La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo

Cuba participa da semana virtual das Nações Unidas contra o terrorismo

Embaixadora Ana Silvia González Abascal, Chargé d’Affaires a.i. da Missão Cubana à ONU, preside a delegação cubana que participa da Semana Virtual das Nações Unidas contra o Terrorismo, a ser realizada de 6 a 10 de julho.

Ao intervir nos debates interativos de hoje, o embaixador cubano reafirmou o compromisso absoluto e categórico de Cuba de combater o terrorismo em todas as suas formas e manifestações por quem, contra quem e onde quer que eles estejam, quaisquer que sejam suas motivações, inclusive os atos, métodos e práticas terroristas nos quais existem Estados envolvidos direta ou indiretamente.

González Abascal também denunciou o grave ataque terrorista com uma arma de fogo contra a Embaixada de Cuba nos Estados Unidos em 30 de abril e o fato de que, dois meses depois, o governo daquele país ainda não conseguiu condenar publicamente o evento. e reconhecer seu caráter terrorista. Também se abstém de tomar medidas contra indivíduos e grupos terroristas baseados no território dos Estados Unidos que incitam a violência contra Cuba e suas instituições. A atitude de evidente cumplicidade do governo dos Estados Unidos acarreta o perigo de ser assumida como um endosso do terrorismo.

Cuba en ONU

Ele rejeitou a inclusão unilateral e arbitrária de Cuba na lista de países do Departamento de Estado dos Estados Unidos que supostamente não colaboram totalmente com seus esforços antiterroristas. Ele também apontou que esse flagelo não pode ser erradicado se prevalecerem padrões duplos, manipulação, oportunismo político e seletividade para enfrentá-lo.

O diplomata cubano confirmou a disposição de Cuba de cooperar com qualquer Estado na prevenção e no enfrentamento do terrorismo internacional, sempre com base no respeito pelas normas do Direito Internacional. Para Cuba, a cooperação internacional é essencial. As Nações Unidas devem assumir o papel central nos esforços globais para combatê-lo.

A delegação cubana também é composta por funcionários da Missão Cubana na ONU.

Para mais informações, siga em tempo real a conta oficial do Twitter da Missão Permanente de Cuba junto à ONU (https://twitter.com/CUBAONU)

Cubaminrex

Categories: # yo voto vs bloqueo, #ONU, #solidaridadvs bloqueo, Acciones contra Cuba, Bloqueo de Estados Unidos contra Cuba, Cuba, bloqueo, Bloqueo,Cuba,EstadosUnidos,Internet,Trask Force, CubavsBloqueo, Estados Unidos, líderes de la derecha, manipular la información, NED(Fundación Nacional para la Democracia), Nica Act 2017, Nicaragua, Sin categoría, Terrorismo, USAID, EUA avalia retornar a Cuba para lista de estados patrocinadores do terrorismo, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, MINREX, ONU-CUBA, Terrorismo, TERRORISMO VS CUBA, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

A UE e a Espanha arrecadam mais de 2.544 milhões de euros para os migrantes venezuelanos.

A Conferência Internacional para migrantes venezuelanos levantou uma ajuda de mais de 2.544 milhões de euros. O evento foi realizado por videoconferência e foi organizado pela União Europeia e pelo Governo da Espanha, com o apoio da Organização Internacional para as Migrações e da agência das Nações Unidas para refugiados. A campanha também foi usada pelos presidentes do Equador e da Colômbia para acusar o governo Nicolás Maduro.

Categories: # Venezuela, # yo voto vs bloqueo, #EUA contra uma possível intervenção militar na# Venezuela, #solidaridadvs bloqueo, agressão internacional contra a Venezuela,, bloqueo, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, Manipulacion Politica, POLÍTICA, Politica Exterior, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

EUA impulsiona o mundo para uma “nova Guerra Fria”.

China aconselha a Austrália a “distanciar-se” dos EUA no quadro da crescente tensão entre o gigante asiático e o país norte-americano, já que o envolvimento de Canberra no conflito pode ser “extremamente perigoso” para o país oceânico, escreve o Global Times.

China advierte a Australia del "golpe fatal" que sufrirán sus lazos si apoya a EE.UU. en una "nueva Guerra Fría"

Segundo o jornal oficial chinês, se o governo do presidente dos EUA, Donald Trump, empurrar o mundo para uma “nova Guerra Fria”, isso forçará Pequim a tomar contramedidas contra Washington e seus aliados. Nesse caso, o apoio da Austrália aos EUA Isso poderia dar um “golpe fatal” aos laços econômicos entre Pequim e Canberra, que é altamente dependente da economia chinesa.

Da mesma forma, a Austrália precisa reconsiderar suas relações estratégicas com Washington, que não hesita em incluir empresas chinesas em sua lista de sanções, destaca o jornal. Se a Austrália não quer ser vítima do confronto entre os EUA. e a Washington China”deve refletir se deseja continuar caminhando em direção ao conflito”, acrescenta.

O Global Times enfatiza que não há necessidade de outros países, como a Austrália, se envolverem nesse “jogo político ridículo”. A esse respeito, ele descreve como exemplar a atitude em relação ao governo da Índia, que, apesar das disputas fronteiriças com a China, demonstrou notável cuidado ao comentar sobre questões relacionadas ao confronto sino-americano.

Sexta-feira passada, o Departamento de Comércio dos EUA aumentou o número de entidades em sua lista de entidades chinesas sancionadas em até 33, de acordo com duas comunicações separadas. As autoridades americanas acusaram as entidades em questão de serem cúmplices em violações dos direitos humanos e de colaborar com a Defesa Chinesa.

“Os EUA estão nos empurrando para uma nova Guerra Fria”
Por seu lado, no domingo passado, o ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, declarou que Washington está mantendo relações entre a China e os Estados Unidos. à beira de uma nova Guerra Fria.

“Algumas forças políticas dos EUA estão tomando as relações China-EUA como reféns, empurrando nossos dois países à beira de uma nova Guerra Fria”, disse ele em entrevista coletiva.

Em relação às declarações das autoridades americanas, acusando Pequim de estar por trás da disseminação do coronavírus em todo o mundo, Wang encorajou Washington “a parar de perder tempo e a perder vidas valiosas”.

Categories: # yo voto vs bloqueo, #China#EEUU#Iran#Nicaragua.barco hospital naval Arca de la Paz, #China#EEUUDonald TrumpFondo Monetario Internacional (FMI)Ivan Duque, #Donald Trump, #Estados Unidos, #solidaridadvs bloqueo, #Trump, @Trump, australia, China, epidemia, FORA TRUMP, forças em favor da paz, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, mobilização pela paz, propaganda contra Cuba, Venezuela, Nicarágua, Irã, Rússia e China,, relações bilaterais, o governo Donald Trump, Trump procura reforçar o bloqueio, Um bom filho ... de Trump, Uncategorized, Washington, Washington. | Etiquetas: , , , , , , | Deixe um comentário

O segundo petroleiro iraniano que transporta combustível para Caracas já está nas águas venezuelanas.

Por RT

O navio iraniano ‘Floresta’ se aproxima da costa da Venezuela e, conforme relatado pelas forças militares do país, nas próximas horas cruzará o norte da Ilha Margarita em direção à refinaria El Palito. É o segundo dos cinco navios desse tipo que chegará ao país do Caribe para abastecê-lo com combustível.

El segundo buque petrolero iraní que transporta combustible a Caracas ya se encuentra en aguas venezolanas

Menos de 48 horas atrás, chegou o primeiro desses navios, o ‘Fortune’, que atracou em um porto perto da refinaria El Palito, a cerca de 120 quilômetros da capital Caracas.

Cinco navios com 1,53 milhão de barris de gasolina
O primeiro petroleiro entrou nas águas territoriais venezuelanas por volta das 19h40, horário local, escoltado por navios e aviões das Forças Armadas Nacionais Bolivarianas (FANB), depois dos EUA. Ameaçou usar a força militar para impedir a chegada desses navios iranianos para abastecer Caracas com combustível.

Em protesto pelas advertências americanas, o embaixador venezuelano na ONU, Samuel Moncada, enviou uma carta na sexta-feira passada ao secretário-geral da organização internacional, António Guterres, para alertar sobre essa ameaça, chamando-a de “ato de guerra estabelecido em lei Internacional”.

Por sua parte, o Presidente do Irã, Hassan Rohaní, declarou que os EUA Você terá problemas se atrapalhar os navios petroleiros em seu país. “Se os americanos causarem problemas para nossos petroleiros no Caribe ou em qualquer lugar do mundo, eles também terão problemas”, disse Rohaní, em declarações coletadas pela agência Tasnim.

Os outros três petroleiros – Petúnia, Faxon e Clavel – deverão chegar às costas do país sul-americano nos próximos dias. Os cinco navios transportam um total de 1,53 milhão de barris de gasolina e alquilado para a Venezuela.

A Venezuela tem problemas com o fornecimento de gasolina devido a “medidas coercitivas unilaterais” e medidas unilaterais aplicadas pelos EUA, conforme relatado na semana passada pelo ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Jorge Arreaza.

Categories: # Argentina, #Canadá, #Caracas, #Colombia, Grupo de Lima, #Jorge Arreaza, #Perú, #venezuela, # Venezuela, # yo voto vs bloqueo, #China#EEUU#Iran#Nicaragua.barco hospital naval Arca de la Paz, #solidaridadvs bloqueo, agressão internacional contra a Venezuela,, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, Petroleo, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Lavrov: Washington tenta tirar proveito da pandemia para impor suas regras

Categories: # yo voto vs bloqueo, #China#EEUU#Iran#Nicaragua.barco hospital naval Arca de la Paz, #China#EEUUDonald TrumpFondo Monetario Internacional (FMI)Ivan Duque, #Donald Trump, #Estados Unidos, #salud, #solidaridadvs bloqueo, #Trump, @Trump, China, epidemia, FORA TRUMP, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, relações bilaterais, o governo Donald Trump, RUSIA, Trump procura reforçar o bloqueio, Um bom filho ... de Trump, Uncategorized, WASHIGTON, Washington deseja apenas como vizinhos os governos servis | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

O eurodeputado destaca o trabalho dos médicos cubanos em frente ao COVID-19.

O eurodeputado belga Marc Botenga reconheceu hoje o trabalho dos profissionais de saúde cubanos no confronto com o COVID 19 e instou os países da Europa a denunciar com mais firmeza o bloqueio dos EUA.

“Em Cuba, a saúde é um direito, não uma mercadoria, e isso tem um valor inestimável”, disse Botenga, que enfatizou que, apesar do impacto da política ilegal e criminal dos Estados Unidos, o povo cubano tem um sistema A National Sanitary é reconhecida mundialmente por seu trabalho em prevenção e promoção da saúde.

Botenga destacou a colaboração médica cubana na luta contra a pandemia e garantiu que a presença de médicos cubanos em seu continente permite que milhões de europeus descubram o profissionalismo, a experiência e o espírito de solidariedade do exército de jaleco branco.

O político denunciou o bloqueio que impede o acesso aos recursos e equipamentos necessários para combater a doença, bem como as campanhas de denegrir as brigadas médicas solidárias.

Referindo-se ao trabalho que corresponde aos parlamentares no cenário atual, ele apontou que eles devem lutar mais do que nunca por uma sociedade em que a saúde é a prioridade, e não o lucro.

O MPE pediu o fim de cortes no orçamento, liberalizações e privatizações de uma só vez; E ele disse que, no nível internacional, é hora de sair da lógica do confronto, ter relações internacionais de cooperação, já que o vírus não conhece fronteiras.

(Com informações da ANPP)

Categories: # Cuba, # yo voto vs bloqueo, #colaboracion medica cubana, #CubaCoopera, #CubaCoopera, #CubaEsSalud, #Cuba, #salud, #Salud en Cuba, #solidaridadvs bloqueo, Acciones contra Cuba, Bloqueo de Estados Unidos contra Cuba, Cuba, bloqueo contra cuba, Bloqueo,Cuba,EstadosUnidos,Internet,Trask Force, CUBA-EUROPA, CubavsBloqueo, epidemia, EUROPA, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, Relaciones Cuba-EE.UU, Saúde pública cubana, Subversión contra Cuba, Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

Rússia e Cuba comemoram o 60º aniversário da restauração de suas relações diplomáticas.

Por RT

Em 8 de maio, Rússia e Cuba comemoram o 60º aniversário da restauração das relações diplomáticas entre os dois países, que foi quebrado em 1952 pelo ditador Fulgencio Batista, devido à sua dependência política dos Estados Unidos. Após a vitória da revolução cubana em 1959, o comandante em chefe Fidel Castro Ruz lançou as bases para restabelecer essas relações com Moscou, que se tornaram oficiais em 8 de maio de 1960.

Inauguración Estatua de la República en el capitolio de La Habana 24072019

Na ocasião, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, e seu colega cubano, Bruno Rodríguez Parrilla, publicaram uma carta conjunta nos jornais Rossíyskaya Gazeta e Granma, através da qual expressaram seu otimismo em relação ao futuro das relações. bilaterais e comprometeram-se a continuar o trabalho conjunto “para proteger totalmente sua soberania e independência, bem como o direito de garantir a segurança e controlar seu próprio destino”.

El Capitolio de La Habana, una joya renovada

“A Rússia e Cuba estão satisfeitos com os resultados de contatos regulares no mais alto nível”, lê a carta dos chefes de diplomacia dos dois países. “Nossos estados estão cumprindo a agenda econômica bilateral, principalmente por meio da interação no âmbito da Comissão Intergovernamental Russo-Cubana de Cooperação Econômico-Comercial e Técnico-Científica”.

Inauguración Estatua de la República en el capitolio de La Habana 24072019

Além disso, os laços culturais e humanitários russo-cubanos estão sendo fortalecidos e ampliados. Um dos exemplos mais destacados desses contatos é a restauração da cúpula do Capitólio Nacional de Havana, com a participação de especialistas russos, para a comemoração do 500º aniversário da capital cubana.

Moscou e Havana defendem conjuntamente o cumprimento das normas de direito internacional consagradas na Carta das Nações Unidas, bem como o respeito à soberania e à não interferência nos assuntos internos dos Estados.

“A declaração conjunta sobre abordagens gerais em assuntos internacionais, assinada pelo presidente Vladimir Putin e Miguel Díaz-Canel durante sua visita a Moscou em 2018, confirma nosso compromisso de criar uma ordem mundial multilateral e multipolar que reflita a multiplicidade de políticas, modelos desenvolvimento socioeconômico e cultural, garanta paz e segurança internacionais, estabilidade global e regional, igualdade soberana dos Estados, justiça e respeito aos direitos e liberdades humanos “, afirma a carta do chanceleres.

Nesse sentido, ambas as nações expressaram sua forte rejeição às tentativas de reescrever a história, provocaram uma divisão entre os povos, impuseram “revoluções coloridas” e mudaram governos “indesejáveis”. “Condenamos a imposição das ideologias de outras pessoas, a distorção da verdade em favor de uma política de interferência nos assuntos internos”, destacaram.

O lado russo reiterou sua solidariedade invariável com Cuba em sua luta pelo levantamento imediato e incondicional do bloqueio dos EUA, que continua há mais de 60 anos. “Rejeitamos a prática de sanções unilaterais, reivindicações de excepcionalidade e dominação mundial, além de desconsiderarmos os princípios do direito internacional”, diz Lavrov na carta.

El canciller ruso Serguei Lavrov inició en Cuba una gira por América Latina.

Cuba denuncia o bloqueio “cruel” dos EUA que impede você de comprar drogas para combater a covid-19
Cuba denuncia o bloqueio “cruel” dos EUA que impede você de comprar drogas para combater a covid-19
Por seu lado, o governo e o povo de Cuba condenam a “política agressiva de Washington contra a Rússia” e apóiam os apelos de Moscou ao diálogo como meio de superar desentendimentos.

visita de Díaz-Canel a Rusia

No contexto da nova situação internacional causada pela pandemia de coronavírus, a Rússia e Cuba estão convencidas de que a situação atual exige cooperação e solidariedade internacional: desenvolver e trocar os resultados de pesquisas científicas e a experiência de diferentes países da trabalhar para evitar a propagação da infecção; proteger os grupos mais vulneráveis ​​da população e compartilhar práticas em segurança social. Todos os esforços despolitizados internacionais ajudarão a reduzir a duração da pandemia e a dinâmica da mortalidade.

“Os governos dos dois países estão firmemente convencidos de que as Nações Unidas e a Organização Mundial da Saúde devem desempenhar um papel de liderança nesse assunto”

Categories: # Cuba, # yo voto vs bloqueo, #solidaridadvs bloqueo, Acciones contra Cuba, Bloqueo de Estados Unidos contra Cuba, Cuba, CubavsBloqueo, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, MINREX, O presidente de Cuba, Miguel Diaz-Canel, RUSIA, Uncategorized, vladimir putin | Etiquetas: , , | Deixe um comentário

Sanções dos EUA impedir o acesso a medicamentos na Venezuela.

Categories: # Venezuela, # yo voto vs bloqueo, #EUA contra uma possível intervenção militar na# Venezuela, #salud, #solidaridadvs bloqueo, #Venezuela, agressão internacional contra a Venezuela,, ·Venezuela, CubavsBloqueo, EE. UU insiste em desestabilizar a Venezuela, epidemia, Estados Unidos Venezuela, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

EUA solicita mais financiamento para a OTAN enquanto suspende a partida da OMS

O presidente dos EUA, Donald Trump, congelou os fundos de seu país para a OMS por “má gestão e encobrimento da disseminação do coronavírus”, mas, ao mesmo tempo, insiste em que seus parceiros da OTAN aumentem sua gastos com defesa, então alguns analistas fazem perguntas sobre as prioridades de sua administração.

Categories: # yo voto vs bloqueo, #China#EEUUDonald TrumpFondo Monetario Internacional (FMI)Ivan Duque, #Donald Trump, #Estados Unidos, #salud, #solidaridadvs bloqueo, #Trump, @Trump, epidemia, FORA TRUMP, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), OTAN, Profesionales e la Salud, relações bilaterais, o governo Donald Trump, Trump procura reforçar o bloqueio, Um bom filho ... de Trump, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Cooperação global, paz e estabilidade: apelo de 230 partidos políticos contra a pandemia.

O Partido Comunista de Cuba aderiu à convocação internacional de cooperação na batalha contra a doença, que matou mais de 50.000 pessoas no mundo. O texto, rubricado por 230 partidos políticos de mais de cem países, reconhece que o COVID-19 nos confrontou com o desafio mais premente e sério para a saúde humana e o desenvolvimento pacífico do mundo.

Autor: Granma | internet@granma.cu

Os signatários, comprometidos com o bem comum, o desenvolvimento nacional, a paz e a estabilidade mundial, e diante dessa situação sem precedentes, insistem na necessidade de adotar medidas vigorosas, priorizando a vida e a saúde das pessoas, para restringir com determinação a propagação da epidemia.

Conscientes de que o vírus não conhece fronteiras, os signatários assumem que não há país capaz de lidar com ele por conta própria; portanto, pedem a adição de recursos e forças em nível global por meio da cooperação internacional, políticas integradas e ações coordenadas.

Eles reconhecem as nações, incluindo a China, por sua atitude aberta, transparente e responsável na publicação de informações epidemiológicas e no compartilhamento de experiências de prevenção e tratamento, especialmente por sua assistência com suprimentos médicos aos países afetados.

Os 230 partidos políticos exortam a sincronizar o desenvolvimento econômico e social com a mitigação do surto e a adotar medidas específicas destinadas a proteger as pessoas vulneráveis ​​e exortam “a contribuir para manter a estabilidade do mercado financeiro internacional, reduzir tarifas e facilitar o comércio, a fim de evitar a recessão econômica mundial », bem como garantir o intercâmbio com o exterior, a fim de garantir as instalações para o transporte de suprimentos médicos.

O documento reconhece o Comunicado Conjunto, emitido na Cúpula Extraordinária de Líderes do G-20 na covid-19, e visa promover o intercâmbio de experiências e cooperação em saúde, incluindo o desenvolvimento conjunto de medicamentos, possíveis vacinas e reagentes de teste. , ao mesmo tempo em que apela a assistência material e tecnológica aos países em desenvolvimento com sistemas de saúde pública frágeis e outros necessitados, para dissipar, com cooperação, a sombra da epidemia. Continuar a ler

Categories: # Cuba, # yo voto vs bloqueo, #América Latina, #Nicarágua, #Bolívia, #Venezuela, #Cuba, #colaboracion medica cubana, #Cuba, #Cuba, #Fidel Castro Ruz, #RevoluciónCubana, #CubaCoopera, #CubaCoopera, #CubaEsSalud, #Cuba, #solidaridadvs bloqueo, bloqueo contra cuba, Bloqueo,Cuba,EstadosUnidos,Internet,Trask Force, CubavsBloqueo, Estados Unidos contra Cuba, La Unión Europea se posiciona contra el bloqueo, Saúde pública cubana, SOMOS CUBA, Uncategorized | Etiquetas: , , , , , , | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: