O bloqueio nem sequer acredita nos produtores dos EUA.

#ElBloqueoEsReal #EEUUBloquea #CubaViveYTrabaja #CubaNoEstaSola #CubaPorLaPaz

Autor: Granma | internet@granma.cu

O aperto do bloqueio económico, comercial e financeiro contra Cuba, resultado de uma política externa desviada pelo ódio, e um presidente que continua a não cumprir as suas promessas de campanha, bloquearam ontem uma proposta no Congresso dos EUA que procurava levantar a proibição de financiamento das exportações agrícolas para a ilha e expandir o comércio nesse sector.

Introduzido por Rashida Tlaib (D-Michigan), o projecto de lei falhou, recebendo 260 votos contra, para 163. O legislador agradeceu a Gregory Meeks (D-New York), presidente da Comissão dos Negócios Estrangeiros da Câmara, e Jim McGovern (Mass.), presidente da Comissão do Regimento, por apoiarem a emenda.

Foto: Adán

Nem mesmo porque a passagem teria ajudado os produtores agrícolas americanos, “incluindo muitos aqui no Michigan”, como disse Tlaib, ou que representaria a criação de milhares de empregos naquele país, foi a intenção subjacente à política macabra de Cuba.

Porquê? Porque os representantes anti-cubanos e os da ala mais conservadora estão a travar projectos de lei no Congresso que significariam uma aproximação entre os dois países, ou medidas que impediriam mais sofrimento para a população da ilha, sujeita ao cruel cerco unilateral, de acordo com os analistas.

Tanto que, sem esconder o seu ódio, o congressista Mario Díaz-Balart (R-Florida) disse que “embora as ditaduras marxistas tenham os seus apologistas dentro da maioria democrata, conseguimos derrotar a concessão de créditos aos opressores do povo cubano”, citou a Prensa Latina.

No entanto, na terceira Conferência de Negócios Agrícolas EUA-Cuba, realizada em Havana no passado mês de Abril, os agricultores americanos manifestaram a sua vontade de melhorar o comércio bilateral. Na altura, Paul Johnson, presidente da US-Cuba Agricultural Coalition, afirmou que a agricultura continua a ser o sector mais importante para os laços bilaterais. “O bloqueio limita significativamente o comércio porque não podemos exportar mais mercadorias para Cuba, mas devemos poder trabalhar com os produtores cubanos para aumentar a produção local, investir o nosso capital e conhecimentos em cooperação”, disse.

Ao contrário desta vontade, a administração de Joe Biden mantém os obstáculos ao comércio e não cumpre as suas promessas de campanha.

O Presidente Nicolás Maduro condena as sanções contra a Rússia, Venezuela e Cuba.

#InjerenciaDeEEUU #UniónEuropea #Rusia #Ucrania #Sanciones #Venezuela #Cuba #Política

O Presidente cubano participará no Conselho Económico Supremo da Eurásia .

#Cuba #DiazCanel

O Presidente cubano Miguel Díaz-Canel Bermúdez participará praticamente esta quinta-feira na reunião do Conselho Económico Supremo da Eurásia, que se realizará na capital da República da Bielorrússia.

O Conselho Económico Supremo da Eurásia é o órgão supremo da União, composto pelos chefes dos Estados membros desta organização. Considera as questões fundamentais das actividades da União, determina a estratégia, orientações e perspectivas para o desenvolvimento da integração, e toma decisões com vista a alcançar os objectivos da União.

Cuba participou anteriormente em três sessões deste Conselho, desde que recebeu o seu estatuto de Estado Observador junto da União em Dezembro de 2020.

(Extraído de Cubaminrex)

Ridiculos Anexionistas (Quando se pensa ter visto tudo)

#RedesSociales #MafiaCubanoAmericana #MercenariosYDelincuentes #CubaNoEsMiami #CubaSoberana #TerrorismoNuncaMas #ElBloqueoEsReal #EEUUBloquea

É assim que fornecem dinheiro ao povo de San Isidro. Então, Pátria e Vida? Dólares e atrevimento.#GuerreroCubano

#GuerreroCubano #CubaNoEsMiami #RedesSociales #ManipulacionMediatica #MafiaCubanoAmericana #TerrorismoMadeInUSA #SubversionContraCuba

Não desperdice seu dinheiro.#PatriaOMuerte

#CubaVivaTeam
#ValoresTeam #CubaSeRespeta #Economia #ManipulacionMediatica #RedesSociales #MercenariosYDelincuentes #MafiaCubanoAmericana #PatriaOMuerte

Imagem

Fazemos Cuba | Sobre as disposições legais relacionadas com a Tarea Ordenamiento em Cuba.

#TareaOrdenamiento #ReordenamientoMonetario #HacemosCuba #SomosContinuidad #VamosPorMas #EconomiaNacioal #Comercio

A Casa Branca anuncia que revisará as políticas de Trump contra Cuba.

#Cuba #EstadosUnidos #Economia #ElBloqueoEsReal #Covid-19 #Sanciones #Washington #CasaBlanca #LeyHelms-Burton #DonaldTrumpCulpable

O governo Joe Biden pretende rever a política dos EUA em relação a Cuba, anunciou hoje a Casa Branca, após quatro anos em que o ex-presidente Donald Trump intensificou a hostilidade e o bloqueio à ilha.

De acordo com o secretário de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, eles irão em breve rever as políticas do governo Trump em relação à nação caribenha.

Desde o início de seu mandato, em janeiro de 2017, o magnata começou a implementar medidas inéditas contra Cuba, que se destacaram por sua sistematicidade hostil e ultrapassaram a cifra de 240.

Segundo declarações das autoridades cubanas, todos os setores da ilha sofreram o impacto desta escalada de agressões, acentuada no contexto da pandemia Covid-19.

As 242 medidas, em sua maioria, intensificaram o bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto por Washington durante quase seis décadas, com o objetivo de sufocar o país caribenho, obstruindo as fontes de renda, dificultando as relações e criando uma situação de ingovernabilidade. fontes apontam.

Além disso, as disposições proibiam viagens de navios de cruzeiro, bem como voos regulares e charter para todo o país, com exceção de Havana.

Também impossibilitaram o envio de remessas por meio das firmas cubanas Fincimex e American International Services, principais canais formais de realização de transações na ilha.

Da mesma forma, Cuba não pode importar de nenhum país produtos que contenham mais de 10 por cento de componentes norte-americanos, enquanto o rum e o fumo da ilha, principais itens exportáveis, estão proibidos de entrar no país do norte.

Da mesma forma, são perseguidas as operações bancário-financeiras da maior das Antilhas e 231 empresas inscritas na Lista de Entidades Cubanas Restritas do Departamento de Estado dos Estados Unidos.

As medidas contra navios, armadores e empresas ligadas ao transporte de combustíveis, providências contra altas lideranças, além da inclusão do país em listas arbitrárias e unilaterais, completam este panorama traçado pelo presidente republicano.

Em 11 de janeiro, poucos dias após o término de seu mandato, o governo Trump emitiu uma nova medida unilateral, classificando Cuba como um suposto Estado patrocinador do terrorismo, decisão amplamente rejeitada em nível internacional.

(Com informações do PL)

Guerreiro Cubano: O morto que está partindo está puxando as pessoas, até Ferrer está no jamo.

#GuerreroCubano #TodosSomosGuerrero #Cuba #EstradosUnidos #DonaldTrumpCulpable #ForaTrump #ManipulacionMediatica #MafiaCubanoAmericana #CubaNoEsMiami #MercenariosYDelincuentes #LeyHelmsBurton #ElBloqueoEsReal #BloqueoNoSolidaridadSi #PuentesDeAmor #Covid-19 #CubaSalva #EEUUBloquea #MedicosCubanos #Economia

%d bloggers like this: