clima

Chuva desaloja 250 famílias e alaga ruas em Luanda

Jornal Angola

Duzentas e Cinquenta famílias foram desalojadas no Distrito Urbano do Benfica, em consequência da chuva intensa registada hoje, sábado, na cidade de Luanda, além de casas inundadas e ruas alagadas, dificultando a circulação de pessoas e veículos automóveis.

De acordo com o Serviço de Protecção Civil e Bombeiros (SPCB), o balanço provisório aponta como municípios críticos Kilamba Kiaxi, Cazenga, Viana, Talatona, Cacuaco e Belas, onde se notou aumento das bacias de retenção das ruas.

Numa ronda feita pela Angop, sob alerta também estão os moradores do distrito urbano da Maianga e no município do Cazenga, devido à inundação de casas e ruas alagadas, cenário quase similar por grande parte da zona periférica.

O município de Belas, sobretudo na zona das salinas, apresenta-se crítico, igualmente com ruas alagadas, além da destruição de uma casa em Talatona e o resgate de seis membros de uma família no interior de uma residência no distrito urbano do Benfica.

Apesar do cenário vivido durante e depois da chuva, as autoridades consideram “ situação temporária”, pois com o seu abrandamento tudo vai voltar à normalidade nas referidas zonas.

O porta-voz do SPCB, Faustino Minguês, disse que houve redução em relação aos anos anteriores, em face dos trabalhos feitos pelas comissões municipais, no perfilamento das bacias de retenção das águas, o desassoreamento das manilhas e das linhas de passagem e zonas desobstruídas para permitir o escoamento das águas.

“Isso é que tem vindo a mitigar o impacto das chuvas em Luanda”, explicou, numa altura em que o Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica descreve as condições actuais de aguaceiros com trovoada e precipitação na última hora a rondar 0,3 milímetro, ventos de 9km/h.

De acordo com a meteorologia, há previsão de chuva para a região de Luanda e arredores, podendo o céu apresentar-se nublado, alternando com períodos de céu muito nublado, assim como pode ainda ocorrer chuvisco ou chuva fraca.

Categories: "Miss Angola", ANGOLA, clima, Condições climatéricas, Mudança climática, Uncategorized | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Trump aconselha Greta Thunberg a “relaxar” e ir ao cinema

Em sua conta no Twitter, o inquilino da Casa Branca descreveu como “ridícula” a nomeação do jovem ecologista como pessoa do ano pela revista Time e deixou cair que a garota tem um “problema de controle da raiva”.

Trump aconseja a Greta Thunberg que "se relaje" y vaya al cine

A ativista Greta Thunberg olha para o presidente dos EUA, Donald Trump, em Nova York, EUA, Andrew Hofstetter / Reuters

“Ridículo.” Foi assim que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, avaliou a nomeação de Greta Thunberg como pessoa do ano de 2019 pela revista Time.

Em um tweet escrito quinta-feira em sua conta no Twitter, o presidente dos EUA compartilhou a capa do Time com a imagem da jovem ativista sueca, comentando que “Greta deve trabalhar em seu problema de controle da raiva” para saber o que ela deve ver. “Um bom filme de antes com um amigo”.

O jovem ecologista reagiu logo. Quando não passou uma hora desde o tweet do presidente americano, a garota mudou a descrição de seu perfil na rede social, onde escreveu: “Uma adolescente que trabalha com seu problema de controle da raiva. Atualmente, ela está relaxando e assistindo um bom filme de antes com um amigo “.

Nesta quarta-feira, a revista Time anunciou que o título de pessoa do ano de 2019 recai sobre a ativista sueca de 16 anos, conhecida por sua intensa luta contra as mudanças climáticas. O presidente Trump foi outro candidato, juntamente com sua rival política Nancy Pelosi, seu colega chinês Xi Jinping e o cofundador do Facebook Mark Zuckerberg, entre outros.

Thunberg já havia sido destacado pela mesma mídia como uma das 100 pessoas mais influentes do mundo. A lista, composta por figuras públicas que inspiraram outras pessoas, positiva ou negativamente, está dividida em cinco categorias: ‘pioneiros’, ‘titãs’, ‘artistas’, ‘líderes’ e ‘ícones’. A jovem sueca entrou na quarta categoria, sendo um dos 26 líderes mais proeminentes deste ano.

Categories: #Donald Trump, #Estados Unidos, @Trump, Acordo Climatico, Aquecimento Global, Mudanças Climáticas, Meio Ambiente, Oceanos, Temperaturas, clima, Condições climatéricas, Donald Trump, Donald Trump, Estados Unidos, FORA TRUMP, MEDIO AMBIENTE, Mudança climática, relações bilaterais, o governo Donald Trump, Trump Google, Um bom filho ... de Trump, Uncategorized | Etiquetas: , , , , | Deixe um comentário

Acordo de Paris sobre mudança climática.

Las islas caribeñas han sido de las más afectadas por los efectos del cambio climático.

Poe granma.

Quase 200 países aprovam regras para implementar o Acordo de Paris sobre mudança climática
Diplomatas de 196 países reunidos em Katowice (Polônia) fecharam uma negociação, no sábado, sobre um conjunto meticuloso de regras para a implementação do Acordo de Paris sobre mudanças climáticas.

As ilhas do Caribe foram as mais afetadas pelos efeitos da mudança climática. Foto: Mission Verdad
Diplomatas de 196 países reunidos em Katowice (Polônia) fecharam uma negociação, no sábado, sobre um conjunto meticuloso de regras para a implementação do Acordo de Paris sobre mudança climática.

O pacto, ancorado após uma longa noite de diálogos, exigirá que cada país participante mantenha o mesmo padrão para medir as emissões de gases de efeito estufa e acompanhar suas políticas relacionadas ao clima.

Seu estabelecimento busca garantir o cumprimento do objetivo estabelecido no Acordo de Paris de 2015 de limitar o aumento das temperaturas globais para menos de 200c.

“Colocar o programa de trabalho do Acordo de Paris para funcionar é uma grande responsabilidade. Foi um longo caminho. Fizemos o nosso melhor para não deixar ninguém para trás “, disse o presidente da cúpula, Michal Kurtyka, em um relatório da BBC World. Continuar a ler

Categories: clima, Mudança climática, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Arca de Noé para se salvar da mudança climática.

Um carpinteiro holandês seguiu as instruções do Antigo Testamento para construir uma cópia em tamanho natural da Arca de Noé.

A Bíblia como fonte de inspiração para lidar com a mudança climática … em sua versão mais apocalíptica.

Um carpinteiro holandês seguiu as instruções do Antigo Testamento para construir uma cópia em tamanho natural da Arca de Noé.

Tudo começou de um pesadelo, no qual Johan Huiber viu como seu país foi devastado por uma grande inundação. Continuar a ler

Categories: CIÊNCIA, clima, EDUCAÇÃO, MUNDO, SOCIEDADE, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Acordo de Paris pode salvar milhões de vidas.

O cumprimento do objectivo do Acordo de Paris destinado a reduzir as emissões de gases tóxicos pode salvar um milhão de vidas por ano, asseguraram, ontem, representantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), na Cimeira do Clima, que decorre na Polónia.

Grandes indústrias contribuem para o aquecimento global.
“É evidente que as alterações climáticas já estão a ter um grande impacto na vida e saúde das pessoas e ameaçam as bases de uma boa saúde: ar puro, água potável, alimentos nutritivos e um tecto seguro”, disse o director-geral da OMS.
Para Tedros Adhanom Ghebreye , “se as alterações climáticas continuarem a avançar, acabar-se-á com décadas de progresso mundial na saúde”, pelo que é necessário “agir de imediato para mitigar os efeitos”.
Segundo a OMS, nove em cada dez pessoas no mundo respiram ar contaminado, o que provoca sete milhões de mortes anuais por causas directamente relacionadas com a poluição. Além disso, a organização estima que, nos 15 países que emitem maior quantidade de gases com efeito estufa, os impactos na saúde da contaminação do ar custem mais de 4 por cento do PIB, sendo que as acções para alcançar os objectivos do Acordo de Paris custariam cerca de 1 por cento do PIB mundial. Continuar a ler

Categories: #salud, Cimeira, clima, MUNDO, OMS, ORGANIZACAO MUNDIAL E SAUDE, Organizacion Mundial de la Salud (OMS), Polônia, SAÚDE, SALUD, SOCIEDADE, Uncategorized | Etiquetas: , | Deixe um comentário

“Massa negativa”.

Nova teoria poderá explicar os 95% de matéria invisível do universo.

Cientistas da universidade de Oxford poderão ter resolvido um dos maiores mistérios da física moderna, com uma teoria que propõe a unificação da ‘matéria negra’ e da ‘energia negra’ num novo fenómeno, um fluído caracterizado por ter “massa negativa”.

De acordo com a nova teoria, exposta num artigo publicado hoje no boletim científico Astronomia e Astrofísica por Jamie Farnes, professor no departamento de engenharia científica da universidade britânica, o conceito de ‘massa negativa’ é descrito com a imagem de que se essa massa for empurrada irá acelerar no sentido inverso (negativo) ao da força sobre ela exercida.

De acordo com o artigo, esta nova perspetiva da composição do universo poderá também comprovar uma previsão teórica feita por Albert Einstein há 100 anos.

O modelo conceptual do Universo – denominado LambdaCDM – sobre o qual assenta a Física teórica atual postula que a totalidade da matéria visível (galáxias, planetas e todos os corpos celestes e poeiras estelares) representa apenas 5% da matéria e energia realmente existentes, com os 95% desconhecidos a serem classificados como ‘matéria negra’ e ‘energia negra’.

Mas o modelo LambdaCDM não esclarece as características físicas dessa matéria e energia desconhecidas e invisíveis, cuja existência é postulada apenas a partir dos efeitos gravitacionais que exercem sobre a matéria observável. Continuar a ler

Categories: CIÊNCIA, Cientistas, clima, MUNDO, natureza, SOCIEDADE, Uncategorized | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Alterações climáticas “avançam mais rápido do que nós.

dd

O mundo “não está no bom caminho” para combater os efeitos devastadores das alterações climáticas.

O aviso foi feito pelo secretário-geral da ONU, na sessão inaugural da COP24, a vigésima quarta cimeira das Nações Unidas sobre o Clima, que tem lugar na cidade polaca de Katowice.

António Guterres apelou a governos e investidores para apostarem “numa economia verde e não no cinzento da economia carbonizada”.

Guterres: “Estamos em apuros, em grandes apuros, no que diz respeito às alterações climáticas, que estão a avançar mais rápido do que nós. Temos de as apanhar o mais rápido possível, antes que seja demasiado tarde. Para muitas pessoas, regiões e mesmo países, já é uma questão de vida ou de morte.”

O mais recente relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas sublinha que, para concretizar o objetivo ideal do Acordo de Paris de 2015 para limitar o aquecimento do planeta a um máximo de 1,5 graus Celsius, será preciso reduziras as emissões de CO2 para metade até 2030, em comparação com 2010.

Categories: Cimeira, clima, Meio Ambiente, ONU, Polônia, SOCIEDADE, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: