O final da OEA .

#OEA #EstadosUnidos #ManipulacionPolitica #ElCaminoEsLaPaz #CELAC

#CELAC: um mecanismo de integração, diálogo e conciliação política em relação à #OEA .

#OEA #GolpeDeEstado #EstadosUnidos #ElCaminoEsLaPaz #CELAC

Uma Cuba “democrática” que deixaria de ser pacífica e esclarecida?

#CubaSoberana #ConCubaNoTeMetas #Democracia #EstadosUnidos #AmericaLatina

Chega de conflitos estéreis!

#Venezuela #Cuba #Covid-19 #Salud #GolpeDeEstado #Conakri #UnionAfricana #Etiopia #DerechosHumanos #China #Afganistan

Nova ronda de diálogo entre o governo e a oposição face aos progressos eleitorais da #Venezuela.

#Venezuela #EstadosUnidos #Elecciones #Democracia #GolpeDeEstado #Politica

#Venezuela, #Nicarágua e #Cuba como navios de bandeira da esquerda.

#EstadosUnidosBloquea #ElBloqueoEsReal #UnionEuropea #EliminaElBloqueo #Nicaragua #Venezuela #Cuba Sanciones #Russia #China #Washington #ALBA-TCP #CELAC

Foi assim que foi organizada a quarta geração da operação de guerra contra Cuba.

#ManipulacionMediatica #MafiaCubanoAmericana #RedesSociales #CubaSoberana #RevolucionCubana #MercenariosYDelincuentes

Eis o que o Império não quer que você veja.

#MiMoncadaEsHoy #ACubaPonleCorazon #CubaEsCierta #NoMasGolpesBlandos #EliminaElBloqueo

O juiz boliviano condena #JeanineÁñez e dois dos seus ex-ministros a quatro meses de prisão preventiva.

#GolpeDeEstado #Bolivia #JeanineAñez #Corrupción

A juíza boliviana Regina Santa Cruz ordenou quatro meses de prisão preventiva para o ex-presidente de facto do país, Jeanine Áñez, bem como para os ex-ministros de facto Álvaro Coímbra e Rodrigo Guzmán.

Embora o Ministério Público do país tivesse pedido seis meses enquanto a investigação estava a decorrer, o Juiz Santa Cruz considerou o tempo de detenção preventiva excessivo.

La medida se toma porque la jurista Santa Cruz considera que existe un alto riesgo de que Áñez huya de la Justicia boliviana.

Áñez e os seus colaboradores que lideraram o golpe em 2019 contra o então presidente boliviano, Evo Morales, são investigados por terrorismo, sedição e conspiração.

A medida é tomada porque o jurista Santa Cruz considera que existe um elevado risco de Áñez fugir da Justiça boliviana tendo em conta que, no momento da sua captura, este tentou fugir escondido numa caixa.

Durante a audiência, que durou mais de 10 horas, tanto Áñez como os seus antigos ministros Coímbra e Guzmán permaneceram num gabinete da Força Especial de Combate ao Crime.

No sábado passado, o Ministro do Governo, Carlos del Castillo, confirmou a detenção do antigo presidente de facto, “informo o povo boliviano que a Sra. Jeanine Áñez foi detida e está agora nas mãos da polícia”, disse o funcionário.

Ministro boliviano afirma que Rússia traz equilíbrio para a América .

#AmericaLatina #Rusia #China #Bolivia #InjerenciaDeEEUU #GolpesDeEstado #GolpesSuaves

O ministro das Relações Exteriores da Bolívia, Rogelio Mayta, garantiu nesta segunda-feira em entrevista a um meio de comunicação internacional que a Rússia tem um papel importante na América Latina, pois pode criar um equilíbrio contra a ingerência dos Estados Unidos (EUA) na região.

El ministro de Relaciones Exteriores, Rogelio Mayta, agregó que la influencia estadounidense en Latinoamérica entorpeció los procesos de integración como la Unasur y Celac.

“Por alguns anos, a Rússia desempenhou um papel importante. É capaz de sustentar os equilíbrios necessários. A América Latina ficou muito mais com uma certa influência dos Estados Unidos”, disse o chefe da diplomacia nacional sul-americana.

O ministro acrescentou que a influência dos Estados Unidos dificultou processos de integração como a União de Nações Sul-Americanas (Unasul) e a Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac).

“Os processos de integração que estávamos fazendo, como Unasul ou Celac, foram prejudicados por interesses estrangeiros”, disse Mayta. Além disso, afirmou que “algumas potências” veem na desunião dos países latino-americanos a possibilidade de continuar aproveitando seus recursos.

“Mas a presença da Rússia cria uma tendência para a existência de novos equilíbrios, que são necessários”, reiterou o alto funcionário, que declarou que a Bolívia espera que os EUA modifiquem sua relação com a América Latina antes do surgimento de um mundo multipolar.

“Temos esperança de que neste mundo que está mudando, em que existe uma multipolaridade onde o papel da Rússia e da China é fundamental, os EUA também redefinam sua relação com a América Latina e a Bolívia”, disse Mayta.