#OEA,Luis Almagro

Declarações de Johana Tablada, vice-diretora geral dos Estados Unidos do Ministério de Relações Exteriores de Cuba.

Havana, 18 de dezembro de 2019 – Como parte da XVIII edição da Série de Conversas Cubanas na política externa dos Estados Unidos, um evento organizado pela CIPI e ISRI, um painel sobre cooperação médica cubana foi desenvolvido hoje em o mundo para denunciar a perseguição e criminalização deste trabalho humanitário e altruísta pelo governo dos Estados Unidos.

Pouco antes do painel em que os especialistas cubanos e americanos apareceram, soube-se que uma nova tentativa de desacreditar nossa cooperação médica deveria ser feita na sede da Organização dos Estados Americanos, com o apoio de seu presidente, Sr. Luis Almagro .

Cubaminrex então disponibiliza a seus leitores a transcrição das declarações de Johana Tablada, vice-diretora geral dos Estados Unidos do Ministério das Relações Exteriores de Cuba, que denuncia essa manobra e destaca os princípios de solidariedade e voluntariedade das ações de nossos médicos pelo mundo:

“Seguindo as ordens do governo do presidente Donald Trump, o Sr. Luis Almagro fala ou fica em silêncio quando é ordenado. Ele nunca erra em se opor aos interesses do povo e a serviço dos interesses mais reacionários do governo dos Estados Unidos e das oligarquias nacionais.

Não é de surpreender, mas é incomum e embaraçoso que o Sr. Luis Almagro tenha recursos que não lhe pertencem para atacar programas legítimos de cooperação, mentir e ignorar o impacto real nos indicadores de saúde dos povos, do trabalho nobre e humano dos médicos e pessoal de saúde de Cuba.

Essa cooperação é realizada nas estruturas legítimas da cooperação Sul-Sul e com a participação de governos e forças locais de saúde que em nossa região – e em outras partes do mundo – apreciam e apreciam essa importante atividade.

O governo Trump cruzou todas as linhas vermelhas de decência, participando pela primeira vez em ações de assédio contra a equipe médica cubana. Não apenas reduz a ajuda externa e condiciona-a aos seus interesses políticos mais reacionários, mas também chega ao extremo de ameaçar o trabalho dos médicos cubanos, cujo trabalho nos permite aumentar a qualidade de vida sem interferir nos assuntos internos dos Estados. . Nem uma vez foi perguntado a um paciente sobre sua afiliação política ou ideológica.

Os serviços médicos prestados por meio de contratos individuais nos permitem contribuir para o financiamento de serviços caros do sistema universal de saúde de Cuba, suprimentos, tratamentos contra o câncer, reagentes e equipamentos médicos ”.

Categoria:
Cooperação Lockup
RSS Minrex:

Categories: # yo voto vs bloqueo, #Almagro, #Donald Trump, #Estados Unidos, #Luis Almagro, #OEA,Luis Almagro, #solidaridadvs bloqueo, #Trump, @Trump, Acciones contra Cuba, Bloqueo de Estados Unidos contra Cuba, Cuba, Almagro e a cloaca do império, bloqueo contra cuba, Bloqueo, Bloqueo contra Cuba, Casa Blanca, Cuba, Estados Unidos, La Florida, Miami, Relaciones Cuba Estados Unidos, CubavsBloqueo, Donald Trump, Donald Trump,, Luis Almagro, Nicarágua, Organização dos Estados Americanos (OEA), Secretário Geral, Luis Almagro, Um bom filho ... de Trump, Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

#Cuba relatou ataque da #OEA contra colaboração médica.

“Cuba es pueblo que ama y cree, y goza en amar y creer.” José Martí

Cuba denunciou o novo ataque da Organização dos Estados Americanos (OEA), com Luis Almagro à frente, contra a colaboração médica internacional da ilha.

Esse órgão convocou para quarta-feira em Washington um fórum intitulado “A realidade sombria por trás das missões médicas cubanas” que tem o objetivo de desacreditar a participação de especialistas em saúde cubanos em programas sociais de países do Terceiro Mundo.

A conferência faz parte da campanha difamatória promovida pela Casa Branca para atacar a Revolução Cubana nas áreas em que mais desperta admiração, disse Johana Tablada, vice-diretora geral dos Estados Unidos do Ministério das Relações Exteriores.

O funcionário também definiu como embaraçoso a intenção de atacar uma atividade que beneficia milhões de seres humanos no mundo todos os dias, e faz parte dos esquemas de cooperação Sul-Sul, cobertos pelo Direito Internacional, pelos programas. das Nações Unidas e da Organização Mundial da Saúde.

Ao fazer isso, Almagro mais uma vez se coloca contra o povo e a serviço dos interesses mais reacionários do governo do presidente dos EUA, Donald Trump, e das oligarquias que o apóiam, disse ele.

Jorge Delgado, diretor da Unidade Central de Cooperação Médica do Ministério da Saúde Pública de Cuba, lembrou que, em 1963, começou uma ampla história de colaboração com nações carentes, na qual dezenas de milhares de profissionais participaram.

Ele afirmou que esses cooperadores oferecem voluntariamente seus serviços, movidos por uma convicção humanista, desinteressadamente, e assumem essa tarefa como um dever internacionalista genuíno.

O Dr. José Luis Aparicio, entretanto, rejeitou a qualificação de “escravos” que pretendem endossar médicos na ilha que prestam serviços em outros países, como parte da campanha de descrédito.

Somos apenas escravos do sagrado cumprimento do dever de salvar vidas e cuidar da saúde dos povos, cujos indicadores de saúde e satisfação hoje são a melhor evidência de solidariedade no sistema de saúde cubano.

Ambos os profissionais participam de um painel sobre cooperação médica da ilha, no Instituto Superior de Relações Internacionais “Raúl Roa”, como parte da edição XVIII da série de conversas Cuba-EUA, onde são discutidos os desafios. Relações atuais entre os dois países.

Fonte

Categories: # Cuba, #Almagro, #América Latina, #Nicarágua, #Bolívia, #Venezuela, #Cuba, #colaboracion medica cubana, #Cuba, #Cuba #CIA, #Cuba, #Fidel Castro Ruz, #RevoluciónCubana, #Cuba, a terra onde o melhor #Tabaco do mundo é #Cultivado., #CubaCoopera, #CubaCoopera, #CubaEsSalud, #Cuba, #FalsosAtaquesAcústicos, Cuba, diplomáticos estadounidenses, Estados Unidos, #Luis Almagro, #OEA,Luis Almagro, #Salud en Cuba, Almagro e a cloaca do império, Andrés Manuel López Obrador, Bolivia, estados unidos, Evo Morales, Grupo de Lima, Luis Almagro, Mexico, Nicolás Maduro, Red Europea de Solidaridad con la Revolución Bolivariana, venezuela, ·Medicos Cubanos, BLOQUEIO VS CUBA, bloqueo contra cuba, Bloqueo,Cuba,EstadosUnidos,Internet,Trask Force, Comunidad de Estados Latinoamericanos y Caribeños (CELAC), Cuba, Organización de Estados Americanos (OEA), Dança de máscaras na OEA, expulsou da aliança o Secretário Geral da OEA, Luis Almagro, Nicarágua, Organização dos Estados Americanos (OEA), Manipulação Política, Organização dos Estados Americanos (OEA), Venezuela, Secretário Geral, Luis Almagro, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

OEA apresenta seu relatório final adiado sobre as eleições na Bolívia

O documento garante que uma quantidade “esmagadora” de evidências possibilite afirmar a existência de “operações maliciosas destinadas a alterar a vontade expressa nas pesquisas”.

Categories: #América Latina, #Nicarágua, #Bolívia, #Venezuela, #Cuba, #Bolívia, #OEA, #OEA,Luis Almagro, BOLIVIA Evo Morales Fidel Castro Hugo Chávez, Carta Democrática da OEA, CUBA-BOLÍVIA, Dança de máscaras na OEA, Donald Trump liderou um golpe de estado na nação bolivariana, Estados Unidos Gobiernos Paralelos Golpe de Estado Golpes Suaves, expulsou da aliança o Secretário Geral da OEA, Governo boliviano denuncia violência da direita contra instituições do Estado, indígena Mayor sindicato de Bolivia da ultimátum de 24 horas antes de huelga general, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Dominica mantém a data das eleições gerais para a próxima sexta-feira

Autor: Redação Internacional | internacional@granma.cu

Apesar da interferência estrangeira, o governo da Dominica confirmou que mantém a data das eleições gerais para a próxima sexta-feira.

Primer ministro de Dominica, Roosevelt Skerrit, ratifica elecciones pese a injerencia de EE. UU. y la OEA.

O primeiro ministro da Dominica, Roosevelt Skerrit, ratifica as eleições apesar da interferência dos EUA. UU. e a OEA. Foto: AFP

Os Estados Unidos e a Organização dos Estados Americanos (OEA) realizaram uma forte campanha para que o candidato da oposição Lennonx Linton, do Partido dos Trabalhadores Unidos (UWP), possa ser eleito e por isso eles usaram um clima de incerteza.

A Prensa Latina relata as alegações feitas pelo primeiro-ministro Roosevelt Skerrit, que instou seus compatriotas a manter a calma e evitar qualquer provocação. “A oposição sabe que está perdendo as eleições e está usando meios ilegais para intimidar as pessoas e usar uma narrativa internacional para deslegitimar os resultados”.

O Tribunal Superior de Justiça da Dominica rejeitou na terça-feira um apelo da oposição para suspender as eleições e disse que as eleições estão de acordo com as leis da Comunidade do Caribe (Caricom).

Em apoio ao governo da Dominica, os ministros das Relações Exteriores Jorge Arreaza, da Venezuela; e Bruno Rodríguez, de Cuba, e os primeiros-ministros Ralph Gonsalves, de São Vicente e Granadinas; e Gaston Browne, de Antígua e Barbuda, questionaram a posição antidemocrática da OEA. A Caricom enviará nas próximas horas uma Missão de Observação Eleitoral para supervisionar as eleições na ilha.

Categories: # OEA, #OEA,Luis Almagro, #Trump, @Trump, Acciones contra Cuba, Cuba, Donald Trump, Relaciones Cuba - Estados Unidos, antilatinoamericana agenda geopolítica belicista e Donad Trump alinhados, Barack Obama Bruno Rodríguez ParrillaDonald Trumpoficina del Servicio de Ciudadanía e Inmi, Carta Democrática da OEA, Comunidad de Estados Latinoamericanos y Caribeños (CELAC), Cuba, Organización de Estados Americanos (OEA), Dança de máscaras na OEA, Donald Trump, Donald Trump, Estados Unidos, FORA TRUMP, Luis Almagro, Nicarágua, Organização dos Estados Americanos (OEA), República Dominicana, Trump Google, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

A OEA busca dividir a América Latina, disse Rodríguez Zapatero

O ex-presidente espanhol pediu que não se calasse antes do golpe na Bolívia contra o presidente Evo Morales, enquanto pedia a toda a esquerda do continente que denunciasse a situação.

Autor:  | internet@granma.cu

Zapatero afirma que la OEA busca dividir a Latinoamérica Foto: Extraído de Cubasi.cu

O ex-presidente da Espanha, José Luis Rodríguez Zapatero, denunciou neste sábado no Brasil que a Organização dos Estados Americanos (OEA) divide o continente latino-americano, como parte de uma política que fracassou.

“O desempenho da OEA errou suas posições e também a única coisa que fez foi aprofundar as divisões no continente latino-americano, para que a organização precise de um processo de integração e recuperação dos grandes diálogos, de não exclusão”, afirmou Zapatero.

Da mesma forma, o ex-presidente espanhol pediu que não se calasse antes do golpe na Bolívia contra o presidente Evo Morales, enquanto convocava toda a esquerda do continente para denunciar a situação daquele país andino.

«Vimos o golpe contra o presidente da Bolívia ultrajante, por isso peço aos brasileiros que não calem a boca e levantem a voz, intervenções militares, forças militares, pedir a um presidente eleito constitucionalmente para deixar o poder não pode ser um ato de democracia . Não podemos calar a boca ”, disse o ex-presidente espanhol.

Nesse sentido, Zapatero expressou preocupação pelo fato de as Forças Armadas bolivianas terem solicitado a renúncia de Morales, o que, segundo ele, coloca em risco a raiz democrática do continente latino-americano.

Ele também reiterou a necessidade de organizações regionais e internacionais mostrarem seu apoio à Bolívia para recuperar “o caráter democrático e acabar com a violência”.

(Retirado de Cubasi.cu)

Categories: #OEA, #OEA,Luis Almagro, agência de notícias espanhola EFE,, Carta Democrática da OEA, Comunidad de Estados Latinoamericanos y Caribeños (CELAC), Cuba, Organización de Estados Americanos (OEA), Dança de máscaras na OEA, España, ESPANA, Os Estados Unidos declararam guerra à Espanha., Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Almagro, peligrosas sandeces [+ audio]

Por Isla Mía
Las sandeces son sandeces, pero cuando son empleadas como si fueran verdades irrefutables, estamos en presencia de perversidad, ya ella se pliega solícito el señor Luis Almagro, secretario general de la OEA.
Desde el momento en punto en que Almagro se quitó la hojita de parra de izquierda y se inclinó a Washington, lo vemos cada día más torpe y agresivo. De ahí el peligro de sus sandeces. Continuar a ler

Categories: #OEA,Luis Almagro, Nicarágua, Rosa Maria Paya, Uncategorized | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: