Posts Tagged With: Novas nomeações da Brigada Cubana "Henry Reeve" para o Prêmio Nobel do Parlamento Britânico

Novas nomeações da Brigada Cubana “Henry Reeve” para o Prêmio Nobel do Parlamento Britânico, Roma e Quebec.

Em Roma, eles querem o Prêmio Nobel da Paz para médicos cubanos

Dailenis Guerra Pérez – Cubainformación / Cuba em Resumo / Resumo Latino-americano.- O professor italiano Luciano Vasapollo pediu ao Comitê Norueguês que homenageasse os profissionais de saúde cubanos com o Prêmio Nobel da Paz de 2021.

O anúncio foi feito hoje, quando o Comitê aceitou a indicação. Referindo-se aos profissionais cubanos, Vasapollo reconheceu que “durante os dias mais sombrios da pandemia, sua solidariedade também alcançou a Itália: Cuba, junto com a Venezuela, foi um dos primeiros países a ajudar outros povos em dificuldade”.

A candidatura teve o apoio de Rita Martufi, da Associação Padre Virginio Rotondi e de Graziella Ramírez do Comitê pela Paz e Dignidade dos Povos.

Professor de economia internacional na Universidade “La Sapienza” de Roma, Luciano Vasapollo está há muitos anos envolvido com universidades da América Latina e do Caribe e é promotor da Rede de Capítulos Italianos em Defesa da Humanidade.

A brigada médica cubana ajuda desde março passado em Crema, Lombardia, uma das províncias mais afetadas pela emergência sanitária ligada a Covid 19; e desde maio no Piemonte, onde a pandemia também atingiu com força.

Nova indicação ao Nobel para médicos cubanos

Dailenis Guerra Pérez – Cubainformación / Cuba em Resumo / Resumo Latino-americano.- A parlamentar britânica Claudia Webbe nomeou formalmente o Contingente Internacional de Médicos Especializados em Situações de Desastre e Epidemias Graves “Henry Reeve” para o Prêmio Nobel da Paz 2021.

Em sua apresentação de candidatura, Claudia Webbe reconheceu o intenso trabalho realizado pelo Contingente durante 15 anos, nos quais cerca de 10.000 membros salvaram 90.000 pessoas em desastres naturais e emergências de saúde. “Acho que o internacionalismo desinteressado deles merece reconhecimento”, disse ele em sua mensagem.

Médicos cubanos atienden a casos graves de Covid-19 en Angola

Webbe considerou “inspirador testemunhar as ações humanitárias abnegadas de Cuba usando sua experiência e profissionalismo para ajudar outros países a lutar contra a Covid-19”.

Em sua carta, ele destacou que os efeitos do coronavírus foram globais, independentemente da nacionalidade; e destacou que “Cuba mostrou como os países que podem, podem ajudar aqueles que precisam de assistência, independentemente de sua convicção política ou do atual estado de conflito.”

O representante do círculo eleitoral de Leicester East também afirmou que as ações corajosas da Brigada Médica cubana “Henry Reeve” sem dúvida salvaram muitas vidas. “Acredito que sua solidariedade, humanitarismo e internacionalismo merecem plenamente o Prêmio Nobel da Paz”, concluiu.

Claudia Webbe torna-se assim o sexto membro do Parlamento do Reino Unido a nomear formalmente a Brigada Médica Cubana para o Prêmio Nobel da Paz de 2021. Desde dezembro, ela foi eleita em dezembro de 2019 para representar o eleitorado de Leicester East.

Brigada Henry Reeve indicada ao Prêmio Nobel de Quebec

Retirado de Sempre com Cuba

Ottawa, 3 de dezembro A Mesa Redonda de Concertação de Solidariedade Quebec-Cuba publicou um documento apoiando a nomeação da Brigada Médica Cubana Henry Reeve para o Prêmio Nobel da Paz de 2021 por seu trabalho de solidariedade em vários países.

A organização reúne os comitês locais de Quebec e está relacionada a associações semelhantes no norte do país, bem como nos Estados Unidos e na França.

Por meio de uma carta assinada pelo professor da Universidade de Montreal Gilles Bibeau, dirigida ao Comitê do Prêmio Nobel da Paz, a entidade canadense destaca os méritos do Prêmio Henry Reeve.

Em 15 anos, mais de 9.000 profissionais de saúde que atuavam nessas Brigadas realizaram cerca de 60 missões em quatro continentes, estima-se que atenderam mais de 4 milhões de pessoas e salvaram quase 100.000 vidas, diz o documento.

Não há melhor momento, enquanto o planeta enfrenta uma terrível pandemia, para destacar o trabalho altruísta dos profissionais cubanos que, entre março e novembro de 2020, lutaram contra a Covid-19 em cerca de 40 países e territórios, destaca.

0-23-medicos-cubanos-1.jpg

Nesse sentido, destaca-se que sua criação ocorreu durante as terríveis devastações provocadas pelo furacão Katrina no final de agosto de 2005 nos Estados Unidos.

Segundo o texto, na ocasião Cuba se ofereceu espontaneamente para enviar uma brigada de 1.200 médicos e equipamentos por mais de um milhão de dólares, sendo então o primeiro país a prestar assistência humanitária a uma nação que cometeu múltiplos crimes contra a ilha caribenha. atos de agressão por mais de meio século.

No entanto, o presidente George W. Bush (2001-2009) rejeitou a oferta de ajuda do Líder Histórico da Revolução Cubana Fidel Castro e, com base nessa experiência, em 19 de setembro de 2005, Cuba anunciou a criação do Contingente Internacional Henry. Reeve, dos Médicos Especializados em Desastres e Epidemias.

A carta destaca que a escolha desse nome tem um caráter altamente simbólico, já que Henry Reeve (1850-1876) foi um jovem soldado americano que viajou a Cuba para ingressar no Exército de Libertação dos patriotas da ilha caribenha contra o colonialismo espanhol.

Reeve morreu em combate aos 26 anos, portanto, ao dar o seu nome ao contingente de saúde criado em 2005, o maior das Antilhas prestou homenagem à solidariedade internacional, seja ela de onde vier.

Até agora, uma das características que distinguem o destacamento das Brigadas cubanas no mundo é precisamente o facto de as intervenções se realizarem sem ter em conta a natureza das relações que a ilha mantém ou não mantém com os países destinatários. missiva.

Por seu altruísmo e solidariedade, eles merecem ganhar o Prêmio Nobel da Paz em 2021, conclui a carta. (PL)

Categories: # Cuba, #colaboracion medica cubana, #Cuba, #Fidel Castro Ruz, #RevoluciónCubana, #CubaCoopera, #CubaCoopera, #CubaEsSalud, #Cuba, #Salud en Cuba, #solidaridadvs bloqueo, ·Medicos Cubanos, Coronavirus, CoronaVirus, Política, CUBA COOPERA, CUBA-EUROPA, Delegacao cubana, epidemia, EUROPA, Manipulacion, Manipulacion Politica, MasQueMedicos, Solidaridad | Etiquetas: | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

<span>%d</span> bloggers like this: