Contrarrevolución

O tipo que a Cibercuba come

Hoje à noite, um amigo me enviou a captura de tela de um diálogo entre Ernesto Morales, um jornalista da CiberCuba, acredito que Bayamo nasceu e alguns de seus amigos da FB.

Confesso, pelo jeito que recebi a imagem e as características do perfil que a enviou, que primeiro e achei que era um daqueles “sutis” jogadores dos seguretes mas, por via das dúvidas, fui até o muro de Ernesto para verificar se, tal abominação, poderia ser verdade em quem, não faz muito tempo, eu fiz apelos à coerência e ao bom senso no meu post.

E descobriu-se que a captura era verdadeira. Em um post onde Ernesto jornalista CiberCuba, acredita que é preferível a uma invasão militar da Venezuela antes de permitir que o ditador Maduro que continuam a governar, quando alguns de seus leitores vão questionar a eventual abate entre as crianças e os idosos, ele diz algo assim Em todo caso, Maduro está matando-os aos poucos, o que, visto na perspectiva daqueles que foram convencidos de que a Venezuela é um colossal campo de extermínio, poderia ter lógica, macabra, mas lógica no final.

Continuar a ler

Anúncios
Categories: Contrarrevolución, Uncategorized | Etiquetas: , , , , , , , , | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: