SALUD

Trump está considerando acelerar a vacina COVID-19 de Oxford antes das eleições nos Estados Unidos.

Retirado do RT

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, estuda acelerar a aprovação da vacina covid-19 que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca, para que esteja disponível no país antes das eleições presidenciais, planejadas em 3 de novembro de 2020, o Financial Times informa, citando três pessoas familiarizadas com o assunto.

Reportan que Trump considera acelerar la vacuna de Oxford contra el covid-19 con vistas a las elecciones de EE.UU.

Para isso, o presidente estaria avaliando o fato de ignorar os padrões regulatórios normais dos EUA para esse tipo de procedimento. Uma das opções para atingir a meta envolveria a Food and Drug Administration (FDA) conceder uma “autorização de uso emergencial” em outubro.

A disponibilidade da vacina em curto prazo permitiria mudar a imagem do governo Trump e sua resposta à pandemia – que já custou a vida a mais de 170 mil pessoas nos Estados Unidos – aumentando as chances de vencer as próximas eleições .

Segundo fontes do jornal, os comentários sobre esse plano foram feitos pelo chefe de gabinete da Casa Branca, Mark Meadows, e pelo secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, em uma reunião com o presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, em 30 de julho, onde a deputada teria alertado que “atalhos” não deveriam ser tomados no processo de aprovação da vacina.
Negação de comentários

No entanto, um porta-voz do secretário do Tesouro referiu-se ao assunto e garantiu que Mnuchin não comentou sobre a vacina e “também não tem conhecimento de planos”. Ele também mencionou que qualquer autorização emergente depende do FDA.

Enquanto isso, da AstraZeneca, afirmaram que “a autorização de uso emergencial não foi discutida com o governo dos Estados Unidos” e que “seria prematuro especular sobre essa possibilidade”.

Separadamente, no sábado, Trump atacou o FDA via Twitter, sugerindo que eles estão impedindo os testes de vacinas. “Obviamente, eles esperam adiar a resposta para depois de 3 de novembro. Deve se concentrar na velocidade e em salvar vidas!” Escreveu o presidente.

Pelosi qualificou a declaração de “perigosa” para a saúde do povo americano. “O FDA tem a responsabilidade de aprovar os medicamentos, a julgar por sua segurança e eficácia, e não por uma declaração da Casa Branca sobre a rapidez e politização da entidade”, afirmou a congressista.

Categories: #Argentina, #Brasil, #Donald Trump, #Estados Unidos, #salud, #Trump, @Trump, A Casa Branca: Poderosa casa de cartas, casa branca, Casa Branca, do Departamento de Estado, Coronavirus, CoronaVirus, Política, Elecciones EEUU, epidemia, FORA TRUMP, MEXICO, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, relações bilaterais, o governo Donald Trump, SALUD, Um bom filho ... de Trump | Deixe um comentário

Cuba inicia os testes clínicos de sua própria vacina contra o coronavírus em 24 de agosto.

Categories: # Cuba, #colaboracion medica cubana, #Cuba, #Cuba, #Fidel Castro Ruz, #RevoluciónCubana, #CubaCoopera, #CubaEsSalud, #Cuba, #salud, #Salud en Cuba, Coronavirus, epidemia, Profesionales e la Salud, SALUD | Deixe um comentário

“Quase todo mundo vai pegar um dia. Do que eles têm medo?”

O presidente convidou seus seguidores a “confrontar” o vírus, que acumula 92.475 mortes e 2.662.485 infectadas no Brasil.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, afirmou nesta sexta-feira, em meio a uma multidão de apoiadores durante sua visita ao Rio Grande do Sul, que as pessoas precisam “enfrentar” o coronavírus, já que “quase todo mundo vai pegá-lo um dia”.

Bolsonaro sobre el coronavirus: "Casi todos se contagiarán algún día. ¿De qué tienen miedo?"

Segundo Bolsonaro, que removeu a máscara e levou as crianças a caminho da inauguração de uma escola cívico-militar, ele sabia que estava “no grupo de risco” e “nunca foi negligenciado”, mas “sabia que alguns dia que ia se espalhar. “

“Infelizmente, acho que quase todos vocês o capturarão um dia”, disse Bolsorano, que convidou os presentes a “confrontar” o vírus.

“Do que eles têm medo?”, Perguntou o presidente, reiterando que “as pessoas morrem todos os dias por várias causas”, mas “é assim que a vida é”. “Minha esposa agora está infectada, depois de um mês em que contratei o vírus, ela o contraiu”, disse ele.

Nesse sentido, o Presidente do Brasil novamente defendeu o uso de cloroquina no tratamento de pacientes cobertos por 19, apesar do fato de a Organização Mundial da Saúde (OMS) ter suspendido seu uso devido à falta de evidências de sua eficácia.

“Agora não temos escolha. As pessoas dizem que não há provas científicas de que funcionem! Todos sabemos que não há evidências científicas, mas também não há ninguém que diga cientificamente que isso não tem efeito. Então, vamos usá-la”, disse ele.

Em 7 de julho, Bolsonaro anunciou que havia contraído o vírus e passou quase três semanas em sua residência oficial. Em 23 de julho, ainda com a doença, o presidente andou de moto e sem máscara pelo Palácio da Alvorada, sua residência oficial em Brasília. Dois dias depois, em 25 de julho, sua recuperação foi relatada.

Cinco dias depois, em seu primeiro evento público desde que ele se recuperou e no mesmo dia em que sua esposa deu positivo, Bolsonaro tirou a máscara para cumprimentar seus seguidores no aeroporto de São Raimundo Nonato, no nordeste do país.

Até o momento, o Brasil acumula 2.662.485 infectados por coronavírus e 92.475 mortes pela doença.

Categories: #Brasil, #Brasil, Corrupción, #Jair Bolsonaro, #salud, CoronaVirus, Política, epidemia, governo idiota no Brasil", Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Política, Social, SALUD, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Situação na América Latina.

A pandemia de covid-19 continua a avançar na América Latina. O Chile registrou mais uma vez 45 mortes em um dia, o número mais alto desde o início do surto, enquanto o número de infectados no país é próximo a 78.000 pessoas. Paralelamente, vários países da região estão começando a estudar como relaxar as restrições. O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, se reunirá com seu gabinete para definir o retorno à sala de aula. Pamela Quibec expande os detalhes.

Categories: # América Latina, #América Latina, #Nicarágua, #Bolívia, #Venezuela, #Cuba, #Andres Manuel Lopez Obrador, #Argentina, #Chile, #ECUADOR#Paraguay#PerúAsunciónConvención de Viena, #Peru, #salud, Aerolinias, epidemia, México, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, SALUD, Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

Gerilson Insrael – Quarentena

Categories: #salud, ANGOLA, Angola y Portugal, epidemia, Musica Angolana, MUSICAS, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, SALUD, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Conselho da República recomenda prorrogação do Estado de Emergência

Os membros do Conselho da República recomendaram, ontem, a terceira prorrogação do Estado de Emergência por mais 15 dias, mas defenderam a necessidade de encontrar-se um ponto de equilíbrio entre o confinamento social e a busca pela sobrevivência.

dd

“Torna-se evidente a dificuldade que grande parte da população tem de enfrentar as medidas restritivas do Estado de Emergência por falta de meios de subsistência e aumentam os casos de fome nas famílias”, refere o comunicado da reunião presidida pelo Chefe de Estado, João Lourenço. De acordo com o comunicado, lido pela porta-voz da reunião, Rosa Cruz e Silva, a próxima prorrogação do Estado de Emergência, por mais 15 dias, encontra justificação no facto de ainda persistirem as razões que fundamentaram a declaração dos primeiros períodos, através do Decreto Presidencial 81/20 e a prorrogação por dois períodos sucessivos de 15 dias.

Uma das razões passa pelo risco de propagação do vírus Covid-19, tendo em conta o surgimento de casos de transmissão local. Aliado a isso, está, também, o facto de, depois de cumpridos três períodos do Estado de Emergência, constatar-se que têm aumentado os casos de transmissão local em áreas vulneráveis, o que coloca o país em risco iminente de transmissão comunitária.

Durante a reunião, a segunda do género decorrida no salão de reuniões do Gabinete do Vice-Presidente da República, os membros do Conselho da República defenderam, também, que se melhore a capacidade de distribuição de água à população que lhe não acesso. 
O Conselho da República recomendou o funcionamento dos mercados de terça-feira a sábado e elevação dos índices de testagem da população

Os membros do Conselho da Republica consideraram que o país apresenta o actual quadro epidemiológico da Covid-19 porque houve acerto na tomada de medidas atempadamente.  Com efeito, consideraram que é justo reconhecer o papel do Presidente da República. No comunicado final, os membros manifestam preocupação quanto à interpretação correcta das disposições do decreto que estabelece o Estado de Emergência para que a aplicação não seja desigual e dependente do entendimento subjectivo do agente da autoridade.

“Assim, esclarece-se que não há qualquer impedimento à circulação de viaturas transportando meios alimentares ao longo das 24 horas, a toda a dimensão do país”, lê-se no comunicado, através do qual o Conselho da República reconhece o trabalho da Polícia Nacional e dos órgãos de Defesa e Segurança, face à missão difícil que têm em mãos.
Até ao fim da reunião do Conselho da República, estavam registados 36 casos positivos da Covid-19, dos quais dois resultaram em óbitos, 11 recuperados e 23 internados nas diferentes unidades sanitárias em estado clínico estável. O epicentro da doença continua a ser a província de Luanda, tendo 85 por cento dos infectados idades compreendidas entre os zero e 49 anos, com predominância do sexo masculino.

Ontem, os conselheiros foram informados sobre a evolução da pandemia em Angola e as medidas que a Comissão Multissectorial para a Prevenção e Combate à Covid-19 tem vindo a implementar, por orientação do Titular do Poder Executivo. Medidas com equilíbrio O presidente da CASA-CE, André Mendes de Carvalho, entende ser fundamental prorrogar o Estado de Emergência, fundamentalmente numa altura em que o risco de contágio comunitário se torna, cada vez mais, eminente, mas pediu equilíbrio em favor da população que tem de sair de casa para sobreviver.

Para o conselheiro da República, no estado em que se encontra o país há que adoptar medidas que salvaguardem a vida humana. “Por isso, os conselheiros são de opinião que seja prorrogado o Estado de Emergência, embora existam alguns aspectos que tenham de ser revistos”, disse. O presidente da UNITA, Adalberto Costa Júnior, que por inerência da função também é membro do Conselho da República, defende à semelhança dos demais, a prorrogação do Estado de Emergência, mas é pela correcção pontual de alguns factores que se tornaram negativamente evidentes com os três Estados de Emergência, com realce para aspectos que fragilizaram o tecido económico do país.

Na visão do líder do maior partido da oposição, o país deve travar as investidas da Covid-19, mas não deve postergar questões económicas. Além disso, Adalberto Costa Júnior mencionou o facto de, até agora, não se ter conseguido acabar com o problema dos aglomerados de pessoas na rua, que “quase sempre vão à procura de bens para a satisfação de necessidades prementes”.

O político lembrou que a informalidade é um problema, sobretudo neste momento de Estado de Emergência, e pediu que seja alargada a capacidade de testagem para mitigar as incertezas sobre se existe ou não infecção comunitária em Luanda. Adalberto da Costa Júnior pediu, ainda, melhoria na abordagem policial ou da forças de segurança, lembrando que a Covid-19 não vai desaparecer nos próximos 30 dias e que, por isso, é preciso a adaptação aos novos tempos, olhando também para a sobrevivência das empresas, muitas das quais a beira da falência.

A líder espiritual da Igreja Teosófica Espírita, profetiza Suzete João, também é pela manutenção das medidas que conformam o Estado de Emergência em vigor no país. Afirmou  ser preciso alargar a capacidade de testagem para mais pessoas para que os resultados façam sanar as expectativas que giram em torno da Covid-19. Para Suzete João, nesta fase, o Estado deve reforçar a distribuição de água, cesta básica e cuidar de outras patologias, que também ameaçam a vida das pessoas.

JA

Categories: #salud, ANGOLA, ECONOMIA, economia nacional, epidemia, Joao Lourenço, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, SALUD, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Gesto de solidariedade cubana.

Cuba está lutando contra a pandemia com mais de 1.600 casos confirmados de coronavírus e, apesar disso, continua demonstrando solidariedade com outras nações. A evacuação de passageiros do navio de cruzeiros britânico MS Braemar com casos secretos de 19 a bordo é um exemplo disso. Os que participaram dessa experiência prestam seu testemunho.

Categories: # Cuba, #CubaCoopera, #CubaCoopera, #CubaEsSalud, #Cuba, #salud, #Salud en Cuba, Britânicos, CUBA-EUROPA, epidemia, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Profesionales e la Salud, REINO UNIDO, SALUD, sociedade cubana, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

O Brasil registra o maior número de mortes por coronavírus em um dia e já supera a China em todas as mortes.

O Ministério da Saúde confirmou 474 novos mortos nas últimas 24 horas e agora ultrapassa os 5.000.

Brasil registra la mayor cantidad de muertos por coronavirus en un día y ya supera a China en el total de decesos

 

Enterro coletivo de pessoas mortas por coronavírus, no cemitério Parque Taruma, em Manaus, Brasil, 28 de abril de 2020.

 

 

O Ministério da Saúde do Brasil registrou 474 novas mortes por coronavírus no país na terça-feira e, assim, atingiu um recorde de mortes nas últimas 24 horas. O total de mortos é 5.017, superando a China, que registra 4.637 mortes, segundo o Instituto Johns Hopkins.

Enquanto isso, de acordo com a nova parte das autoridades de saúde, foram registrados 5.385 casos positivos, elevando o número de infecções até 71.886.

 Ministério da Saúde (@minsaude) 28 de abril de 2020
Enquanto isso, 32.544 pacientes se recuperaram, de acordo com estatísticas oficiais.

Por outro lado, o portfólio de Saúde indica que a letalidade da pandemia na gigante sul-americana chega a 7%.

Os estados de São Paulo e Rio de Janeiro, na região sudeste, continuam sendo os mais afetados pela pandemia. O primeiro tem 2.049 mortes e 24.041 infectados, enquanto no segundo os números são 738 e 8.504, respectivamente.

O estado do Ceará, no nordeste do Brasil, registra 403 mortes e 6.918 casos positivos de coronavírus, segundo estatísticas do Ministério da Saúde.

Dr. Mandetta, 55, defendeu o isolamento social para conter a pandemia e defendeu as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), enquanto Bolsonaro priorizou a economia durante a atual pandemia.

Na segunda-feira, o Brasil registrou 66.501 infecções por coronavírus e 4.543 mortes, com uma letalidade de 6,8%.

Medidas governamentais

Neste dia, o governo brasileiro prorrogou, por mais 30 dias, a proibição de entrada de estrangeiros por via aérea no país, como medida para impedir o avanço do coronavírus na gigante sul-americana.

No entanto, o presidente de extrema-direita Jair Bolsonaro, que chamou a covid-19 de “frio”, foi criticado por lidar com seu governo durante a atual crise de saúde.

Há quase duas semanas, o presidente brasileiro demitiu o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, devido a discrepâncias em relação ao tratamento da crise do coronavírus.

Categories: #América Latina, #Brasil, #Jair Bolsonaro, China, Jair Bolsonaro, Organiacion Panamericana de la Salud, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), POLÍTICA, Política, Social, SALUD, Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

A esperança da vacina, da verdade ao mito …

Categories: Organizacion Mundial de la Salud (OMS), POLÍTICA, Profesionales e la Salud, SALUD, Uncategorized, Vacinação | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Impacto da covid-19 na América Latina.

Categories: # América Latina, #Brasil, #Brasil, Corrupción, #Jair Bolsonaro, #Chile, #salud, epidemia, MEXICO, Profesionales e la Salud, SALUD, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: