Chamada de mobilização global em apoio da Venezuela.

Venezuela-info

Venezuela não está sozinho!

O Comitê Internacional sobre a Paz, Justiça e Dignidade chama para a próxima 1, 2 e 3 de Março para uma mobilização mundial em apoio à Revolução Bolivariana liderada pelo presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, aos constantes ataques por parte dos governos de direita e meios de comunicação privados. Através de um comunicado, a Comissão rejeita as ações promovidas a partir de Washington e juntou-se a chamada do presidente Maduro para invocar as relações de respeito emolduradas em matéria de igualdade e de diálogo.

A 02 de março fez uma tuitazo mundo e 3 será uma manifestação pacífica em embaixadas dos EUA no mundo. Os ataques da mídia contra a Venezuela e o Governo de Nicolas Maduro ter incluído falsas acusações e sanções aplicadas a este país o vice-presidente Tarek El Aissami por US

Declaração:

A mídia, escalada económica e golpista contra a Venezuela bolivariana e do governo de Maduro chegou ao fim da semana recente, com falsas acusações e sanções brutas impostas pelo governo venezuelano Vice-Presidente Trump Tarek El Aissami.

Durante os 18 anos do processo revolucionário venezuelano, as administrações de Washington, juntamente com o direito regional e europeu e a oposição venezuelana, não pararam um único dia de tentar destruí-lo.

Desde o golpe de 2002, com o seqüestro do presidente Hugo Chavez, a greve do petróleo, a deslegitimação de cada processo eleitoral, deturpação ea falsidade, fazendo um fascista e anti-democráticos da oposição constantemente apelos à violência, que deixou um equilíbrio triste da morte com seus “guarimbas” famílias pobres venezuelanos; que está preso por desacato das instituições nacionais, desonrar imagens sagradas como os de Bolívar e Chávez e ignora completamente o apoio esmagador do povo ao seu governo legítimo.

Esta guerra sem quartel contra a Revolução Bolivariana e do legado do Comandante Chávez, levou a um aumento disseminador internacional de mentiras, enganos, falsas declarações e manipulação da mídia a cadeia de notícias norte-americana CNN em Inglês e Espanhol.

Nada deve nos surpreender depois de ver o maior império de mídia, promovido a guerra falso contra o terrorismo, a ocupação do Afeganistão, Iraque, Líbia e Síria, com um saldo de mais de um milhão de mortes e espalhar todos os tipos de calúnia para golpes de Estado em Honduras, Paraguai e Brasil consumada.

A extrema direita cubano-americana, retrógrada e perversa, que não há mais de meio século em sua tentativa de destruir a Revolução Cubana, junta-se hoje ao coro de falcões e pressione o direitista presidente Trump não só manter, mas aumentar o confronto a administração Obama quando a Venezuela absurdamente declarou um “perigo” para segurança nacional dos EUA

Os avanços que durante estes 18 anos foram alcançados em nossa América, a partir do triunfo do Comandante Chávez, os governos da ALBA e dos países progressistas hoje estão seriamente ameaçados pelo avanço da regional de extrema-direita patrocinado por Washington. Apenas o suficiente para olhar no espelho de grandes países como Argentina e Brasil para ver o que nos espera se não agirmos antes.

Apesar do bloqueio político e de mídia Venezuela Bolivariana ainda de pé e lutando incansavelmente para as vitórias alcançadas.

Reiteramos a declaração do Presidente Maduro ontem: “A Venezuela quer relações de respeito, no âmbito da igualdade, comunicação, diálogo e da paz”. Ele chamou o presidente Trump não continuar com as antigas políticas de agressão contra a Venezuela conduzidos por George Bush e Obama. Ele alertou que eles estão sendo pagos “milhões de dólares de dólares” nos corredores e escritórios da Casa Branca para conduzir Trump a uma política errada de agressão contra a Venezuela “. Ele denunciou os deputados da oposição de promover uma política de agressão contra US ye intervenção presidente Venezuela.El também denunciou a unidade internacional da campanha de difamação contra o seu governo, o que é evidenciado pelas corporações sanções mídia Vice-Presidente Executivo Tarek El Aissami.

Venezuela não está sozinho!

A Revolução Bolivariana da Venezuela, grande e generoso para todos os nossos povos, precisa hoje o apoio incondicional de solidariedade internacional.

Domingo 05 de março marcará quatro anos da morte do amado Comandante Hugo Chávez.

Apelamos aos nossos amigos no mundo para mobilizar as nossas forças, nos dias 1, 2 e 3 de Março, com ações paralelas em todo o mundo em apoio à Venezuela bolivariana.

É imperativo para trabalhar a partir de agora as redes e movimentos sociais espalhando a verdade e os comunicados emitidos pelo governo bolivariano da Venezuela.

Propomo-nos a fazer uma grande tuitazo na quinta-feira 02 de março é ouvida alta e clara na Casa Branca, e falar na sexta-feira 03 de março, na sede das embaixadas bolivarianos, em apoio do governo de Maduro como uma forma de honrar a memória eo legado de Hugo Chávez, que deu tanto ao seu povo e da humanidade.

Nos próximos dias vamos anunciar os rótulos a utilizar para tuitazo.

Comitê Internacional, 20 de fevereiro de 2017.

Anúncios
Categories: AMERICA LATINA, ANGOLA, ÁFRICA, POLÍTICA, Uncategorized | Etiquetas: | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: