Posts Tagged With: 7 sacode o Caribe entre Jamaica e Cuba

Um forte terremoto de 7,7 sacode o Caribe entre Jamaica e Cuba, alerta para possíveis ondas “perigosas” de tsunami

Um movimento telúrico de magnitude 7,7 foi registrado às 14:23 (hora local) 125 quilômetros a noroeste da Jamaica, relata o US Geological Survey. (USGS).

O foco do terremoto se originou a uma profundidade de 10 quilômetros.

Oliver Zamora Oria@oliverzo_RT

Fuerte terremoto de más de 7 grados sacude el oriente sur de Cuba, se sintió en varias provincias.

Ver imagen en Twitter

Em um relatório publicado minutos após o terremoto, o Centro de Alerta de Tsunami dos EUA O TWC emitiu um alerta de “ondas perigosas de tsunami”, entre 0,3 e 1 metro, para algumas costas de Belize, Cuba, Honduras, México, Ilhas Cayman e Jamaica. Mais tarde, o alerta foi cancelado.

Por seu lado, o Centro Cubano de Pesquisa Sismológica (CENAIS) afirma que não há perigo de um tsunami.

Além da Jamaica, o terremoto pode afetar vários países da região, sendo o mais próximo de Cuba e Ilhas Cayman.

Segundo o jornal Trabajadores, o terremoto foi percebido “em quase toda Cuba”. Especificamente, é relatado que o tremor foi sentido nas províncias de Guantánamo, Santiago de Cuba, Holguín, Las Tunas, Camagüey, Cienfuegos, Havana, Pinar del Río e no Município Especial da Ilha da Juventud.

A Coordenação Nacional de Proteção Civil do México relata que o terremoto “foi percebido pela população de maneira leve” nos estados de Campeche, Yucatan, Veracruz e Quintana Roo, no sudeste do país.

Nas Ilhas Cayman, como resultado do terremoto, vários buracos foram abertos no chão, alguns deles de tamanho considerável.

Ayo FroGadd@shansz_

Alright… this is getting serious now

226 personas están hablando de esto

Duas horas e meia após o terremoto de 7,7, ocorreu uma réplica de magnitude 6,1 a 53 quilômetros a leste das Ilhas Cayman.

Categories: # Cuba, #Cuba, Acordo Climatico, Aquecimento Global, Mudanças Climáticas, Meio Ambiente, Oceanos, Temperaturas, Caribe, clima, Condições climatéricas, MEDIO AMBIENTE, Mudança climática, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: