Posts Tagged With: Constituição

Abismos entre SIM e NÃO

Ao endossar a nova Constituição socialista com seu voto, o povo de Marti expressará seu apoio à Revolução, que, cumprindo em novas circunstâncias, o legado daqueles que apostaram com os pobres da Terra – e não só com eles – veio garantir que em Cuba, onde nada e ninguém impediria a passagem de seus mambises, a república moral e de justiça pela qual seu Apóstolo morreu lutando

El referendo para el pueblo cubano será otra manera digna de honrar el significado histórico y moral del 24 de febrero. Foto: Anabel Díaz

Com as primeiras ilusões de amor, aprendemos que entre o SIM e o NÃO existem diferenças terríveis e que elas podem oscilar entre a felicidade e a tragédia. Então os estudos confirmavam que aqueles monossílabos, que podem ser tão claros em sua aparente leveza, não têm mais semelhança do que serem recursos curtos da linguagem – ver ambos aqui como advérbios – e que, exceto em dissertações filosóficas e em certos absurdos são irreconciliáveis. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

A Constituição é filha da Revolução

Essa idéia esclarece o significado da Magna Carta e seu papel no endosso dos direitos e deveres dos cidadãos, formulado pelo comandante-em-chefe Fidel Castro, no discurso de encerramento do XVI Congresso dos Trabalhadores Centrais de Cuba. em 28 de janeiro de 1990

Autor: 

constitución

A Constituição da República «(…) não é a mãe da história, nem é a mãe da Revolução, a nossa Constituição socialista é filha da história, é filha da nossa Revolução».
Esta idéia iluminada do significado da Constituição e os auxilia papel para endossar os direitos e deveres dos cidadãos, a formulação do Comandante-em-Chefe Fidel Castro no discurso de encerramento do XVI Congresso dos Trabalhadores União Central de Cuba, em 28 de janeiro de 1990. Continuar a ler

Categories: Constituição é filha da Revolução, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Enernos incomodou

Eles não se sentem à vontade para assistir a cubanos de todas as idades na televisão e na imprensa, dando razões pelas quais eles votarão pelo “sim” no referendo da nova Constituição em 24 de fevereiro.

Essa realidade cubana é o que torna os inimigos da Revolução tão desconfortáveis. Foto: Jorge Luis González Continuar a ler

Categories: Constituição em 24 de fevereiro, Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

<span>%d</span> bloggers like this: