contrarrevolucionarios anticubanos, #Cuba, guerra mediática, redes sociales, Referéndum Constitucional

A contra-revolução dividida ataca o Referendo Constitucional em Cuba

As redes sociais Twitter e Facebook se tornaram um foco de ataque da mídia contra o próximo Referendo Constitucional por contra-revolucionários baseados fora de Cuba e por vários líderes de grupos internos contra-revolucionários – sem deixar de mostrar as profundas divisões internas existentes no seio Esta minúscula oposição cuja base fundamental não são contradições ideológicas, mas as lutas pelo protagonismo e uma fatia maior da ajuda do exterior, principalmente dos Estados Unidos, que é mostrada em suas diferentes posições antes do evento. constitucional Continuar a ler

Categories: contrarrevolucionarios anticubanos, #Cuba, guerra mediática, redes sociales, Referéndum Constitucional, Uncategorized | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: