Organizacion Mundial de la Salud (OMS)

Acordo de Paris pode salvar milhões de vidas.

O cumprimento do objectivo do Acordo de Paris destinado a reduzir as emissões de gases tóxicos pode salvar um milhão de vidas por ano, asseguraram, ontem, representantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), na Cimeira do Clima, que decorre na Polónia.

Grandes indústrias contribuem para o aquecimento global.
“É evidente que as alterações climáticas já estão a ter um grande impacto na vida e saúde das pessoas e ameaçam as bases de uma boa saúde: ar puro, água potável, alimentos nutritivos e um tecto seguro”, disse o director-geral da OMS.
Para Tedros Adhanom Ghebreye , “se as alterações climáticas continuarem a avançar, acabar-se-á com décadas de progresso mundial na saúde”, pelo que é necessário “agir de imediato para mitigar os efeitos”.
Segundo a OMS, nove em cada dez pessoas no mundo respiram ar contaminado, o que provoca sete milhões de mortes anuais por causas directamente relacionadas com a poluição. Além disso, a organização estima que, nos 15 países que emitem maior quantidade de gases com efeito estufa, os impactos na saúde da contaminação do ar custem mais de 4 por cento do PIB, sendo que as acções para alcançar os objectivos do Acordo de Paris custariam cerca de 1 por cento do PIB mundial. Continuar a ler

Anúncios
Categories: #salud, Cimeira, clima, MUNDO, OMS, ORGANIZACAO MUNDIAL E SAUDE, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Polônia, SAÚDE, SALUD, SOCIEDADE, Uncategorized | Etiquetas: , | Deixe um comentário

No Dia Mundial contra VIH.

Resultado de imagen de Dia Mundia contra el SIDA

No Dia Mundial de Luta contra a Aids, celebrado hoje (30), o programa das Nações Unidas de Combate à Aids (Unaids), promove campanha com foco na ampliação do teste para diagnosticar a infecção pelo vírus HIV. Em todo o mundo, mais de 9,4 milhões de pessoas não sabiam que estavam infectadas pelo vírus e necessitam de acesso urgente ao teste e serviços de tratamento, segundos levantamento feito pela organização na última semana.

O documento Conhecimento é Poder revela que 37 milhões de pessoas vivem com HIV no mundo, o maior número registrado na história. O relatório apontou ainda que, em 2017, 75% das pessoas que vivem o HIV sabiam da carga viral e 58,6% delas (21,7 milhões) tiveram acesso à terapia antirretroviral.

Há três anos, o percentual de pessoas que sabiam da sua condição viral era de 67% e mais da metade (59%) dos diagnosticados estavam se tratando da doença. A agência da ONU ressalta que saber do status de infecção traz muitas vantagens, como o acesso aos serviços de tratamento, prevenção, cuidado e apoio.

Categories: #ONU, #salud, 1RO DEZEMBRO DIA MUNDIAL DEL COMBATE A AIDS, EDUCAÇÃO, OMS, ONU, ORGANIZACAO MUNDIAL E SAUDE, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Novos casos de ébola registados em nordeste da República Democrática do Congo .

Um total de 46 novos casos de ébola foi registado no nordeste da República Democrática do Congo durante a semana de 19 a 25 de Novembro, de acordo com dados divulgados ontem pelo Ministério da Saúde congolês.

Naquela que é considerada a maior epidemia de ébola na história da RDC, já se somam 419 casos, dos quais 372 foram confirmados em laboratório e 47 são prováveis.
O número de mortes prováveis é de 240 desde que se declarou este décimo surto, a 1 de Agosto, nas províncias de Kivu do Norte e Ituri, sendo que destas 193 tiveram resultados positivos, de acordo com dados oficiais de 25 de Novembro.
Além disso, pela primeira vez, uma epidemia de ébola tem como epicentro uma zona em conflito, onde operam uma centena de grupos armados e movimentam-se diariamente milhares de pessoas que poderiam ter estado em contacto com o vírus, limitando a segurança e o trabalho no terreno das equipas de saúde. Continuar a ler

Categories: #salud, Aviso!, ÁFRICA, Conga, Ebola, OMS, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Outros, República Democrática do Congo, SAÚDE, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Ebola atinge mais uma província da RDC.

Preocupante com esse VÍRUS já que a causado tantas morte em diferentes paises, há que manter a vigilância para a razar com esse doença.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou ontem o primeiro caso do surto de ébola na província de Ituri, nordeste da RDC, região vizinha de Kivu do Norte onde este novo surto da doença começou.

Esta é a primeira confirmação oficial do laboratório para a província, embora as autoridades tenham mantido Ituri sob vigilância desde o início do surto, uma vez que já tinham sido detectados casos classificados como “prováveis”. “Este novo caso confirmado está localizado na zona de Mandima, na cidade de Mambasa, na província de Ituri. É um caso de contacto com doentes do Kivu do Norte, no território de Beni, que estavam a deslocar-se”, disse a OMS  na sua última declaração sobre o surto.
De acordo com as estatísticas mais recentes da OMS, este novo surto de ébola já provocou 42 mortes.

Categories: #salud, ÁFRICA, Conga, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), SOCIEDADE, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Minha Cuba contínua tão solidária como sempre e irradiando amor.

Minha Cuba

Ainda imersa na dor da perda de 112 vidas no acidente aéreo no dia 18 de Maio, e lutando contra os estragos graves que o furacão Alberto já está a deixar na sua passagem através da ilha; minha Cuba contínua determinada a mostrar o valor da solidariedade e o valor da amizade.

Em meio de tantas notícias de casamentos suntuosos, escândalos de corrupção no mundo, alegrias como 13 Champions League ganha pelo Real Madrid; a mídia apenas revelou a disposição de Cuba de colocar seu potencial médico ao serviço da Organização Mundial da Saúde.  Isto foi dito oficialmente pelo Ministro da saúde de Cuba na 71 Assembléia da OMS.   Está bem que isto não seja de interesse para os países ricos, está bem que eles não queiram reconhecer que Cuba já formou mais de 11 mil médicos de 126 países, incluindo EUA. Mas para nós, a maioria que  vive  em países  subdesenvolvidos com os menores índices de desenvolvimento humano, correspónde-nos ouvir e agradecer a Cuba, que como sempre está ao nosso lado, sem pedir nada em troca. Sim, sem pedir nada em troca; importante razão para que lhe demos tudo, visto que graças a Cuba, muitos de nós somos o que hoje somos. Os angolanos nunca temos sido  ingratos.

Categories: AMERICA LATINA, ANGOLA, CUBA, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Real Madrid, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: