegou a essa compreensão depois de abraçar a religião na infância. Continuar a ler “O que Einstein quis dizer com “Deus não joga dados”?”