Posts Tagged With: SOCIEDAD

#Duque defende a força pública após denúncias de violenta repressão aos protestos e promete abrir um “espaço para ouvir os cidadãos”

Na véspera dessas declarações, a comunidade internacional instou o governo colombiano a interromper os abusos cometidos pela Polícia Nacional e pelo Esquadrão Móvel Antimotim (Esmad).

O presidente da Colômbia, Iván Duque, em Bogotá, em 2 de maio de 2021
Foto: Presidência da Colômbia / Reuters

O presidente da Colômbia, Iván Duque, defendeu as ações da força pública na terça-feira, em meio às múltiplas denúncias de violações de direitos humanos cometidas durante protestos sociais, que deixaram pelo menos 19 mortos.

Durante uma mensagem na qual falou sobre os efeitos da pandemia covid-19, Duque fez referência aos massivos protestos sociais no país e àqueles que teriam “apelado ao vandalismo, terrorismo e violência irracional para obter paz de espírito”.

O presidente, severamente questionado nos últimos dias, expressou seu apoio à atuação das Forças Armadas e da Polícia: “Devemos apoiar nossa força pública, ao mesmo tempo que exigimos dela o maior rigor no cumprimento de sua missão constitucional”. Duque disse em vídeo transmitido pela Presidência da República.

“Os homens e mulheres que vestem os uniformes das Forças Armadas e da Polícia são os nossos valores democráticos. Por isso, os cidadãos devem reconhecer o seu valor, ser seus aliados”, acrescentou o chefe de Estado.

O presidente afirmou que seu governo tem a obrigação de responder “com a força da lei” contra os manifestantes que, em sua opinião, buscam “empobrecer cidades, tirar milhares de pessoas sem trabalho, destruir o transporte público e causar pobreza”.

Embora a comunidade internacional tenha pedido ao governo colombiano que pare a repressão da Polícia Nacional Colombiana e do Esquadrão Móvel Antimotim (Esmad) contra os manifestantes, Duque assegurou que foram civis que atiraram em “cidadãos indefesos” e atacaram “cruelmente” a os policiais.

Repressão policial
Organizações sociais documentaram 26 homicídios contra manifestantes; 142 vítimas de violência física cometida por homens uniformizados; 761 casos de detenções arbitrárias e 56 denúncias de desaparecimentos no âmbito das mobilizações.

“Como presidente da República e comandante supremo das Forças Armadas, se uma ação for apresentada fora do marco da Constituição, que afeta os direitos do povo, não vou aceitá-la de forma alguma”, disse o presidente nesta terça-feira. . No entanto, reiterou que as instituições de segurança têm o “apoio” e “exigência” do Governo.

No quadro dos protestos sociais que começaram em 28 de abril, houve vários abusos da polícia contra os manifestantes.

A Alta Comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos na Colômbia, Juliette Rivero, denunciou nesta terça-feira que membros de sua comissão foram ameaçados e atacados pelas forças de segurança enquanto acompanhavam os protestos na cidade de Cali, capital do Vale do Cauca, que começou na última quarta-feira.

A organização Amnistia Internacional confirmou que a Polícia “utilizou armas letais em vários incidentes” e que utilizou “armas menos letais indiscriminadamente”, incluindo gás lacrimogéneo e canhões de água.

Especificamente, a Anistia Internacional documentou o uso de um rifle Galil Tavorn durante a repressão policial às manifestações em Cali em 30 de abril e constatou que policiais apontaram armas semiautomáticas diretamente para manifestantes desarmados em Popayán (Cauca).

“Em outro incidente, em 1º de maio em Bogotá, foi verificado um veículo blindado disparando munição real”, denunciou a organização.

Mais de 800 infraestruturas feridas e danificadas
Enquanto isso, o ministro da Defesa da Colômbia, Diego Molano, declarou na terça-feira que a presença militar nas ruas do país oferece um apoio “excepcional” à polícia diante da “ameaça terrorista”.

Segundo suas palavras, um policial morreu e mais de 800 pessoas – tanto uniformizados quanto civis – ficaram feridas nos últimos dias em decorrência do “impacto das ações terroristas”. Indicou ainda que um grande número de infraestruturas públicas e empresas privadas também foram danificadas.

Espaço de diálogo e soluções
Durante sua mensagem, Duque anunciou que seu governo vai instalar “um espaço para ouvir os cidadãos e construir soluções”.

Nesse sentido, o presidente convidou todas as instituições, partidos políticos, empresas, governadores, prefeitos e lideranças da sociedade civil a participarem deste espaço, que, garantiu, terá os seguintes objetivos:

Rejeite a violência em todas as suas formas
Acelere o plano nacional de vacinação
Recursos seguros para garantir programas sociais
Proteja os mais vulneráveis
Promover a reativação econômica da Colômbia e gerar mais empregos
“Os resultados deste espaço vão se traduzir em iniciativas que possamos articular rapidamente, tanto do governo nacional quanto dos governos locais”, disse o presidente.

Uma polêmica reforma tributária introduzida pelo governo Duque gerou uma onda de protestos na Colômbia desde a semana passada. Embora o presidente tenha retirado a iniciativa, graças à pressão social, a repressão brutal da Polícia e do Exército contra os manifestantes reacendeu o protesto nas ruas.

Categories: Politica | Etiquetas: , , | Deixe um comentário

Presidente cubano descreve Trump como político analfabeto

Díaz-Canel questionou nessa rede social quais eram as reivindicações dos Estados Unidos ao fazer mais planos contra Cuba e Venezuela. Foto: Prensa Latina

O presidente Miguel Díaz-Canel descreveu como ‘analfabetos políticos’ aqueles que se propõem a ‘libertar’ Cuba e Venezuela, em resposta às reivindicações do presidente dos EUA, Donald Trump, contra essas nações. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

“Vamos lá, Wuhan”: mensagem emocional de cubanos em apoio à luta da China contra o coronavírus (+ Vídeos e Fotos)

A comunidade de cubanos residentes na China e membros do corpo diplomático gravou um vídeo emocionante em homenagem ao heroísmo daqueles que lutam na linha de frente contra a epidemia de coronavírus no país asiático. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , , , , , | Deixe um comentário

Declaração do Ministério das Relações Exteriores de Cuba contra o golpe de estado em andamento na Bolívia

Em 20 de outubro, em um dia de eleição caracterizado por ampla participação popular, o povo boliviano elegeu, como Presidente do Estado Plurinacional da Bolívia, o irmão Evo Morales Ayma. A histórica vitória de Evo, contra as manobras da direita interna e regional, o imperialismo e uma intensa guerra da mídia, também é um triunfo de toda a Grande Pátria. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Presidente chileno anuncia medidas para conter protestos em massa: descarta levantar estado de emergência

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, descartou na terça-feira a suspensão do estado de emergência e o toque de recolher em várias regiões do país, anunciando medidas para aplacar os protestos contra as políticas neoliberais do executivo. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Presidente chileno declara “em guerra” contra seu próprio povo

Em Valparaíso, os manifestantes atearam fogo no jornal local El Mercurio, o jornal mais antigo em circulação no Chile. Foto tirada do Infobae.

O presidente chileno, Sebastián Piñera, declarou seu país em estado de guerra contra os protestos populares que o governo enfrenta há três dias, o que levou à violência. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Foro de Sao Paulo en Venezuela: Tercera jornada de la cita de la izquierda mundial

Chegando hoje ao XXV Encontro do Fórum de São Paulo, em Caracas, em seu terceiro e penúltimo dia, espera-se que os debates e outros eventos deste evento contribuam para o objetivo final da concertação e a unidade que promove esta plataforma da esquerda internacional . Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Fórum de São Paulo confirma vitória para a América, afirma na Venezuela

“Há uma convicção de que nossa hora chegou, o tempo de destaque, justiça, independência e soberania.” Disse a deputada María León. Foto: Imprensa Latina.

A realização do XXV Fórum de São Paulo nesta capital representa um triunfo para a América com a proeminência latente de mulheres e jovens, disse a deputada constitucional venezuelana María León. Em entrevista à Prensa Latina, a defensora dos direitos das mulheres também descreveu o conclave como um espaço de resistência que dá voz a grupos que antes eram excluídos. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Marco Rubio não esconde para conspirar: “Falei com 13 oficiais de alto nível na Venezuela”

O senador pela Flórida, Marco Rubio. Foto: AP

O senador da Flórida, Marco Rubio, não tenta esconder suas atividades subversivas contra a Venezuela.

Ele assegurou neste sábado na rede social Twitter que ele falou com “13 funcionários de alto nível” das Forças Armadas Nacionais Bolivarianas (FANB) da Venezuela, com o objetivo de adicioná-los a um golpe de estado contra as autoridades legítimas. Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Marco Rubio afirma que a causa do blecaute foi a explosão em um “dique alemão” (que não existe)

Captura de tela de um relatório da Russia Today sobre o erro de Marco Rubio.

Comentando sobre o apagão maciço na Venezuela, o senador americano Marco Rubio apressou-se a twittar sobre uma suposta explosão em um “dique alemão” no estado de Bolívar.

“Hoje, outra explosão na represa alemã no estado de Bolívar causou outro grande apagão”, escreveu Rubio. Acontece que o político interpretou o nome de um jornalista, Dam alemão, que relatou sobre o apagão, como “dique alemão”, porque em Inglês “dique alemão” é chamado de “represa alemã”.

O repórter veio em auxílio do político. “O senador Marco Rubio, importante transformador explodiu em Bolívar […]; No entanto, isso não aconteceu em um dique, muito menos em um alemão. Meu nome é Germán Dam, eu sou um dos jornalistas que publicou a informação “, ele twittou.

Continuar a ler

Categories: Uncategorized | Etiquetas: , , , , , | Deixe um comentário

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: