VIIª CIMEIRA DAS AMÉRICAS: “A INSURGÊNCIA NO HEMISFÉRIO CRISTÃO OCIDENTAL!” – I.

 Featured image1 – Desde esta VIIª Cimeira das Américas, que ocorreu entre 6 e 12 de abril do corrente no Panamá, que a vida sócio-política do “hemisfério cristão ocidental”não será mais a mesma: os processos dialécticos ocorrem inclusive na via dos relacionamentos da superestrutura filosófica, doutrinária e ideológicas da própria aristocracia financeira mundial, aqueles 1% que a todo o transe procuram dominar o Mundo duma forma unipolar e o chão foge também dos pés para aqueles que se propõem a um pseudo-equilíbrio típico duma “terceira via”!

 

O cristianismo fundamentalista que produziu e espalhou tantos monstros nazis e fascistas “resistentes” depois da IIª Guerra Mundial, nas América, nas Europas e pela África fora, “recuperando”dentro desse critério muitos dos resíduos dos próprios, escondidos dos Tribunais Internacionais que os deveriam julgar (fórmula “inteligente” e trágica das redes “staybehind”), começa a ser firmemente confrontado pela Teologia da Libertação, pelo catolicismo dos pobres em conformidade com a coragem entre outros dum PSUV, pelas igrejas ortodoxas que sustentam as emergências europeias do leste, pelo próprio Papa Francisco, sensível em relação ao carácter nocivo e retrógrado do capitalismo voraz que tão maltrata a humanidade e a Mãe Terra!

 

O Comandante Fidel de Castro com Frei Beto, propõem-se incomodados com as incertezas da evolução contemporânea, a fazer uma revisão acrescentada à célebre entrevista “Fidel e a religião”, algo a que não pode deixar de estar presente a lucidez de vanguarda, legado do Comandante Hugo Chavez!

 

A integração na América Latina alimentar-se-á também por aí, por que essa via estará aberta a uma parte muito sensível das emergências da Europa do Leste que irrompem a partir da Rússia, onde uma Igreja Ortodoxa tem a oportunidade de lidar,uma vez mais, próximo dos “deserdados da Terra”!

 

Os BRICS estão presentes na América Latina, ou também por dentro dela, por que a geografia já não é barreira nesta “casa-comum”do século XXI e respondem à letra aos parâmetros da hegemonia unipolar, quiçá de forma que começa a ser mais vigorosa ainda, constituindo uma teia nunca antes imaginada, a começarpelos transportes marítimos e infra-estruturas portuárias e expandindo-se pelo miolo humano das sociedades.

 

Cuba acaba de ser servida pelo porto de águas profundas de Mariel e o canal da Nicarágua, cuja construção já teve início, vai em breve suplantar o do Panamá!…

 

 

2 – A hegemonia unipolar proposta e levada por diante teimosamente pela aristocracia financeira mundial, como as oligarquias arregimentadas da América Latina, está/estão a esgotar-se nos processos mais ultra-conservadores, característicos do fundamentalismo cristão da superestrutura do poder da hegemonia unipolar!

 

Obrigados a, pouco a pouco,deixar de alimentar os “operacionais” das redes “staybehind” nos três continentes, agora os gestores do “LeCercle”, secam o pântano das operações que visavam construir regimes ditatoriais, utilizam-nos para manobras “flexíveis” de ingerência, de manipulação, fomentando provocações, ou visando incorporar subsistemas de inteligência por vezes aplicando o rótulo de “oposição”, elaborando ementas e canais apropriados… tornando-os visíveis em função das situações que se deparam e quando os seus interesses e conveniências assim o determinem!

 

Uma das utilizações possíveis tem sido integrá-los nos esforços das “revoluções coloridas”, ou nas “primaveras árabes”, mas também há a tendência para os “polvilhar”em redes de oposição (quando julgam que não há a maturidade suficiente para se alcançar um clímax como o da Praça Maidan), na Europa, na América Latina e em África, de forma a alimentar as disputas pelo poder, ou passar as mensagens de conveniência fora das estruturas sócio-político-diplomáticas, quando há eleições, quando alcançarem espaços nos Parlamentos, ou quando há grandes eventos internacionais, como agora está a acontecer com a VIIª Cimeira das Américas.

 

Em alguns casos as fronteiras são tão ténues entre os “operacionais”das redes nazis e fascistas das redes “staybehind” e os “jihadistas” que qualquer ultra direita os absorve “sem fronteiras”!

 

No Panamá as provocações estiveram bem presentes, com gente escolhida a dedo, um parte dela velhos “operacionais” dos sistemas ultra conservadores que bebem as ideologias do “LeCercle” e integram os serviços de inteligência dominantes.

 

 

3 – O elitismo que faz parte da “cultura sócio-política” dos Democratas começa a dar sinais de alguma perturbação ou hesitação por causa das areias movediças do eleitorado norte-americano; sabe-o o Presidente Barack Hussein Obama, um afro descendente, como o sabe a família Clinton, pois não é por acaso a atenção que Bill tem por África e até pelo Haiti!

 

De facto o eleitorado norte-americano com raiz sócio-cultural latino-americana e afro-americana, católico na sua esmagadora maioria, já preenche a parte maior, relegando os que têm raízes nas culturas anglo-saxónicas e de origem europeia para um segundo plano em termos quantitativos…

 

Esse eleitorado é muito mais susceptível à doutrina corrente do Vaticano, à Teologia de Libertação, ao esforço progressista que se assiste na América Latina (e se espelhou agora na VIIª Cimeiras das Américas no Panamá) e é cada vez mais avesso a doutrinas ultra conservadoras conforme as emanadas pelo “LeCercle”, cuja “obra” (recorde-se os anos 70 e 80 do século passado), deixou um rasto de tirania, de opressão, de fascismo e de sangue, em nome da “luta contra o comunismo” e explorando o “bipolarismo” da Guerra Fria.

 

Depois é o carácter do eleitorado latino-americano e afro-americano nos Estados Unidos: é um eleitorado relativamente fresco de ideias e convicções, ávido de “subir na vida” nem que seja jogando basketball; quanto espaço sócio-político não tem ainda por disputar?

 

Entender as profundas alterações do eleitorado norte-americano faz parte dum conhecimento que a revolução cubana sempre procurou alimentar, por razões da própria sobrevivência da aliança dela para com o povo cubano, com quem se identifica e perante quem se coloca como vanguarda.

 

Lembro que só foi por causa desse amplo conhecimento e do saber analítico a que se chegou, que foi possível realizar missões como a Operação Carlota, ou a batalha decisiva do KuitoKuanavale, que deu início à derrocada do “apartheid”, algo também muito incómodo para os instrumentos “operacionais” do “LeCercle” na África dos anos 70 e 80 do século passado!

 

Como Cuba enfrentou em África e também na América Latina esses “operacionais” expoentes do “fundamentalismo cristão” da aristocracia financeira mundial e de suas agenciadas oligarquias, é evidente que é a sua inteligência que melhor conhece esse inesgotável “manancial” mercenário!

 

 

4 – Agora as Américas estão completas na OEA, os 35 estados que a integram já se podem sentar todos à mesma mesa a partir desta VIIª Cimeira no Panamá e a dialéctica está por conseguinte revigorada com as alterações profundas que se vão colocando: nada é como antes e independência, soberania e integração perfazem a “ordem do dia”, particularmente para a “ordem de batalha” dos estados progressistas da América Latina, mais de duzentos anos após o içar das bandeiras nacionais!

 

Se antes a resistência impunha-se contra a Operação Condor, no Chile, na Argentina, no Paraguai, no Uruguai, no Brasil, ou na Bolívia, se antes a resistência contra a opressão foi atingindo em cheio a América Central (Nicarágua, El Salvador, Guatemala e Honduras), se antes a resistência era contra as ditaduras e o seu entrosado papel em representação das oligarquias agenciadas pelo império, com o desaparecimento da Guerra Fria, dos “operacionais”gerados a partir das redes “staybehind”da Europa (recorde-se por exemplo a OAS na Argélia, a Operação Gládio, ou a Loja P-2, ou a “AginterPress”), a resistência ocorre numa outra forma, muito embora mantendo-se a dialéctica dos conteúdos.

 

Os progressistas agora olham os antigos “operacionais” olhos nos olhos, correm o risco de se sentarem à mesma mesa, por que eles surgem “democraticamente” instalados nas oposições tuteladas pelas oligarquias agenciadas pelo império, integrando as ONGs financiadas pela USAID, ou pela NED, ou por outra qualquer Agência (conforme acontece, por exemplo, a nível das comunicações, de acordo com o caso ZunZuneo em Cuba)…

 

… e aparecem em ocasiões como esta, a VIIª Cimeira das Américas no Panamá, ansiosas de, por via uma vez mais do mercenarismo, por via de ONGs afins ao sistema de inteligência dos Estados Unidos, conquistar espaço que agora não mais se pode ocupar como antes!

 

Em relação à vanguarda que é a revolução cubana, as figuras contraditórias abarcam desde os recrutamentos da USAID, ou da NED, a antigos terroristas como Posada Carrilles, ou assassinos como Félix Rodriguez, o assassino do Che, que a hegemonia unipolar em seu estertor procura fazer passar por “oposição”, ou por “opositores”, ou por “activistas independentes” duma qualquer ONG apropriada (que passe as mensagens subversivas de conveniência), em qualquer dos casos sempre conectados a oligarquias agenciadas e prontas a fazer uso avassalador das doutrinas capitalistas neo-liberais, conforme as iniciadas antes a ferro e fogo no Chile com Pinochet (“Chicago Boys”), em 1973.

Martinho Júnior

Luanda, 11 de abril de 2015.

Foto oficial dos representantes ao mais alto nível dos 35 países da OEA, presentes na VIIª Cimeira das Américas.

.La cumbre, la foto y las Américas que se vienen – http://www.marcha.org.ar/la-cumbre-la-foto-y-las-americas-que-se-vienen/

. Oficialmente inaugurada la VII Cumbre de las Américas, la hora de la verdad– http://www.granma.cu/mundo/2015-04-10/oficialmente-inaugurada-la-vii-cumbre-de-las-americas-la-hora-de-la-verdad

. Le Cercle – http://fr.wikipedia.org/wiki/Le_Cercle_(think_tank)

. First Cercle documents ever : photocopies os membership lists ; Opus Dei and Smom Central – http://www.isgp.nl/2011_10_First_ever_documents_of_Le_Cercle

. Teologia da Libertação – http://pt.wikipedia.org/wiki/Teologia_da_Liberta%C3%A7%C3%A3o

. 40 anos de Teologia de Libertação – https://leonardoboff.wordpress.com/2011/08/09/quarenta-anos-da-teologia-da-libertacao/

. Papa discretamente recebe o líder da Teologia da Libertação – http://www.cartamaior.com.br/?/Editoria/Politica/Papa-discretamente-recebe-o-lider-da-Teologia-da-Libertacao-/4/29176

. Líder Fidel de Castro recebe Frei Betto em Cuba – http://www.vermelho.org.br/noticia/257894-

. Cristianismo é socialismo, afirma Hugo Chavez em Cuba – http://oglobo.globo.com/mundo/cristianismo-socialismo-afirma-hugo-chavez-em-cuba-4431704

. “Bomba geoestratégica para EE.UU.”: Rusia y China preparan el canal de Nicaragua – http://actualidad.rt.com/actualidad/view/126924-bomba-geoestrategica-eeuu-canal-nicaragua

. Red stay behind – http://es.wikipedia.org/wiki/Red_Stay_Behind

. Las redes estadounidenses de desestabilización y de injerencia – http://www.voltairenet.org/article120005.html

. Daniele Ganser – http://www.voltairenet.org/auteur124764.html?lang=es

. La gran estafa de la democracia. Gladio, un stay-behind de la OTAN en España – https://manuescrig.wordpress.com/2013/12/12/la-gran-estafa-democratica-gladio-un-stay-behind-de-la-otan-en-espana/

. Le Cercle and the struggle for the European continent – https://wikispooks.com/ISGP/organisations/Le_Cercle.htm

. Operación Condor – http://es.wikipedia.org/wiki/Operaci%C3%B3n_C%C3%B3ndor

. Aginter Press – http://en.wikipedia.org/wiki/Aginter_Press

. As vidas de altíssimo risco dos Nogueira Pinto – http://www.publico.pt/sociedade/noticia/as-vidas-de-altissimo-risco-dos-nogueira-pinto-1460418

. Cuba exige expulsar de Panamá a uno de los asesinos del ‘Che’ – http://www.correodelorinoco.gob.ve/judiciales-seguridad/cuba-exige-expulsar-panama-a-uno-asesinos-che/

Anúncios
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: